Videografia de Britney Spears

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Spears durante apresentação do concerto Britney: Piece of Me em 2014.

A videografia de Britney Spears, cantora e compositora americana, consiste em quarenta e quatro videoclipes (incluindo três como artista convidada), sete álbuns de vídeo e três documentários.[1][2] Após participar por duas temporadas do Mickey Mouse Club entre 1993 e 1994,[3][4] Spears assinou um contrato com a Jive Records em 1997.[5] No ano posterior, "...Baby One More Time" foi lançado como single de estreia da artista. O vídeo musical da canção foi dirigido por Nigel Dick[1] e o conceito elaborado pela cantora, que estava insatisfeita com a ideia original.[6] Creditado como um dos responsáveis pelo sucesso da música,[3][6] o clipe causou controvérsia devido ao uniforme colegial.[7] Foi eleito "Most Iconic Clip" na história do Total Request Live em 2008[8] e "Best '90s Music Video" segundo votação dos leitores da Billboard em 2011.[9] Adotando um tom mais maduro no terceiro álbum,[3] a vocalista optou por fazer o videoclipe de "I'm a Slave 4 U" ousado,[10] com foco nos movimentos de dança e na sensualidade.[11] Foi declarado "Sexiest Video of all Time" em 2007 pelo canal MuchMusic.[10][12]

O vídeo de "Toxic", do disco seguinte, apresenta Spears como uma agente em busca de vingança contra o ex-namorado.[13] A artista exibe o corpo nu coberto por diamantes durante o clipe,[13] que recebeu indicação em diversas premiações, vencendo a categoria "Outstanding Visual Effects in a Music Video" nos Visual Effects Society Awards de 2005.[14] Dirigido por David LaChapelle, o videoclipe de "Everytime" teve o conceito alterado por causa de alegações de que a intérprete estaria exaltando o suicídio.[15][16] Exibindo uma perspectiva obscura da fama,[15] foram realizadas referências religiosas e uma sugestão de reencarnação.[17] Alguns analistas notaram que a obra prenunciou os problemas que a cantora enfrentaria em consequência da atenção incessante da imprensa.[15][18] O vídeo de "Piece of Me" mostrou a vocalista parodiando a própria vida de uma maneira confiante.[19] Conquistou três prêmios nos MTV Video Music Awards de 2008, incluindo o de "Video of the Year".[20]

"Womanizer" foi considerado o retorno de Spears a boa forma após os transtornos na vida pessoal,[21][22] reconhecido como "Clip de l’année" nos NRJ Music Awards de 2009.[23] O clipe de "Circus" foi alvo de críticas da organização People for the Ethical Treatment of Animals por usar "leões e elefantes cruelmente treinados".[24] No entanto, as alegações foram negadas pelos treinadores dos animais.[24] "Radar" prestou homenagem ao videoclipe da canção "Take a Bow", de Madonna.[25] Em 2011, políticos de Hackney acusaram o vídeo de "Criminal" de glorificar a violência,[26] ao passo que uma analista observou sentimento antibritânico no projeto.[27] Representantes da artista declararam que a gravação retrata uma história fictícia, na qual Jason Trawick interpreta um personagem presente na letra da música.[28] O clipe de "Pretty Girls", colaboração com Iggy Azalea, foi inspirado no filme Earth Girls Are Easy, de 1988.[29] Nos MTV Video Music Awards de 2011, Spears foi premiada com o "Michael Jackson Video Vanguard Award" por suas contribuições significativas na realização de vídeos musicais.[30][31] Onze videoclipes da intérprete conquistaram o "Vevo Certified",[32] estando alguns entre os mais caros da história.[33][34][35]

Vídeos musicais[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Diretor Notas
1998 "...Baby One More Time" Nigel Dick[1]
1999 "Sometimes"
"(You Drive Me) Crazy"
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Dance Video.[40]
"Born to Make You Happy" Billie Woodruff[1]
"From the Bottom of My Broken Heart" Gregory Dark[1]
2000 "Oops!... I Did It Again" Nigel Dick[1]
  • Vevo Certified.[32]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Female Video.[40]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Pop Video.[40]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Viewer's Choice.[40]
"Lucky" Dave Meyers[1]
"Stronger" Joseph Kahn[1]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Pop Video.[41]
2001 "Don't Let Me Be the Last to Know" Herb Ritts[1]
"When Your Eyes Say It"[n 1] Jonathan Dayton e Valerie Faris[1]
"I'm a Slave 4 U" Francis Lawrence[1]
  • Sexiest Video of all Time de acordo com o MuchMusic.[10][12]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Choreography.[44]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Dance Video.[44]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Female Video.[44]
"Overprotected" Billie Woodruff[1]
2002 "I'm Not a Girl, Not Yet a Woman" Wayne Isham[1]
"Overprotected (Darkchild Remix)" Chris Applebaum[1]
"I Love Rock 'n Roll"
"Boys (The Co-Ed Remix)" (com Pharrell Williams) Dave Meyers[1]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Video from a Film.[47]
2003 "Me Against the Music" (com Madonna) Paul Hunter[1]
2004 "Toxic" Joseph Kahn[1]
  • Visual Effects Society Award para Outstanding Visual Effects in a Music Video.[14]
  • Sexiest Music Video of all Time conforme votação do MUZU.TV.[48][49]
  • 2º lugar na lista Best '00s Music Videos de acordo com a Billboard's Readers Poll.[50]
  • 20ª posição na lista 50 Sexiest Videos of all Time do MuchMusic.[12]
  • Vevo Certified.[37][38]
  • Nomeado - MTV Australia Award para Best Dance Video.[51]
  • Nomeado - MTV Australia Award para Sexiest Video.[51]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Dance Video.[52]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Female Video.[52]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Pop Video.[52]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Video of the Year.[52]
  • Nomeado - MuchMusic Video Award para Best International Artist Video.[53]
"Everytime" David LaChapelle[1]
"Outrageous"[n 2] Dave Meyers[1][55]
"My Prerogative" Jake Nava[1]
2005 "Do Somethin'" Britney Spears e Billie Woodruff[1]
"Someday (I Will Understand)" Michael Haussman[1]
2007 "Gimme More" Jake Sarfaty[58]
"Piece of Me" Wayne Isham[59]
  • MTV Video Music Award para Best Female Video.[60]
  • MTV Video Music Award para Best Pop Video.[60]
  • MTV Video Music Award para Video of the Year.[60]
  • 6º videoclipe mais visualizado no sítio MTV.com em 2008.[61]
2008 "Break the Ice" Robert Hales[62]
"Womanizer" Joseph Kahn[63]
"Circus" Francis Lawrence[69]
  • MTV Australia Award para Best Moves.[70]
  • Best Video of 2009 conforme enquete do Fuse.[71][72]
  • Vevo Certified.[37][38]
  • Nomeado - MTV Europe Music Award para Best Video.[73]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Art Direction.[64]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Choreography.[64]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Cinematography.[64]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Editing.[64]
2009 "If U Seek Amy" Jake Nava[74][75]
"Radar" Dave Meyers[76]
"Kill the Lights" Puny[77]
"3" Diane Martel[78]
  • Nomeado - International Dance Music Award para Best Music Video.[79]
2011 "Hold It Against Me" Jonas Åkerlund[80]
"Till the World Ends" Ray Kay[81]
  • MTV Video Music Award para Best Pop Video.[82]
  • Vevo Certified.[37][38]
  • Nomeado - MTV Video Music Award para Best Choreography.[82]
  • Nomeado - MuchMusic Video Award para International Artist Video of the Year.[83]
  • Nomeado - MuchMusic Video Award para UR Fave International Video.[83]
"I Wanna Go" Chris Marrs Piliero[84][85]
  • Best Video of 2011 de acordo com votação do Fuse.[72][86]
  • Vevo Certified.[37][38]
"Criminal"
2013 "Ooh La La" Marc Klasfeld[87]
"Work Bitch" Ben Mor[88]
"Perfume" Joseph Kahn[89]
2015 "Pretty Girls" (com Iggy Azalea) Cameron Duddy e Iggy Azalea[90]
  • Best Video of 2015 segundo eleição do Fuse.[72]
  • Vevo Certified.[37][38]
2016 "Make Me..." (com G-Eazy)[n 3] Randee St. Nicholas[54]
"Slumber Party" (com Tinashe) Colin Tilley[92]

Como artista participante[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Diretor Notas
2001 "What's Going On?" (com Artists Against AIDS Worldwide) Jake Scott e Malik Sayeed[1]
2012 "Scream & Shout" (com will.i.am) Ben Mor[1][93][94]
  • Vevo Certified.[37][38]
  • Nomeado - MuchMusic Video Award para International Artist Video of the Year.[95][96]
2013 "Scream & Shout (Remix)" (com will.i.am, Diddy, Hit-Boy, Lil Wayne & Waka Flocka Flame)

Álbuns de vídeo[editar | editar código-fonte]

Detalhes Melhores posições atingidas[97][98] Certificações
EUA
[99]
Time Out with Britney Spears 1
Live and More! 3
Britney: The Videos 1
Britney Spears Live from Las Vegas 1
Britney Spears: In the Zone 1
Greatest Hits: My Prerogative 3
Britney Spears Live: The Femme Fatale Tour 2

Documentários[editar | editar código-fonte]

Detalhes Melhores posições atingidas[97][98]
EUA
[99]
Stages: Three Days in Mexico
Britney & Kevin: Chaotic... The DVD & More
Britney: For the Record 3
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Notas

  1. O lançamento do single foi cancelado e o videoclipe nunca foi disponibilizado.[43]
  2. Britney machucou o joelho durante as gravações e o videoclipe não foi finalizado.[54]
  3. O primeiro vídeo, dirigido por David LaChapelle,[91] foi descartado.[54] De acordo com a RCA, a versão foi rejeitada pois não era "uma representação adequada da música".[54]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x «Britney Spears». Mvdbase.com (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  2. «Britney Spears Music Videos». AOL (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2014. Arquivado do original em 7 de julho de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  3. a b c Huey, Steve. «About Britney Spears». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  4. Ganz, Caryn. «Biography». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  5. Macias, Amanda (2 de fevereiro de 2016). «Here's the moment record-label executives knew 15-year-old Britney Spears would be a superstar». Business Insider (em inglês). Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  6. a b «Britney Spears é a única artista a ter VEVO Certified em três décadas diferentes». Billboard. Terra. 20 de abril de 2014. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  7. «Britney Spears, '...Baby One More Time' (1998)». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  8. a b Montgomery, James (16 de novembro de 2008). «Justin Timberlake, Beyonce, Eminem, Fall Out Boy Mark End Of An Era At 'TRL' Finale». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  9. a b Letkemann, Jessica (1 de agosto de 2011). «The 10 Best '90s Music Videos: Poll Results». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  10. a b c «Os dez clipes mais sensuais de Britney Spears». Rolling Stone. UOL. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  11. Vena, Jocelyn (1 de dezembro de 2011). «Britney Spears' 'Slave 4 U': The Story Behind The Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  12. a b c «Sexiest Videos (AXS Select)». MuchMusic (em inglês). Consultado em 9 de março de 2016. Arquivado do original em 16 de setembro de 2008  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  13. a b Kaufman, Gil (25 de agosto de 2004). «Yes, Britney Really Is Naked In The 'Toxic' Video: VMA Lens Recap». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  14. a b «Winners and Nominees». Visual Effects Society (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  15. a b c Myers, Justin (25 de junho de 2015). «Number 1 today in 2004: Britney Spears – Everytime». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  16. Vineyard, Jennifer (12 de março de 2004). «Britney Spears Removes Suicide Plot From 'Everytime' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  17. Vineyard, Jennifer (9 de abril de 2004). «Britney Says Controversial New Video Is About Reincarnation». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 9 de março de 2016. Cópia arquivada em 9 de março de 2016 
  18. Wenner, Jann (2009). «The Complete Video Guide: "Everytime"». Wenner Media LLC. Rolling Stone (em inglês). ISSN 0035-791X 
  19. Vena, Jocelyn (23 de novembro de 2009). «Britney Spears Took Aim At The Media In 'Piece Of Me' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 28 de dezembro de 2009 
  20. Kaufman, Gil (8 de setembro de 2008). «It's Britney Spears' Night At The VMAs, While Kanye West Ends The Show With A Bang». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  21. Bryant, Adam (11 de outubro de 2008). «Britney Bares (Almost) All in "Womanizer" Video». TV Guide (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  22. «Os dez clipes mais sensuais de Britney Spears». Rolling Stone. UOL. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  23. a b «And the winners are…». NRJ Music Awards (em francês). 18 de novembro de 2009. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  24. a b Montgomery, James (9 de dezembro de 2008). «Britney Spears' 'Circus' Video Taken To Task By PETA, But Trainers Insist Animals Were Treated Well». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 17 de dezembro de 2008 
  25. Vena, Jocelyn (24 de novembro de 2009). «Britney Spears Channeled 'Classy' Madonna In 'Radar' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  26. Copsey, Robert (23 de setembro de 2011). «Britney Spears angers MPs over 'Criminal' video shoot». Digital Spy (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  27. Alexandra, Rae (21 de outubro de 2011). «Britney and Rihanna Debut New Videos -- and Anti-English Sentiments». SF Weekly (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  28. Montgomery, James (26 de setembro de 2011). «Britney Spears Responds To 'Criminal' Video Controversy». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 22 de dezembro de 2011 
  29. Lindner, Emilee (13 de maio de 2015). «Here's The Origin Of Iggy Azalea's New 'Pretty Girls' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  30. Mitchell, John (28 de agosto de 2011). «Britney Spears Accepts Video Vanguard VMA – And A Kiss From Lady Gaga». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  31. Vanegas, Trent (29 de agosto de 2011). «Britney Spears Wins The 'Best Pop Video' & 'Video Vanguard' Awards At The 2011 MTV Video Music Awards». Pink is the New Blog (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  32. a b Nicaise, Lionel (16 de junho de 2016). «Britney Spears: Le clip de "Oops !... I Did It Again" est désormais certifié sur Vevo». MCM (em francês). Consultado em 15 de julho de 2016. Cópia arquivada em 15 de julho de 2016 
  33. «Most Expensive Pop Music Videos: 8 Videos That Cost Millions To Make». Capital FM (em inglês). 3 de abril de 2014. Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  34. Joseph (12 de abril de 2013). «The 40 Most Expensive Music Videos Ever Made». Refined Guy (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Arquivado do original em 20 de outubro de 2014 
  35. Joseph (12 de abril de 2013). «The 40 Most Expensive Music Videos Ever Made». Refined Guy (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Arquivado do original em 20 de outubro de 2014 
  36. «VH1: 100 Greatest Videos». Rock On The Net (em inglês). 2001. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  37. a b c d e f g h i j k Peoples, Glenn (6 de junho de 2012). «Vevo Launches Certified Award for Videos With 100 Million Views». Billboard (em inglês). Billboard.biz. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  38. a b c d e f g h i j k «Artists / Britney Spears». Vevo (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  39. a b c «1999 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  40. a b c d «2000 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  41. «2001 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  42. «U2, DMB Lead My VH1 Award Nominations». Billboard (em inglês). 2 de novembro de 2001. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  43. «Britney Spears – When Your Eyes Say It». Discogs (em inglês). Consultado em 18 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 25 de julho de 2014 
  44. a b c «2002 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  45. «The 17th Japan Gold Disc Award 2003». RIAJ (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 13 de setembro de 2006  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  46. «MTV Asia Awards 2003 Nominees». Popdirt.com (em inglês). 3 de novembro de 2002. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  47. «2003 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  48. «Madonna's Hung Up 'least sexy music video of all time'». The Daily Telegraph (em inglês). 19 de outubro de 2009. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  49. «"Toxic", de Britney Spears, é eleito o clipe mais sexy». Rolling Stone. UOL. 20 de outubro de 2009. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  50. Mapes, Jillian (1 de agosto de 2011). «The 10 Best '00s Music Videos: Poll Results». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  51. a b Martin, Luke (3 de dezembro de 2004). «Nominees Announced For The MTV Australia Video Music Awards». Fasterlouder.junkee.com (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  52. a b c d «2004 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  53. «Winners». MuchMusic (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 13 de fevereiro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  54. a b c d Kheraj, Alim (8 de agosto de 2016). «Britney Spears and the curse of the scrapped music video: 6 times it's happened before». Digital Spy (em inglês). Consultado em 18 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2016 
  55. Vineyard, Jennifer (1 de junho de 2004). «Britney's Catsuit May Come In Handy For Next Single, But Not For China». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  56. «Saem os indicados ao VMB 2005. Saiba!». Portal Vírgula. UOL. 19 de agosto de 2005. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  57. «MTV anuncia a lista de indicados ao VMB». UOL Música. 19 de agosto de 2005. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  58. Parsley, Aaron (5 de outubro de 2007). «Britney Plays Dual Roles in Steamy 'Gimme More' Video». People (em inglês). Consultado em 4 de julho de 2014 
  59. Aswad, Jem (28 de novembro de 2007). «Britney Spears Shoots 'Piece Of Me' Video, Using Pursued-By-Paparazzi Theme». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  60. a b c «2008 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  61. a b Montgomery, James (12 de dezembro de 2008). «We've Had Our Say, Here Are Your Top Songs Of 2008: Britney Spears, Lil Wayne And More!». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 20 de fevereiro de 2009 
  62. «Britney Spears transformed into a slimline superhero for her new animated video». Daily Mail (em inglês). Mail Online. 13 de março de 2008. Consultado em 4 de julho de 2014 
  63. Vena, Jocelyn (25 de setembro de 2008). «Britney Spears Reportedly Plays Vampy Waitress In 'Womanizer' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  64. a b c d e f «2009 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  65. «Best Video of 2008». Fuse TV (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 20 de janeiro de 2014 
  66. «Britney Wins Fuse TV's Best Video of 2008» (em inglês). Britneyspears.com. 13 de dezembro de 2008. Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 16 de janeiro de 2009  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  67. «IDMA Winners for the year 2008 presented in 2009». Winter Music Conference (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 8 de março de 2016 
  68. A. Gil, Baby (23 de janeiro de 2009). «The MYX Music Awards 2009 nominees». Sounds Familiar (em inglês). The Philippine Star. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  69. Vena, Jocelyn (21 de novembro de 2008). «Britney Spears Doc Shows 'Where She Is And Where She Is Going,' Manager Larry Rudolph Says». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  70. Louise James, Sarah (27 de março de 2009). «Best Bits and Winners: the Vodafone MTVAAs!». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 22 de fevereiro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  71. «And The Best Of 2009 Winner Is...». Fuse TV (em inglês). 12 de dezembro de 2009. Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 22 de fevereiro de 2014 
  72. a b c «Britney Spears & Iggy Azalea's "Pretty Girls" Wins Fuse's Top 40, Named No. 1 Video of 2015». Fuse TV (em inglês). 16 de dezembro de 2015. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  73. «Confira a lista de indicados ao EMA 2009». Rolling Stone. UOL. 21 de setembro de 2009. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  74. Vena, Jocelyn (12 de fevereiro de 2009). «Britney Spears Plays Sexy '50s Housewife In 'If U Seek Amy' Video». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  75. «Earlier Filming Date Scheduled For Britney If U Seek Amy Music Video Shoot». Osdia.es (em inglês). Britney.com. 4 de fevereiro de 2009. Consultado em 4 de julho de 2014. Arquivado do original em 21 de setembro de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  76. Vena, Jocelyn (14 de julho de 2009). «Britney Spears Shows 'Classy Side' In 'Radar' Video, Director Says». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  77. SHAD (26 de maio de 2009). «New Animated Music Video» (em inglês). Puny Blog. Consultado em 5 de junho de 2013. Arquivado do original em 2 de fevereiro de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  78. Vena, Jocelyn (15 de outubro de 2009). «Britney Spears Gives Fans '3′ Video Sneak Peek». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  79. «25th Annual International Dance Music Awards Nominees and Winners». Winter Music Conference (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  80. Vena, Jocelyn (18 de janeiro de 2011). «Britney Spears' 'Hold It Against Me' Video To Be Directed By Jonas Akerlund». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 4 de julho de 2014 
  81. Cassie (17 de março de 2011). «Britney Gears Up For 'Till The World Ends' Video and 'Femme Fatale' Performances» (em inglês). Britneyspears.com. Consultado em 5 de junho de 2013. Arquivado do original em 21 de março de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  82. a b «2011 VMA Winners». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  83. a b «And the Winner Is...». MuchMusic (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 24 de julho de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  84. «Britney Spears Confirms "I Wanna Go" As The Next Single From Her Platinum-Certified Album "Femme Fatale"» (em inglês). Britneyspears.com. 13 de maio de 2011. Consultado em 4 de julho de 2014. Arquivado do original em 23 de maio de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  85. Masley, Ed (17 de setembro de 2011). «Britney Spears shooting 'Criminal' video this weekend in U.K.». The Arizona Republic (em inglês). Azcentral.com. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  86. «Congratulations, Britney!». Fuse TV (em inglês). 7 de dezembro de 2011. Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 23 de dezembro de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  87. «Britney Spears teases new Ooh La La music video». Metro (em inglês). 9 de junho de 2013. Consultado em 4 de julho de 2014 
  88. Dinh, James (10 de setembro de 2013). «Britney Spears' 'Work Bitch' Reporting For Duty Next Week». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  89. Johnson, Zach (20 de novembro de 2013). «Britney Spears Makes Out With a Mystery Man in the Desert for "Perfume" Music Video Shoot» (em inglês). E! News. Consultado em 25 de novembro de 2013 
  90. Ryan, Patrick (26 de abril de 2015). «Britney, Iggy team up for 'Pretty' duet». USA Today (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2015 
  91. Hicks, Gregory (3 de junho de 2016). «Britney Spears And 'Everytime' Director David LaChapelle Are Back At It Again». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 15 de julho de 2016. Cópia arquivada em 15 de julho de 2016 
  92. Dinh, James (27 de outubro de 2016). «Britney Spears Invites Tinashe Over For A 'Slumber Party': See The Sexy Video Shoot Photo». Z100 (em inglês). iHeartMedia. Consultado em 17 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2016 
  93. Vena, Jocelyn (12 de fevereiro de 2013). «Britney Spears, will.i.am Bringing 'Freaking Fresh' Remix Video For 'Scream & Shout'». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  94. «Scream & Shout (Remix) (Explicit)». Vevo (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  95. Bliss, Karen (22 de maio de 2013). «Marianas Trench, Drake Lead 2013 MuchMusic Video Awards Nominations». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Cópia arquivada em 8 de março de 2016 
  96. «Winners». MuchMusic (em inglês). Consultado em 8 de março de 2016. Arquivado do original em 17 de julho de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  97. a b «Britney Spears». Mariah-charts.com (em inglês). Consultado em 1 de julho de 2014 
  98. a b «Britney Spears». Acharts.co (em inglês). Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  99. a b Desempenho na tabela musical americana Music Video Sales:
  100. a b «Gold-/Platin-Datenbank». Bundesverband Musikindustrie (em alemão). Consultado em 13 de março de 2011 
  101. «Gold/Platinum». Music Canada (em inglês). Consultado em 24 de fevereiro de 2015 
  102. a b c d e f g «Gold & Platinum». RIAA (em inglês). Consultado em 18 de janeiro de 2016 
  103. a b c d e «Certified Awards Search». BPI (em inglês). Consultado em 13 de outubro de 2017 
  104. a b c d e f «Les Certifications». SNEP (em francês). Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 3 de julho de 2014 
  105. a b c «Discos de Oro y Platino» (em espanhol). CAPIF. Consultado em 16 de novembro de 2012. Arquivado do original em 18 de julho de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  106. a b «ARIA Charts - Accreditations - 2008 DVD». ARIA (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2014 
  107. a b c «Certificaciones» (em espanhol). AMPROFON. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2015 
  108. «ARIA Charts - Accreditations - 2004 DVD». ARIA (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2014 
  109. «Certificados». Pro-Música Brasil. Consultado em 13 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 22 de setembro de 2017 
  110. «洋楽[ビデオ]». RIAJ (em japonês). Consultado em 3 de março de 2016. Arquivado do original em 22 de dezembro de 2010  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  111. «Britney Spears Live: The Femme Fatale Tour [Blu-ray]». Amazon.com (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  112. «ARIA Charts - Accreditations - 2011 DVDs». ARIA (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2014 
  113. «Britney Spears: Stages with DVD». Amazon.com (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  114. Jen (23 de fevereiro de 2009). «Britney: For The Record DVD Announcement» (em inglês). Britneyspears.com. Consultado em 5 de junho de 2013. Arquivado do original em 20 de abril de 2010  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]