Vigias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Fevereiro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Vigias ou Vigilantes eram assim chamados os anjos descritos nos livros apócrifos de Enoque.

Estão divididos em dois grupos: os Santos vigias e os "grigori" que são os Vigilantes.

Os Grigori ou Vigilantes é como são chamados os 200 anjos que abandonaram sua habitação original no céu e desceram à terra e se misturaram com as filhas dos homens.

Enoch 15:1 "Então dirigindo-se para mim, Ele falou e disse: Ouve, não se atemorize, justo Enoque, tu escriba da retidão: aproxima-te para cá, e ouve a minha voz. Vai, dize às Sentinelas do céu, a quem te enviei para rogar por eles;tu deves rogar pelos homens, e não os homens por ti. 2: Portanto, deves abandonar o sublime e santo céu, o qual permanece para sempre; deitastes com mulheres; vos corrompestes com as filhas dos homens; tomaste-a para ti esposas; agistes igual aos filhos da terra, e gerastes uma ímpia descendência."

Segundo Enoch 7:9 os líderes destes anjos seriam: Samyaza, que era o seu principal, Urakabarameel, Akibeel, Tamiel, Gadreel, Ramuel, Danel, Azkeel, Saraknyal, Asael, Armers, Batraal, Anane, Zavebe, Samsaveel, Ertael, Turel, Yomyael, Azazyel (Também conhecido como Azazel). Estes eram os perfeitos de 200 anjos, e o conhecimento estava com eles.

A Historia dos Santos Vigias[editar | editar código-fonte]

No Monte Hérmon que significa o monte do acordo/aliança os 200 principais Grigori "olharam as filhas dos homens e acharam que estas eram agradáveis aos seus olhos as desejaram." Neste lugar eles fizeram um acordo entre eles. Todos eles sairiam e tomariam para si as filhas dos homens, todas as que desejassem, e se fossem punidos por isso, todos aceitariam o castigo por igual.

Enoch 7:3 - "Então seu líder Samyaza disse-lhes: Eu temo que talvez possais indispor-vos na realização deste empreendimento.

4: E que só eu sofrerei por tão grave crime.

5: Mas eles responderam-lhe e disseram: Nós todos juramos

6: (e amarraram-se por mútuos juramentos), que nós não mudaremos nossa intenção mas executamos nosso empreendimento projetado.

7: Então eles juraram todos juntos, e todos se amarraram (ou uniram) por mútuo juramento. Todo seu número era duzentos, os quais descendiam de Ardis, o qual é o topo do monte Armon."

Os Santos Vigias foram depois enviados por Deus para castigar e tentar reorganizar o caos que os nephilim, filhos dos Grigori com as filhas dos homens, causaram na terra. Na verdade os Nephilins eram os filhos que nasceram da união entre os humanos e os anjos rebelados.

Segundo os livros de Enoque estes santos vigias eram liderados por Miguel. Entre os seus seis companheiros, todos eles Arcanjos, estava Rafael, Gabriel, Uriel e Sariel.

Estes são os nomes dos anjos Sentinelas: (Enoch 20:1)

Uriel, um dos santos anjos, o qual preside sobre o clamor e o terror.

Rafael, um dos santos anjos, o qual preside sobre os espíritos dos homens.

Raguel, um dos santos anjos, o qual inflige punição ao mundo e às luminárias.

Miguel, um dos santos anjos, o qual, presidindo sobre a virtude humana, comanda as ações.

Sarakiel, um dos santos anjos, o qual preside sobre os espíritos dos filhos dos homens que transgridem.

Gabriel, um dos santos anjos, o qual preside sobre Ikisat, (serpente) sobre o paraíso e sobre o querubim.

Alguns destes santos vigias são mencionados varias vezes na Bíblia e em outros livros de Enoque e Jubileus.

Na Bíblia alguns desses anjos são chamados de os sete anjos do apocalipse (Apocalipse) ou simplesmente vigias (Jeremias 31:6 | Daniel 4:17 | Miqueias 7:14)*