Wellington Srbek

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wellington Srbek
Wellington Srbek
Comic image missing-pt.png

Nascimento 1974
Belo Horizonte,  Minas Gerais
Nacionalidade Brasil brasileiro
Área(s) de atuação historiador, pesquisador, quadrinista e roteirista
Trabalhos de destaque Solar
Estórias Gerais

Wellington Srbek (Belo Horizonte, Minas Gerais, 1974) é um historiador, pesquisador, quadrinista e roteirista brasileiro. Atualmente, coordena o selo Nemo, divisão da Editora Autêntica voltada para a publicação de histórias em quadrinhos.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Srbek vendeu sua primeira história em quadrinhos em 1987, aos 12 anos de idade. A revista foi mimeografada e vendida aos colegas de escola. Nos anos 90, começou a publicar trabalhos nos fanzines Ágape, Replicantes e Ideário.[2] Entre 1996 e 1998, ainda em Belo Horizonte, criou as revistas independentes Solar e Caliban, lançando seu personagem Solar: um herói com poderes extraordinários que adquire numa experiência xamanística.[3]

O trabalho chamou a atenção de Flávio Colin, que o convidou para trabalharem juntos. A parceria rendeu o álbum Estórias Gerais, em 1998. A aventura, ambientada no sertão de Minas Gerais, ganhou uma edição espanhola, pela editora De Ponent.[4] A história exigiu um intenso trabalho de pesquisa de Srbek, que é graduado em História e doutor em Educação pela UFMG.[5]

A parceria com Colin foi reeditada em 2002, com a publicação de mais uma revista independente, a Fantasmagoriana.[6] Srbek escreveu ainda aventuras como Quantum, Mirabilia, Mystérion, Monstros, Muiraquitã, Apócripha e ALIENZ.

Em 2010, recebeu da editora Agir a incumbência de quadrinizar o clássico Memórias póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis. O álbum foi desenhado por João Batista Melado.[7] No mesmo ano, roteirizou uma história do Astronauta, ilustrada por Will para o álbum MSP + 50 – Mauricio de Sousa por mais 50 artistas[8]


No ano seguinte, lançou Coaraci e O Senhor das Histórias, ambos ilustrados por Will,[9] e assumiu o trabalho de editor de quadrinhos da Editora Autêntica. Voltou ao universo machadiano com uma adaptação do romance Dom Casmurro.[10]

Em 2012, lançou a primeira edição de Força animal, revista de super-heróis protagonizada por quatro jovens atletas que recebem os poderes de animais da fauna brasileira.[11]

Obras[editar | editar código-fonte]

Quadrinhos[editar | editar código-fonte]

  • Solar (1996)
  • Caliban (1997-1998)
  • Estórias Gerais (1998)
  • Mirabilia (1999-2000)
  • Quantum (2001)
  • Fantasmagoriana (2001)
  • Mystérion (2001-2002)
  • Apócripha (2002-2003)
  • Muiraquitã (2002-2004)
  • Monstros (2005)
  • Alienz (2006-2007)
  • Solar: Volume 1 (2004-2009)
  • Dom Casmurro (2011)
  • Força animal (2012)
  • Monstros e herois

Livros teóricos[editar | editar código-fonte]

  • O herói na Grécia Antiga (Marca de Fantasia, 2004)
  • Entrequadros (Marca de Fantasia, 2004)
  • Um mundo em Quadrinhos (Marca de Fantasia, 2005)
  • Quadrinhos & outros bichos (Marca de Fantasia, 2006)
  • O riso que liberta: ou as origens da caricatura (Marca de Fantasia, 2007)

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Marcelo Naranjo (17/05/2011).Editor fala sobre a Nemo, editora que promete publicar quadrinhos europeus e nacionais. Universo HQ
  2. Entrevista: Wellington Srbek. Bigorna.net, 17 de agosto de 2007
  3. Solar: Renascimento. Zine Brasil, 27 de março de 2009
  4. Estórias Gerais, de Flavio Colin, chega às livrarias. Speculum, 11 de dezembro de 2007
  5. Andréa Pereira sobre release (28 de maio de 2007). «Wellington Srbek lança livro sobre caricatura». HQManiacs 
  6. Reviews. Universo HQ
  7. Memórias Póstumas de Brás Cubas em quadrinhos. HQ Maniacs, 25 de agosto de 2010
  8. «Review: MSP +50». Universo HQ 
  9. O senhor das histórias. Autêntica Editora
  10. Clássico da literatura, Dom Casmurro chega aos quadrinhos . Consumidor Moderno, 1 de dezembro de 2011
  11. Editora Nemo lança nova série nacional de super-heróis. UniversoHQ, 18 de outubro de 2012
  12. Prêmio ANGELO AGOSTINI. Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo
  13. Premiados. Troféu HQ Mix

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
André Toral
Troféu HQ Mix - Melhor roteirista nacional
2001
Sucedido por
Lourenço Mutarelli