WWE Superstar Shake-up

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
WWE Superstar Shake-up
Draft da WWE
Dean Ambrose foi transferido junto com o Intercontinental Championship para o Raw.
Data 10 e 11 de abril de 2017
Cidade Uniondale, Nova Iorque
Boston, Massachusetts
Local Nassau Veterans Memorial Coliseum
TD Garden
Transferidos
para o Raw
12
Transferidos para
o SmackDown
14
← Evento anterior Evento posterior →
2016

O WWE Superstar Shake-up foi o décimo primeiro draft produzido pela promoção de luta livre profissional WWE, que aconteceu em 10 e 11 de abril de 2017.[1] A primeira parte do evento foi realizada no Raw, que foi transmitido ao vivo do Nassau Veterans Memorial Coliseum em Uniondale, Nova Iorque, e a segunda foi realizada durante o SmackDown, realizado no TD Garden em Boston, Massachusetts. Ao contrário dos anos anteriores em que eram realizados drafts tradicionais, no Superstar Shake-up os gerentes gerais Kurt Angle (Raw) e Daniel Bryan (SmackDown) escolheram quais empregados do outro programa queriam.[1]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

A primeira extensão de marcas da WWE começou em março de 2002, onde o Raw e SmackDown! se tornaram programas distintos para onde os funcionários seriam divididos;[2] Desde seu início, um Draft aconteceu anualmente, até a extensão de marcas ser abolida na metade de 2011.[3] Porém uma nova extensão de marcas foi instaurada em 2016 e mais uma vez os empregados foram divididos entre o Raw e o SmackDown.[4]

No Raw de 3 de abril de 2017, o presidente da WWE, Vince McMahon, anunciou que no Raw e SmackDown de 10 e 11 de abril, respectivamente, "era hora de agitar as coisas", anunciando efetivamente o Draft de 2017 ou o que foi rotulado como "Superstar Shake-up". Em vez de um draft tradicional, o gerente geral do Raw Kurt Angle e o gerente geral do SmackDown Daniel Bryan tiveram a "oportunidade de fazer acordos, negócios e outros movimentos que eles queiram".[5][6]

Seleção de lutadores[editar | editar código-fonte]

Raw[editar | editar código-fonte]

A primeira noite do Superstar Shake-up foi realizada no Raw de 10 de abril de 2017 e foi transmitida do Nassau Veterans Memorial Coliseum em Uniondale, Nova Iorque.[7]

Seleção nº Empregado
(Nome real)
Do programa Para o programa Notas
1 Apollo Crews
(Sesugh Uhaa)
SmackDown Raw Anunciado nas redes sociais antes do início do programa.
2 The Miz e Maryse
(Michael Mizanin e Maryse Mizanin)
SmackDown Raw
3 Dean Ambrose
(Jonathan Good)
SmackDown Raw Campeão Intercontinental
4 Curt Hawkins
(Brian Myers)
SmackDown Raw
5 Bray Wyatt
(Windham Rotunda)
SmackDown Raw
6 Kalisto
(Emanuel Rodriguez)
SmackDown Raw
7 Heath Slater e Rhyno
(Heath Miller e Terrance Gerin)
SmackDown Raw
8 Alexa Bliss
(Alexis Kaufman)
SmackDown Raw
9 Mickie James
(Mickie James-Aldis)
SmackDown Raw
10 Byron Saxton
(Bryan Kelly)
Raw SmackDown Anunciado nas redes sociais após o término do programa. Trocado por David Otunga.
11 David Otunga SmackDown Raw Anunciado nas redes sociais após o término do programa. Trocado por Byron Saxton.

SmackDown[editar | editar código-fonte]

A segunda noite do Superstar Shake-up foi realizada no SmackDown de 11 de abril de 2017 e foi transmitida do TD Garden em Boston, Massachusetts.[8]

Seleção nº Empregado
(Nome real)
Do programa Para o programa Notas
1 Jinder Mahal
(Yuvraj Dhesi)
Raw SmackDown Anunciado nas redes sociais antes do início do programa.
2 Kevin Owens
(Kevin Steen)
Raw SmackDown Campeão dos Estados Unidos. Se Chris Jericho conquistar o título no Payback, ele irá para o SmackDown e Owens retornará para o Raw.
3 Sami Zayn
(Rami Sebei)
Raw SmackDown
4 The Shining Stars
(Primo e Epico)
(Edwin Colón e Orlando Colón)
Raw SmackDown
5 Tamina
(Sarona Snuka-Polamalu)
Agente livre SmackDown Tamina não foi transferida para nenhum programa durante o draft de 2016 e nem apareceu em televisão durante os meses seguintes.
6 Charlotte Flair
(Ashley Fliehr)
Raw SmackDown
7 Sin Cara
(Jorge Arias)
Raw SmackDown
8 Rusev
(Miroslav Barnyashev)
Raw SmackDown
9 Lana
(Catherine Perry)
Raw SmackDown
10 The New Day
(Big E, Kofi Kingston e Xavier Woods)
(Ettore Ewen, Kofi Sarkodie-Mensah e Austin Watson)
Raw SmackDown

Referências

  1. a b Morrow, Brendan (5 de abril de 2017). «WWE Draft 2017: Date & Time for the Superstar Shake Up» (em inglês). Heavy. Consultado em 14 de abril de 2017 
  2. «WWE Entertainment To Make RAW and SMACKDOWN Distinct Television Brands». WWE Corporate. 27 de março de 2002. Consultado em 14 de abril de 2017. Cópia arquivada em 21 de março de 2005 
  3. «WWE's Quiet End to the Brand Extension Era to Commence with 3-Hour Raw» (em inglês). All Wrestling. 28 de maio de 2012. Consultado em 5 de junho de 2016 
  4. Brian, Steinberg (25 de maio de 2016). «WWE's 'Smackdown' Will Move to Live Broadcast on USA (EXCLUSIVE)» (em inglês). Variety. Consultado em 5 de junho de 2016 
  5. «Mr. McMahon announces WWE will "shake things up" next week on Raw and SmackDown LIVE» (em inglês). WWE. 3 de abril de 2017. Consultado em 4 de abril de 2017 
  6. Keller, Wade (3 de abril de 2017). «KELLER'S WWE MONDAY NIGHT RAW 2/3: The most remarkable opening ten minutes of Raw in history, perhaps, as crowd berates Reigns» (em inglês). PW Torch. Consultado em 3 de abril de 2017 
  7. Tadesco, Mike (10 de abril de 2017). «WWE RAW Results – 4/10/17 (Night #1 of the Superstar Shake Up)» (em inglês). Wrestle View. Consultado em 14 de abril de 2017 
  8. Martin, Adam (11 de abril de 2017). «WWE Smackdown Results – 4/11/17 (Night two of Superstar Shake Up)» (em inglês). Wrestle View. Consultado em 14 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre luta livre profissional é um esboço relacionado ao Projeto wrestling. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.