Vila Galé Hotéis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vila Galé Hotéis
vila-galé-logo.png
Privada
Slogan Sempre perto de si (Português (Portugal))

Sempre perto de você (Português (Brasil))

Always close to you (Inglês)

Atividade Hotéis
Fundação 1986
Sede Lisboa, Portugal
Pessoas-chave Jorge Rebelo de Almeida
Empregados 3200
Produtos Hotéis e Resorts
Website oficial www.vilagale.com

O grupo hoteleiro Vila Galé é o segundo maior grupo hoteleiro português,[1] com mais de 3 décadas de existência conta já com 34 unidades, 25 destas em Portugal e as restantes nove no Brasil. Traduz-se num total de total de 7.454 quartos e 15.286 camas, e 3.200 colaboradores.

História[editar | editar código-fonte]

Jorge Rebelo de Almeida, em conjunto com José Silvestre Salvador e José Ruivo, investiram na criação do Grupo Vila Galé, com uma aposta no segmento hoteleiro. Em 1988 ocorre a abertura do primeiro empreendimento, o Hotel Apartamento Vila Galé (agora Vila Galé Atlântico), na Praia da Galé, em Albufeira, no Algarve, e que viria a dar nome ao grupo hoteleiro. Durante a década de 90 ocorreu uma expansão com a abertura de novas unidades hoteleiras no Algarve. Entre 1996 e 1999 foram inaugurados hotéis em Cascais, no Estoril e no Porto, marcando assim a expansão do grupo para as outras regiões de Portugal. Em 2001 o grupo abre o seu primeiro hotel no Brasil, mais concretamente na cidade de Fortaleza. Em 2013 foi inaugurada a primeira unidade de 5 estrelas em Portugal, o Vila Galé Collection Palácio dos Arcos, em Paço de Arcos, Oeiras, resultante da requalificação do mais importante palácio desta vila. Já em 2014, com a abertura do Vila Galé Rio de Janeiro, a rede passa a deter sete unidades no Brasil. Meses depois, estreava o seu novo hotel em Évora e chegava ao Douro, onde passou a ter um hotel de charme. Já em 2017, é inaugurado o hotel Vila Galé Porto Ribeira, no Porto.

Em 2018, ano em que o grupo comemorou os 30 anos da abertura do primeiro hotel, foi inaugurada a trigésima unidade, o Vila Galé Collection Braga, que resulta da reabilitação do edifício do antigo hospital de São Marcos. Esta unidade ganhou o prémio de reabilitação urbana. Mas antes, neste mesmo ano, a 25 de abril, abriu o Vila Galé Sintra, o hotel que marca a entrada do grupo no segmento wellness. No Brasil também foram inauguradas duas unidades. O Vila Galé Touros, no Rio Grande do Norte e o VG Sun Cumbuco by Vila Galé, o segundo empreendimento na praia do Cumbuco. Em 2019 inaugurou o agroturismo Vila Galé Douro Vineyards e o Vila Galé Collection Elvas.

Sempre atento a novas oportunidades de crescimento, seja para investimento direto ou para gestão hoteleira, o grupo Vila Galé têm várias unidades em desenvolvimento: o Vila Galé Serra da Estrela e o Vila Galé Collection Alter Real em Portugal; o Vila Galé Paulista, em São Paulo e um resort na região de Una/Ilhéus - o futuro Vila Galé Costa do Cacau -, no Brasil.

Em simultâneo, tem diversificado as suas submarcas e conceitos, como os restaurantes Inevitável, pizzarias Massa Fina, os spas e health clubs Satsanga, o Clube NEP - dedicado às crianças - ou a SV Frutas, que inclui a produção de fruta, no Alentejo.

Portugal[editar | editar código-fonte]

Possui atualmente 25 unidades um pouco por todo o país:

  • Vila Galé Atlântico (1988) – Albufeira
  • Vila Galé Collection Praia (1990) – Albufeira
  • Vila Galé Cerro Alagoa (1993) – Albufeira
  • Vila Galé Náutico (1995) – Armação de Pera
  • Vila Galé Marina (1995) – Vilamoura
  • Vila Galé Cascais (1996) – Cascais
  • Vila Galé Estoril (1997) – Estoril
  • Vila Galé Ampalius (1998) – Vilamoura
  • Vila Galé Porto (1999) – Porto
  • Vila Galé Albacora (2000) – Tavira
  • Vila Galé Clube de Campo (2001) – Beja
  • Vila Galé Tavira (2002) – Tavira
  • Vila Galé Ericeira (2002) – Ericeira
  • Vila Galé Ópera (2002) – Lisboa
  • Vila Galé Santa Cruz (2006) – Madeira
  • Vila Galé Lagos (2009) – Lagos
  • Vila Galé Coimbra (2010) – Coimbra
  • Vila Galé Collection Palácio dos Arcos (2013) – Paço de Arcos, Oeiras
  • Vila Galé Évora (2015) – Évora
  • Vila Galé Collection Douro (2015) – Douro
  • Vila Galé Porto Ribeira (2017) - Porto
  • Vila Galé Sintra (2018) - Sintra
  • Vila Galé Collection Braga (2018) - Braga
  • Vila Galé Douro Vineyards (2019) – Douro
  • Vila Galé Collection Elvas (2019) - Elvas

Novos hotéis em construção em Portugal[editar | editar código-fonte]

O Grupo Vila Galé tem neste momento anunciado a construção de 2 hotéis com aberturas previstas em 2020, tais como:

  • Vila Galé Collection Alter Real (abertura prevista para o 2º trimestre de 2020) – Alter do Chão | O Vencedor da concessão da Coudelaria de Alter do Chão no âmbito do programa Revive, a Vila Galé pretende recuperar e reconverter algumas partes do empreendimento – a casa de campo, as antigas cavalariças, o edifício administrativo e as antigas pocilgas -, transformando-as num hotel de quatro estrelas dedicado à temática equestre. Prevê-se que esta unidade, que merecerá um investimento de oito milhões de euros, tenha 76 quartos, spa, restaurante de gastronomia regional. Com a aposta na Coudelaria de Alter, o grupo pretende dar mais um contributo para desenvolver o interior do país e criar um pólo de desenvolvimento turístico e regional no distrito de Portalegre;
  • Vila Galé Serra da Estrela (abertura prevista para o 1º trimestre de 2020) – Manteigas | Um novo conceito irá nascer em pleno vale glaciar do Zêzere, no município de Manteigas. O Vila Galé Serra da Estrela será um hotel de montanha, com 91 quartos, no qual serão investidos cerca de 9 milhões de euros. Localizada junto ao viveiro das trutas, esta unidade terá ainda piscina exterior aquecida, um restaurante, lobby bar, spa, salão de eventos e estacionamento;

Brasil[editar | editar código-fonte]


Novos hotéis em construção no Brasil[editar | editar código-fonte]

O Grupo Vila Galé tem neste momento anunciado a construção de 2 hotéis com aberturas previstas num futuro próximo, tais como:

  • Vila Galé Paulista (abertura prevista para o 1º trimestre de 2020) – São Paulo | Conhecida por ser uma cidade muito cosmopolita, São Paulo, Brasil, é referência quando o tema é entretenimento, festas, cultura, gastronomia e mercado de trabalho. A maior metrópole da América Latina ostentará a marca de hotelaria portuguesa quando abrir o Vila Galé Paulista, previsivelmente no primeiro trimestre de 2020. Com o objetivo de ter ainda mais oferta para quem viaja em negócios, esta unidade com 110 quartos, vai erguer-se em onze andares. Terá um restaurante Massa Fina, uma cafetaria Vila Galé Café e um clube de saúde com ginásio, sauna, sala de massagens e piscina exterior abertos ao público. Com uma localização privilegiada na área da Bela Cintra, o Vila Galé Paulista está rodeado de boa oferta cultural e de lazer como o Museu de Arte de São Paulo (MASP), a Casa das Rosas, o instituto Itaú Cultural, o Parque Trianon e a Japan House;
  • Vila Galé Costa do Cacau (abertura prevista para 2021) – Bahia | Localizado a uma hora de Ilhéus (BA), na região de Una, o Vila Galé Costa do Cacau será um resort all inclusive com 467 unidades habitacionais. Com investimento de R$ 150 milhões de reais, o hotel terá infraestrutura completa de lazer, incluindo piscinas (externa e interna), Clube Nep, Spa Satsanga, quadras poliesportivas, restaurantes e bares;

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Vila Galé Hotéis