Vitório de Sousa Coutinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vitório de Sousa Coutinho
Conde de Linhares
Presidente do Conselho
de Ministros de Reino de Portugal Portugal
Período 4 de maio de 1835 até 27 de maio de 1835
Antecessor(a) Duque de Palmela
(de facto)
Conselho de Ministros
composto por:
José da Silva Carvalho
Agostinho José Freire
Conde de Vila Real
Manuel Duarte Leitão
Conde de Linhares
(interino)
Sucessor(a) Marquês de Saldanha
Vida
Nome completo Vitório Maria Francisco de Sousa Coutinho Teixeira de Andrade Barbosa
Nascimento 25 de junho de 1790
Turim, Sardenha Reino da Sardenha
Morte 30 de junho de 1857 (67 anos)
São Jorge de Arroios, Lisboa, Reino de Portugal Portugal
Nacionalidade Portugal Português
Progenitores Mãe: Gabriella Maria Ignazia Asinari dei Marchesi di San Marzano
Pai: D. Rodrigo Domingos de Sousa Coutinho, 1.º conde de Linhares
Dados pessoais
Esposa D. Catarina Juliana de Sousa Holstein (1791-1871)
Partido Cartista
Chamorro
Profissão Militar e político
Títulos nobiliárquicos
2.º conde de Linhares 26 de janeiro de 1812
}

D. Vitório Maria Francisco de Sousa Coutinho Teixeira de Andrade Barbosa, segundo Conde de Linhares do título moderno (Turim, 25 de Junho de 1790Lisboa, 30 de Junho de 1857) foi um militar e político português.

Vida Privada[editar | editar código-fonte]

D. Vitório era filho de D. Rodrigo Domingos de Sousa Coutinho, primeiro conde de Linhares e de Gabriella Maria Ignazia Asinari dei Marchesi di San Marzano, aristocrata italiana.

Casou com D. Catarina Juliana de Sousa Holstein (1791-1871) em 4 de setembro de 1820, filha de D. Alexandre de Sousa Holstein (1751-1803), capitão da guarda real alemã, conselheiro de Estado efectivo, e ministro plenipotenciário, e irmã do 1º Duque de Palmela, de quem teve os seguintes filhos:

Faleceu aos 67 anos de idade no palácio da Calçada de Arroios, Nº50, da freguesia de São Jorge de Arroios, em Lisboa, a 30 de junho de 1857, residência oficial dos Condes de Linhares. Foi sepultado no dia seguinte no mausoléu dos Duques de Palmela no Cemitério dos Prazeres.

Cargos oficiais[editar | editar código-fonte]

Condecorações[editar | editar código-fonte]

Diversos[editar | editar código-fonte]

  • Combateu na campanha do rio da Prata, motivo pelo qual foi agraciado com a Estrela de Ouro de Montevideu;
  • Foi gentil-homem da Câmara de D. Maria II.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • História de Portugal – Dicionário de Personalidades Vol. XVI (ISBN:989-554-121-X) .

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Duque de Palmela
(de facto)
Conselho de Ministros
composto por:
José da Silva Carvalho
Agostinho José Freire
Conde de Vila Real
Manuel Duarte Leitão
Conde de Linhares
(interino)
Presidente do Conselho de Ministros de Portugal
1835
(I Governo da Monarquia Constitucional)
Sucedido por
Marquês de Saldanha