Você Não Soube Me Amar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
"Você Não Soube Me Amar"
Single de Blitz
do álbum As Aventuras da Blitz 1
Lado B Apenas Evandro Mesquita gritando "Nada, nada, nada, nada!!"
Lançamento Julho de 1982
Formato(s) 7" Single, 12" Single
Gênero(s) Rock Brasileiro, New Wave, Pop
Duração 3:43
Gravadora(s) EMI-Odeon
Composição Evandro Mesquita/Ricardo Barreto/Guto/Zeca Mendigo
Produção Vinyl
Cronologia de singles de Blitz
"Mais Uma de Amor (Geme Geme)"
(1982)

"Você Não Soube Me Amar" é uma canção da banda brasileira Blitz, lançada em formato de compacto (hoje equivalente ao single) em julho de 1982 como canção de estreia do grupo e para divulgação de seu primeiro álbum, As Aventuras da Blitz 1.

O hit foi um fenômeno de vendas, contando com 100 mil cópias vendidas em apenas três meses, além de ser tocada exaustivamente nas rádios, ficando nas paradas por diversas vezes.[1] Pouco depois de lançado, o videoclipe da música foi transmitido no Fantástico, da Rede Globo.[2] Foi a música mais tocada das rádios nacionais no verão de 1983 e fez parte da trilha nacional da novela Sol de Verão, também da Globo,[2] exibida entre 1982 e 83.

Dessa forma, era lançada no mercado fonográfico uma canção que mistura música, estórias, irreverência, humor e descontração.[2] O compacto trazia somente essa música, no Lado A, para fins de divulgação e lançamento da banda então estreante, enquanto no Lado B tinha apenas um áudio apresentando Evandro Mesquita berrando "nada, nada, nada, nada!!", frase bem humorada citada num trecho da música.[3] Segundo o Jornal do Brasil, o compacto vendeu 700 mil cópias no país, até 19 de junho de 1983.[4]

Referências

  1. «Sucesso nos anos 80, banda Blitz agita o sábado em Petrópolis, no RJ». Portal de Notícias G1 (publicado em 16/10/2015). Consultado em 28 de janeiro de 2018 
  2. a b c Barcinski 2014, p. 182.
  3. «Blitz: 20 anos de modernidade no BRock». CliqueMusic / UOL (publicado em 25/12/2002). Consultado em 28 de janeiro de 2018 
  4. Souza, Tárik (19 de junho de 1983). «As gravadoras apostam no compacto. E ganham». Jornal do Brasil. Rio de Janeiro. Consultado em 18 de dezembro de 2020 
Ícone de esboço Este artigo sobre um single é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.