Vilosidades coriónicas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Micrografia das vilosidades coriónicas

Vilosidades coriónicas (pt) ou vilosidades coriônicas (pt-BR) são vilosidades que florescem na placenta a partir dos córios de forma a permitir o máximo de área de contacto com o sangue materno durante uma gravidez.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. University of Michigan Medical School. «Placenta and extraembryonic membranes». Consultado em 11 de julho de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre Embriologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.