Westfália (Brasil)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Vestfália (desambiguação).
Município de Westfália
Bandeira de Westfália
Brasão de Westfália
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 24 de março
Fundação 16 de abril de 1996 (21 anos)
Gentílico westfaliano
Prefeito(a) Otavio Landmeier (PMDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Westfália
Localização de Westfália no Rio Grande do Sul
Westfália está localizado em: Brasil
Westfália
Localização de Westfália no Brasil
29° 25' 01" S 51° 45' 54" O29° 25' 01" S 51° 45' 54" O
Unidade federativa  Rio Grande do Sul
Mesorregião Centro Oriental Rio-grandense IBGE/2008 [1]
Microrregião Lajeado-Estrela IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Teutônia, Boa Vista do Sul, Imigrante
Distância até a capital 120 km
Características geográficas
Área 63,702 km² [2]
População 2 793 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 43,84 hab./km²
Clima subtropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
PIB R$ 70 453,968 mil IBGE/2008[4]
PIB per capita R$ 24 948,29 IBGE/2008[4]
Página oficial

Westfália, cujo nome deriva do alemão Westphalen, é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

A cidade brasileira de Westfália desmembrou-se, em 1996, dos municípios gaúchos de Teutônia e Imigrante.

O nome é uma homenagem aos imigrantes alemães, na maioria originária da região de Westfalen, na Alemanha, que chegaram ao local por volta de 1869 e falavam o dialeto da língua alemã Hunsrück, ainda hoje muito difundido entre os moradores da localidade. Do trabalho e da integração desses imigrantes, junto com os italianos e lusos, resultou o progresso e o desenvolvimento que transformou o município em potencial turístico, cultural e econômico no Vale do Taquari, região do estado do Rio Grande do Sul.

O nome dos bairros é uma homenagem aos primeiros imigrantes da região, entre eles Daniel e Jacob Frank, Cristian e Peter Schmidt e os irmãos Horst [5]

Seus habitantes são chamados westfalianos.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2011 é de 2 793 habitantes. Sua área é de 63,702 km² e pertence à macro-região do Vale do Taquari. A maioria da população é de origem germânica.

O município é composto por quatro bairros ou localidades principais: Paissandu, Frank, Schmidt (que pertenciam à cidade de Teutônia) e Berlim (que pertencia à cidade de Imigrante).

O principal acesso se dá pela Rota do Sol. Dista 115 quilômetros de Porto Alegre.

Economia[editar | editar código-fonte]

A cidade de Westfália é destaque em Distribuição de Renda.

A principal atividade econômica é a agropecuária: bovinocultura, suinocultura, avicultura, produção de ovos e leite. Também se destaca a produção de milho, com grande produtividade por hectare.

Na indústria o setor da alimentação é o mais importante.[6]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Westfália se destaca no cenário regional pela extensa programação em seu calendário de eventos, em sua grande maioria relacionada com a cultura alemã. Para isso, o município conta com grupos de danças, diversas sociedades de cantores, corais, grupos do lar e clube de mães.

Além das casas enxaimel e da paisagem, que fica entre serras e vales, ressalta-se a Igreja Evangélica Sião de Linha Frank IECLB onde foi batizado Ernesto Geisel, presidente do Brasil na década de 1970.

Religião[editar | editar código-fonte]




Circle frame.svg

Religiões em Westfália (2010)[7]

  Protestantismo (79.10%)
  Catolicismo Romano (20.26%)
  Sem religião (0.42%)
  Não determinado e múltiplo pertencimento (0.22%)

Segundo o Censo 2010 do IBGE, 79,10% da população do município era protestante, 20,26% eram católicos romanos, 0,42% não tinha religião e 0,22% não determinaram sua religião ou declaram multipla filiação.[7]

Dentre as denominações protestantes em Westfália, a maioria da população é luterana, cerca de 76,92% da população do município. Os congregacionais são 0,14% e os pentecostais 1,57%, dentre os quais, as Assembleias de Deus são o maior grupo pentecostal, com 1,43% da população, seguida pela Igreja do Evangelho Quadrangular com 0,14%.[7]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «História – Prefeitura Municipal de Westfália Prefeitura Municipal de Westfália». www.westfalia.rs.gov.br. Consultado em 30 de maio de 2017 
  6. Memorial da Aepan-ONG
  7. a b c «Religião em Westfália». Consultado em 08 de novembro 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.