Vinícius Moreira de Lima

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Lima
Informações pessoais
Nome completo Vinícius Moreira de Lima
Data de nasc. 11 de junho de 1996 (24 anos)
Local de nasc. Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,81 m
destro
Apelido Lima
Informações profissionais
Período em atividade 2012–presente
Clube atual Ceará
Número 45
Posição Ponta-direita e meio-campista
Clubes de juventude
2012
2013–2015
Tanabi
Grêmio
Clubes profissionais
Anos Clubes
2015–
2015–2016
2017
2018–2019
2019–
Grêmio
Mallorca B (emp.)
Ceará (emp.)
Al Wasl (emp.)
Ceará (emp.)

Vinícius Moreira de Lima, mais conhecido apenas como Lima (Porto Alegre, 11 de junho de 1996), é um futebolista brasileiro que atua como ponta-direita e meio-campista. Atualmente joga no Ceará, emprestado pelo Grêmio.

Carreira[editar | editar código-fonte]

RCD Mallorca[editar | editar código-fonte]

Nascido em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, Lima ingressou nas bases do Grêmio em 2013, a partir do Tanabi. Em 17 de julho de 2015, ele foi emprestado ao RCD Mallorca, da segunda divisão espanhola, em um contrato de uma temporada.[1]

Inicialmente designado para o time principal, Lima não foi registrado pelo time principal do RCD Mallorca,[2] e só foi designado para o time B em janeiro de 2016.[3] Ele fez sua estreia em 31 de janeiro, entrando em um empate em casa por 0 a 0 contra o CE Constància, e marcou seu primeiro gol em 13 de fevereiro na vitória por 2 a 0 também em casa contra o UD Alaró.

Grêmio[editar | editar código-fonte]

Lima posteriormente retornou ao seu clube de origem, o Grêmio (que recusou uma oferta de 1 milhão de euros de RCD Mallorca), em julho de 2016.[4] Assim, foi incluído no time principal pelo técnico Roger Machado. Ele só fez sua estreia na equipe em 2 de março de 2017, entrando no empate em casa por 1 a 1 na Primeira Liga contra o Ceará.[5]

Lima fez sua estreia no Brasileirão em 28 de maio de 2017, entrando como um substituto no segundo tempo para o companheiro de pós-graduação Nicolas Careca em uma derrota por 3 a 4 pro Sport.[6]

Ceará[editar | editar código-fonte]

No segundo semestre de 2017, foi emprestado ao Ceará, que disputava a Série B e conseguiu contribuir com o acesso do Ceará.[7] Em 12 de agosto de 2017, marcou seu primeiro gol na equipe em uma vitória em casa de 1 a 0 sobre o CRB, marcando o único gol do jogo pela Série B de 2017.[8]

Retorno ao Grêmio[editar | editar código-fonte]

Lima é tido como um dos principais reforços do Grêmio para a temporada de 2018, mesmo não sendo uma contratação, já que apenas retornou de empréstimo.[9]

O meia viveu a expectativa de ser um dos destaques do time treinado por César Bueno que disputou o Gauchão de 2018, já que o grupo principal de jogadores voltou tardiamente das férias em virtude do Mundial de 2017. Foi titular na primeira partida da Recopa Sul-Americana de 2018, que terminou em 1 a 1. Na finalíssima entrou na prorrogação, fazendo assim parte do Bi-campeonato tricolor na competição. O título veio após 0 a 0 no tempo normal e 5 a 4 nos pênaltis com a última cobrança defendida por Marcelo Grohe.[10]

Al Wasl[editar | editar código-fonte]

Em 28 de julho de 2018, foi anunciado que o Grêmio emprestou o meia Lima ao Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos com o contrato selado até junho de 2019. O Tricolor Gaúcho ganhou pouco mais de 2 milhões de reais com a negociação, além de uma opção de compra fixada para o fim do contrato.[11]

Retorno ao Ceará[editar | editar código-fonte]

Em 13 de julho de 2019, foi anunciado o retorno de Lima por empréstimo pela segunda vez ao Ceará após não ser muito aproveitado no Grêmio. A revelação foi feita pelo presidente do clube cearense, Robinson de Castro, pelo Twitter.[7] Em 17 de outubro, marcou seu primeiro gol no seu retorno em uma derrota pro Santos por 2 a 1 pelo Brasileirão de 2019, marcando o único gol do time.[12]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Grêmio
Ceará

Referências

  1. «El Mallorca consigue la cesión de Lima». RCD Mallorca (em espanhol). 17 de julho de 2015. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  2. «El club solo inscribe a Hugo Gómes en el primer equipo». Diario de Mallorca (em espanhol). 1 de setembro de 2015. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  3. «Dos fichajes y muchas salidas». El Mundo (em espanhol). 12 de janeiro de 2016. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  4. «Conheça o jovem meia que veio da Espanha e é alternativa no Grêmio». Torcedores. 3 de agosto de 2016. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  5. «Recheado de jovens, Grêmio empata com Ceará e segue vivo na Primeira Liga». Globo Esporte. 2 de março de 2017. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  6. «Em noite de André, Sport vira para cima de reservas e tira Grêmio da liderança». Globo Esporte. 28 de maio de 2017. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  7. a b «Meia Lima reforça o Ceará na Série A». Diário do Nordeste. 13 de julho de 2019. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  8. «Com gol de Lima, Ceará bate o CRB e engata a quarta vitória seguida no Brasileiro». Globo Esporte. 12 de agosto de 2019. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  9. «Após empréstimo ao Ceará, Lima volta ao Grêmio mais maduro e se inspira em Luan». Globo Esporte. 9 de janeiro de 2018. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  10. «Deixando críticas de lado, Lima admite "frio na barriga" em estreia como titular». Gazeta Esportiva. 16 de fevereiro de 2018. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  11. «Grêmio empresta meia Lima para o Al Wasl, dos Emirados Árabes». Globo Esporte. 28 de julho de 2017. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  12. «Ceará sai na frente, mas Santos vira e mantém caça aos líderes». Globo Esporte. 17 de outubro de 2019. Consultado em 30 de outubro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço relacionado ao projeto desporto. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.