When I Grow Up

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"When I Grow Up"
Single de The Pussycat Dolls
do álbum Doll Domination
Lançamento 18 de maio de 2008 (2008-05-18)
Formato(s)
Gravação 2008
Gênero(s)
Duração 4:05
Gravadora(s) Interscope
Composição
Produção Rodney Jerkins
Cronologia de singles de The Pussycat Dolls
"Right Now"
(2007)
"Whatcha Think About That"
(2008)

"When I Grow Up" (em português: Quando Eu Crescer ) é uma canção do girl group americano The Pussycat Dolls, extraída do seu segundo álbum de estúdio Doll Domination (2008). Foi lançado pela Interscope Records em 27 de maio de 2008, como o primeiro single do álbum. "When I Grow Up" foi seu primeiro single após a saída da integrante mais longeva do grupo, Carmit Bachar. A música foi originalmente escrita para Britney Spears, mas sua gravadora a rejeitou. Foi gravado pela primeira vez para o projeto solo planejado de Nicole Scherzinger, Her Name Is Nicole, mas depois de seu cancelamento e do retorno de Scherzinger ao grupo, ela sentiu que a música era mais adequada para o grupo. Foi escrito por Theron Thomas, Timothy Thomas e Rodney "Darkchild" Jerkins, que também produziu a música. É uma música electropop uptempo. Ele contem amostras da música "He's Always There" de 1966,, da banda de rock britânica The Yardbirds. "When I Grow Up" fala sobre o desejo de ser famoso, e foi descrito como sendo "autobiográfico" por Scherzinger.

O single foi recebido favoravelmente por críticos de música contemporânea, muitos dos quais destacaram como um destaque. Atingiu o número nove na Billboard Hot 100, tornando-se o single mais bem sucedido do grupo desde "Buttons" (2006). A música já vendeu mais de dois milhões de cópias digitais nos Estados Unidos, fazendo das Pussycat Dolls o primeiro grupo feminino na história digital a ter três singles ultrapassando a marca de dois milhões em vendas digitais. A canção alcançou o top-5 em países como Austrália, Canadá, França, Irlanda, Nova Zelândia e Reino Unido, e os dez primeiros na Áustria, Dinamarca, Alemanha e Suíça.

O videoclipe da canção estreou em 13 de junho de 2008. Dirigido por Joseph Khan, ele retrata as Pussycat Dolls em um engarrafamento na Hollywood Boulevard. Ele foi elogiado por sua coreografia, e foi indicado em cinco categorias no MTV Video Music Awards de 2008, a maior parte dessa cerimônia, e passou a ganhar a maior parte dos prêmios indicados, e ganhou o prêmio de Melhor Vídeo de Dança. As Pussycat Dolls apresentaram a música em programas de televisão incluindo Jimmy Kimmel Live! e So You Think You Can Dance, bem como várias premiações , incluindo o American Music Awards, e durante toda a turnê Doll Domination Tour (2009).

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

A vocalista Nicole Scherzinger (foto) gravou originalmente "When I Grow Up" para o seu álbum solo nunca lançado Her Name Is Nicole, mas sentiu como se a música fosse mais adequada para as Pussycat Dolls.[1]

Após o sucesso comercial de PCD (2005),[2] e ao longo de dois anos (2005–07),[3] Scherzinger gravou 75-100 músicas para seu planejado álbum de estréia solo Her Name Is Nicole.[4] Seu trabalho como vocalista contribuiu para a popularidade de Scherzinger quando ela começou a trabalhar em suas próprias músicas.[5] Ela afirmou que gostava de colaborar com muitos artistas diferentes, e que, embora ela tenha escrito canções por mais de dez anos, ela sentiu como se estivesse em um nível diferente, enquanto trabalhava com tais escritores e produtores de A-list.[6] Após o sucesso moderado de "Baby Love", e o fracasso total dos singles subsequentes como "Whatever U Like" e inúmeros atrasos, Scherzinger decidiu interromper a produção de seu álbum de estréia.[7] Ela então voltou a dedicar-se interalmente as Pussycat Dolls, e as gravações segundo álbum de estúdio começaram.[1] Scherzinger citou que ela sentiu como se as músicas fossem mais adequadas como cançãos do grupo do que dela própria.[1]

"Para mim, era o que eu queria fazer. Eu sou muito perfeccionista implacável e percebi que muitas das músicas do meu álbum deveriam ser músicas das Pussycat Dolls, incluindo 'When I Grow Up'. No ano que vem, eu quero lançar um álbum solo e eu acho que os dois serão capazes de coexistir bem juntos".

—Scherzinger explicando por que interrompeu a produção de seu álbum solo.[1]

"When I Grow Up" foi escrito por Theron e Timothy Thomas, junto com Rodney "Darkchild" Jerkins, que também produziu a música.[8] A canção foi originalmente escrita para ser gravada por Britney Spears, e uma demo gravada por Wayne Hector sendo lançada para seu quinto álbum de estúdio Blackout (2007), mas sua gravadora a rejeitou e a música nunca foi gravada por Spears.[9][10]

Quando a música foi dada a Scherzinger, e finalmente às Pussycat Dolls, ela foi retrabalhada e gravada por Paul Foley, Mike "Handz" Donaldson e Roberto "Tito" Vazquez no 2nd Floor Studios em Orlando e Chalice Studios em Los Angeles, e foi mixada por Spike Stent e Rodney "Darkchild" Jerkins no Chalice Studios em Los Angeles.[11] Jim McCarty baterista do The Yardbirds, e o baixista Paul Samwell-Smith, ambos receberam créditos de co-escrita para a música, por sua amostra de "He's Always There" (1966).[11] "When I Grow Up" fez sua estréia mundial on-line em 16 de maio de 2008, na América do Norte em 27 de maio.[12] Mais tarde, foi enviada para as rádios de sucesso contemporânea nos Estados Unidos em 1 de junho de 2008.[13] O lançamento de "When I Grow Up" veio após a saída da integrante Carmit Bachar. Foi oficialmente confirmado, após meses de especulação, em 4 de março de 2008 que Bachar estava deixando o grupo para seguir "outros interesses pessoais". No momento da sua saída, ela tinha sido a integrante mais longeva do grupo, juntando-se em 1995 quando elas ainda eram só um grupo burlesco.[14]

Composição[editar | editar código-fonte]

Uma amostra de 24 segundos do refrão de "When I Grow Up", que conta com a participação da cantora Nicole Scherzinger, da Pussycat Dolls, que anseia pela fama, enquanto mais tarde avisa o ouvinte sobre o "alto custo" dela.

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

"When I Grow Up" é uma canção R&B e electropop uptempo[15][16] que dura quatro minutos e cinco segundos.[11] Construído em torno de "linhas de sintetizadores" e uma linha de baixo "thudding",[16] a música apresenta um uso pesado de sirenes, palmas e vocais com pitch-shift.[17] Scherzinger foi citado como adotando a respiração de Britney Spears contra as sirenes da música, gritos e "pulsação".[15] Jaime Gill do Yahoo Music UK descreveu "When I Grow Up" como um "escuro, dissonante clube banger",[18] Rudy Klapper da Sputnikmusic comparou a composição da música com a faixa "Plug It In" do Basement Jaxx de 2003.[16] "When I Grow Up" contém uma amostra do riff principal de "He's Always There" da banda de rock britânica The Yardbirds, para seu terceiro álbum de estúdio Roger the Engineer (1996).[11] Os escritores da música, Jim McCarty e Paul Samwell-Smith, foram homenageados por suas contribuições para a música na Sociedade Americana de Compositores, Autores e Editores (ASCAP).[19]

De acordo com a partitura publicada pela Sony/ATV Music Publishing, "When I Grow Up" é definido em tempo comum com um tempo de 120 batimentos por minuto. Compõe-se na tonalidade de Mi menor, com o alcance vocal de Scherzinger desde a nota baixa de E 3 até a nota alta de G 5.[20] Liricamente, a música é centrada em torno do desejo de ser famoso quando se cresce.[21] Usando linhas satíricas e autobiográficas, Scherzinger começa o primeiro verso da canção com: "Agora eu tenho uma confissão / Quando eu era jovem, eu queria atenção".[21][22] O "refrão repetitivo e cativante" segue, onde ela canta as falas: "Quando eu crescer / Eu quero ser famosa / eu quero ser uma estrela / eu quero estar no cinema".[17][21] A MTV News comentou que a música contém um tema que "está recebendo muita atenção nos dias de hoje - cuidado com o alto custo da fama".[17] Enquanto isso, Melody Thornton, integrante do grupo, disse sobre o conceito da canção: "Se você se esforça para coisas cada vez maiores - junto com isso - vem o trabalho duro e lidar com um monte de coisas que você nunca imaginaria Então, sim, enquanto a música é para ser brincalhona, ela ainda tem aquele pequeno toque de aviso dentro dela".[23] Bill Lamb do About.com uma possível canção de resposta para "Stupid Girls" (2006) de Pink.[24] Os críticos de música foram inicialmente confundidos pela linha "Eu quero ter fãs" no refrão; confundindo a linha dizendo "Eu quero ter peitos".[21] A comediante americana Ellen DeGeneres também apontou isso quando eles cantaram a música em seu talk show em 23 de setembro de 2008.[25] Nicole Scherzinger disse que "Todos nós começamos com um sonho ... Eu sei que quando eu era jovem, assinava os cadernos das pessoas, escrevia: "Lembre de mim quando for famosa", e eu não sei de uma criança que não tenha se aspirado em alguém".[26]

Remixes[editar | editar código-fonte]

Vários remixes foram encomendados pela Interscope Records para acompanhar a música. Em 23 de julho de 2008, um remix de "When I Grow Up", com um verso de rap da rapper americano Eve, foi lançado.[27] Mais tarde, naquele mesmo dia, um segundo remix foi lançado online.[28] Intitulado "Darkchild Remix", apresenta uma batida totalmente diferente da original, com vocais adicionais dos rappers americanos Lil Wayne e Fatman Scoop, assim como o produtor da canção Rodney "Darkchild" Jerkins.[28][29] Elementos de "Thriller" (1984) de Michael Jackson foram fortemente sampleados em todo o remix, mais notavelmente na introdução da canção.[28] O verso de Lil Wayne foi mais tarde removido e substituído por um novo verso pelos compositores da música, Rock City, devido a problemas com ele serem limpos no tempo. para seu lançamento comercial como B-side para "Whatcha Think About That", o segundo single de Doll Domination.[30] Por razões desconhecidas, o remix nunca foi lançado. Remixes adicionais de "club" e "dub" de "When I Grow Up" dos DJ Dave Audé, Digital Dog, Dirty South e Ralphi Rosario, e da banda eletrônica Wideboys também foram lançados em uma série de lançamentos de download digital do Compact Disc.[31][32]

Desempenho comercial[editar | editar código-fonte]

Nos Estados Unidos, a canção estreou na Billboard Hot 100, no número 76 na data de 14 de junho de 2008.[33] Em sua segunda semana, a canção vendeu 34.000 downloads digitais e subiu para o número 31.[34] Na sua quarta semana, alcançou a sua posição de pico no número nove, tornando-se o single mais alto do grupo desde "Buttons", que atingiu o número três em 2006.[35] A canção liderou o gráfico do Hot Dance Club Play, na edição de 2 de agosto de 2008.[36] A música vendeu mais de 2,18 milhões de downloads digitais nos Estados Unidos até hoje, de acordo com a Nielsen Soundscan, fazendo das Pussycat Dolls o primeiro grupo exclusivamente feminino da história digital a ter três singles - junto com "Don't Cha" e "Buttons". "- ultrapassar a marca de dois milhões em vendas digitais.[37] No Canadá, a canção estreou no número quinze no Canadian Hot 100.[38] No gráfico de 6 de setembro de 2008, "When I Grow Up" subiu e atingiu o número três.[39]

Na Austrália, a música estreou no número 45, em 22 de junho de 2008.[40] Em sua sexta semana, a música chegou ao número dois e ficou lá por três semanas consecutivas.[41] "When I Grow Up" foi certificado de platina pela Australian Recording Industry Association (ARIA) por 70.000 de unidades adquiridas.[42] In New Zealand, the song debuted on the chart at number 33.[43] Na Nova Zelândia, a canção estreou no gráfico no número 33.[44] Atingiu o número cinco algumas semanas depois.[45] e foi certificado como ouro pela Recording Industry Association of New Zealand (RIANZ) por vender mais de 7.500 cópias.[46] No Reino Unido "When I Grow Up" estreou e atingiu o número três no UK Singles Chart com vendas de 29.688.[47] Na Billboard European Hot 100 Singles, a música chegou ao número três, e também chegou ao número nove na Alemanha.[48]

Resposta Crítica[editar | editar código-fonte]

"When I Grow Up" foi aclamado pelos críticos de música. Bill Lamb, da About.com, listou "When I Grow Up" entre as melhores faixas no Doll Domination, afirmando que a música "explode dos blocos", e que não foi nenhuma surpresa que "aterrissou no top 10 pop com facilidade".[49] Em uma revisão separada, Lamb deu a música três de cinco estrelas. Ele observou que a "natureza anônima" dos vocais do grupo e "provocação sexual lírica" ​​está começando a se desgastar, afirmando: "Isso é mais do mesmo, não um passo adiante". Lamb, no entanto, elogiou a música como sendo um "treino de dança cativante", e afirmou que a música carrega sua "aspereza habitual" e "batidas dance".[24] Nick Levine do Digital Spy os comentários de Lamb, notando que a música é um "bolsão hiperativo que funciona tão bem na aula de aeróbica quanto na pista de dança". Ele continuou: "Se elas continuarem lançando singles tão contagiantes como estes, elas poderam durar mais do que imaginamos".[22] August Brown do Los Angeles Times chamou a canção como a "peça central ideológica" de Doll Domination.[50]

Sal Cinquemani, da Slant Magazine, descreveu a canção como uma "faixa club cheio de trepidações" comentando que é "uma mistura perfeitamente inventada de acampamento e vamp para a famosa trupe burlesca".[51] Steve Perkins da BBC Music, a premiou com quatro de cinco estrelas escrevendo: "É bom ver que a dinâmica do grupo permanece fundamentalmente inalterada" e que a música foi um forte retorno.[21] Ele também observou que: "A música inteira parece estar centrada em torno do desejo de ser famoso quando crescer, o que não é o meu favorito de todas as mensagens para distribuir as crianças". Ele terminou sua revisão escrevendo "mas com toda a justiça: quem se importa? É hella catchy, e realmente, quem é o maior idiota aqui - o letrista da Pussycat Dolls que escreveu algumas letras vagamente absurdas, ou o crítico que esperava algo diferente?."[21] Dan Cairns, do The Times, disse que "se todas as músicas aqui fossem tão fantásticas e brilhantes como essa, o Doll Domination seria um dos grandes álbuns pop de 2008".[52] No entanto, Nic Oliver da MusicOMH, em uma revisão de Doll Domination, não favoreceu a música, dizendo que a faixa iria embaraçar Paris Hilton, mas "define o modelo para o resto do álbum".[53]

Paródias e versões de capa[editar | editar código-fonte]

A música foi parodiada no site de compartilhamento de vídeos YouTube, incluindo uma paródia chamada "I Wanna Be a Pussycat Mom" postada por The Momma Mary Show em 9 de setembro de 2013.[54] Em 3 de junho de 2008 a canção foi parodiada pelo superstar do YouTube Britney Houston, quando ela se recriou como parte das "Britneycat Dolls" e comentou: "Quando eu faço essas coisas, eu costumo tentar dar uma reviravolta na coreografia. Mas [as Pussycat Dolls têm] um movimento de assinatura, e eu só tinha que colocá-lo lá intacto", Foi postado no MTV.com.[55] "When I Grow Up" foi mais tarde interpretado por Simone Battle durante as audições para o The X Factor em 2011.[56] Também foi regravado pela Mayday Parade na coletânea Punk Goes Pop 2 em 2009,[57] e The Glee Project em 2012.[58]

Uso na mídia[editar | editar código-fonte]

A canção foi destaque no filme de comédia de 2008 A Casa das Coelhinhas,[59] e no Jogo de videogame de 2010 Just Dance 2.[60] A música e seu vídeo também foram apresentados brevemente no piloto da série Big Time Rush, da Nickelodeon.[61]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

As Pussycat Dolls presas no meio de um engarrafamento.

O videoclipe da música foi filmado de 23 a 24 de maio de 2008 no Hollywood Boulevard, em Los Angeles, com o diretor Joseph Khan.[62] A cantora americana Britney Spears filmou uma prévia para o vídeo em 4 de junho no Warner Bros. em Los Angeles.[63] Um no set "insider" disse que a cena de Spears era curta, consistindo apenas dela dirigindo em um carro que passava, acenando para as outras garotas.[64] Em 12 de junho de 2008, foi anunciado pela MTV News que o cameo tinha sido cortado do vídeo final.[65] Scherzinger foi perguntada sobre o porque Spears foi cortada do vídeo.[66] Ela disse: "Eu honestamente não tenho tanta certeza. Você filma muitas coisas quando faz um clipe. Algumas coisas permanecem, mas outras coisas não ficam legais e Britney simplesmente não conseguiu. Eu vi um pequeno clipe de sua performance e ela parecia adorável, então eu realmente queria que ela estivesse nela!, Espero que trabalhemos juntas no futuro."[67] Um pequeno teaser do videoclipe foi lançado on-line em 12 de junho de 2008;[68] um dia antes da estréia do vídeo em 13 de junho de 2008 na FNMTV.[69]

No vídeo, as Pussycat Dolls são mostradas sentadas em um carro no meio de um engarrafamento, onde Scherzinger mostra um anel que esta escrito "famoso". Elas cantam a introdução da música no carro antes de pularem. Quando o coro entra em ação, as artistas saem do carro e ficam nos telhados dos outros carros e começam a dançar uma coreografia. Então elas caminham pela Calçada da Fama de Hollywood com bolhas flutuando ao redor delas. Enquanto caminham pela rua, elas também param para cantar em um banco. Quando o segundo refrão começa, as Dolls sobem e começam a dançar. Durante o solo de Scherzinger, ela está em uma pequena área com o logotipo Pussycat Dolls para a esquerda e um espelho para a direita, com as luzes piscando.

Nick Levine, da Digital Spy, escreveu que: "As Pussycat Dolls têm uma nova maneira de se divertir durante os engarrafamentos" e descreveu o colapso da dança como "divertido" e "nostálgico".[70] Na Austrália, o vídeo foi criticado por o vídeo ser muito atrevido.[71] Em 17 de agosto de 2008, foi anunciado que o vídeo foi indicado para Vídeo do Ano, Melhor Vídeo de Dança, Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia e Melhor Coreografia no MTV Video Music Awards de 2008, tendo recebido mais indicações ao VMA daquele ano.[72] A cerimônia foi realizada em 7 de setembro de 2008, ganhando o prêmio de Melhor Dança.[73] O videoclipe foi o décimo quinto vídeo mais transmitido na MTV.com em 2008.[74]

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

"When I Grow Up" foi lançado ao vivo no talk show americano Jimmy Kimmel Live! em 20 de maio de 2008.[75] Em 27 de maio de 2008, a MTV News informou que os Pussycat Dolls estavam entre os muitos indicados para se apresentar no MTV Movie Awards 2008 em 1 de junho.[76] Scherzinger falou sobre a performance dizendo: "Isso é um grande negócio para nós. Nós apenas queremos matá-lo. É tudo sobre as Dolls agora, e estamos chegando forte."[17] As garotas se apresentavam usando roupas de spandex e couro,[77] enquanto um telão era exibido ao fundo com imagens de flashes, manchetes de tabloides e diamantes.[78] Eles se juntaram aos vencedores do America's Best Dance Crew, descendo do teto usando camisetas vermelhas combinando com máscaras brancas cobrindo seus rostos, e bonés de beisebol empoleirados em ângulos de 45 graus acima de suas cabeças.[77] Sobre a performance, Geoff Boucher, do Los Angeles Times, comentou: "o set das Pussycat Dolls" culminou com um poderoso display pirotécnico que deixou as celebridades nas primeiras filas se sentindo um pouco assadas".[79] MTV Buzzworthy descreveu o desempenho como "sexy" e "sensual".[80] No entanto, Tod Martens, em outra revisão para o Los Angeles Times, criticou a apresentação. Ele comentou: "[Elas apareceram] no palco parecendo que haviam escapado de uma gravação para um clipe de Jazzercise sexualizado".[79] Ele também escreveu que Scherzinger nunca comandou a música, exceto nos "segundos finais do corte quando ela transformou seus vocais em um rosnado" e notou a aparição de JabbaWockeez como "irritante".[81]

"When I Grow Up" também foi tocada no So You Think You Can Dance em 13 de junho de 2008.[82] Em 2 de agosto de 2008, as Dolls cantaram a música e se apresentaram no MTV Asia Awards 2008 em Kuala Lumpur, Malásia, junto com "Buttons" (2005).[83] O grupo então cantou a música no Walmart Soundcheck, junto com "I Hate This Part", "Takin 'Over the World", "Buttons" e "Don't Cha".[84] Em 21 de novembro, elas cantaram uma mistura de "I Hate This Part" e "When I Grow Up" no American Music Awards de 2008. O desempenho incluiu pólos de stripper, e as meninas vestiram roupas totalmente de borracha.[85] As Pussycat Dolls também cantaram "When I Grow Up" na Doll Domination Tour (2009). Maureen Ellis, do Evening Times, disse que o "encore de alta energia de 'Don't Cha' e 'When I Grow Up' garantiu que as Dolls reinassem supremamente".[86]

Formatos e faixas[editar | editar código-fonte]

Créditos e equipe[editar | editar código-fonte]

Adaptado das anotações do Doll Domination.[11]

Equipe
  • Rodney "Darkchild" Jerkins - compositor, produtor, vocais adicionais, mixagem de áudio
  • Rock City (Theron e Timothy Thomas) - composição, vocais adicionais
  • Jim McCarty - compositor
  • Paul Samwell-Smith - compositor
  • Paul Foley - gravação
  • Mike "Handz" Donaldson - gravação
  • Roberto "Tito" Vazquez - gravação
  • Spike Stent - mixagem de áudio

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Vendas e certificações[editar | editar código-fonte]

Região Certificação Vendas
Austrália (ARIA)[142] Platina 70,000^
Nova Zelândia (RMNZ)[143] Platina 5,000*
Reino Unido (BPI)[144] Ouro 412,000[145]

*números de vendas baseados somente em certificação
^números de distribuições baseados somente em certificação

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

País Data Formato
Canadá[13] 27 de maio de 2008 (2008-05-27) Download digital
EUA[13]
EUA.[146] 1 de junho de 2008 (2008-06-01) Rádios de sucessos contemporâneos
Reino Unido[87] 9 de junho de 2008 (2008-06-09) Download digital
França[32] 29 de agosto de 2008 (2008-08-29) EP Digital
Alemanha[147]
Irlanda[148]
Irlanda[149] 7 de setembro de 2008 (2008-09-07) Single Digital
Reino Unido[88]

Referências

  1. a b c d «Nicole Scherzinger PCD Interview». MTV (Reino Unido e Irlanda). MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  2. Moss, Corey. «Pussycat Doll Nicole Snares Timbaland, Will.I.Am for Solo LP». MTV. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  3. Surette, Tim. «Pussycat Dolls Present». TV.com. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  4. Ezugwu, Emmanuel. «Nicole Scherzinger: Remember the Name». Allhiphop. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  5. Ezugwu, Emmanuel. «Nicole Scherzinger: Remember the Name». Allhiphop. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  6. «Nicole's Biography». Interscope Records. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  7. Maura. «'Her Name Is Nicole' Exists, Sort Of». Idolator. Buzz Media. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  8. «'When I Grow Up' BMI Work». BMI Repertoire (Broadcast Music Incorporated. Consultado em 7 de setembro de 2012 [ligação inativa]
  9. «Wayne Hector - When I Grow Up (Demo for Britney Spears)». Soundcloud. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  10. «Daily B: How Would The Pussycat Dolls' "When I Grow Up" Sound if Britney Sang It?». MuuMuse. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  11. a b c d e Doll Domination (Compact Disc). Santa Monica, California: Interscope Records. 2008 
  12. «Pussycat Dolls to Debut New Single May 20». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  13. a b c «When I Grow Up». Interscope Records. Consultado em 7 de setembro de 2012. Arquivado do original em 29 de dezembro de 2011 
  14. «Pussycat Doll Bachar quits group». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  15. a b Pareles, Jon. «Critics' Choice». New York Times. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  16. a b c Klapper, Rudy. «Pussycat Dolls – Doll Domination (staff review)». Sputnikmusic (Jeremy Ferwerda). Consultado em 7 de setembro de 2012 
  17. a b c d Montgomery, James; Stolz, Kim. «Pussycat Dolls Prepare for MTV Movie Awards Performance – And 'The Next Level'». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  18. Gill. «Pussycat Dolls – Doll Domination – Album Review». Yahoo Music UK Yahoo!. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  19. «McCartney, Coldplay Honored At ASCAP Awards». Billboard. London. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  20. Theron Thomas, Jim McCarty, Paul Samwell-Smith, Timothy Thomas, Rodney Jerkins (Composers and Lyricists). «Pussycat Dolls – When I Grow Up Sheet Music (Digital Download)» (Musicnotes). Musicnotes.com. Alfred Music Publishing. MN0067375 (Product Number). Consultado em 7 de setembro de 2012 
  21. a b c d e f «Pussycat Dolls – 'When I Grow Up' (Single Review)». BBC Music. BBC. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  22. a b Levine, Nick. «Music – Singles Review – Pussycat Dolls: 'When I Grow Up'». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  23. «Pussycat Dolls – Hello Dolly». Blues & Soul. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  24. a b «Review of the single "When I Grow Up" by the Pussycat Dolls». About.com. The New York Times Company. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  25. «Do the Pussycat Dolls Want 'Boobies' or 'Groupies'? Ellen Gets the Scoop!». The Ellen DeGeneres Show (Warner Bros.). Consultado em 7 de setembro de 2012 
  26. «Nicole Scherzinger explains the song». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  27. «New Music: Pussycat Dolls f/ Eve – 'When I Grow Up (Remix)'». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  28. a b c «New Music: Pussycat Dolls – 'When I Grow Up (Darkchild Remix)'». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  29. «Pussycat Dolls ft. Diddy, Rock City & Fatman Scoop – When I Grow Up (Remix) – Listen Now». DjBooth. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  30. «Darkchild Vlog #2: Remixing the Pussycat Dolls; A Darkchild Album?». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  31. a b When I Grow Up (Remixes) (US Remixes CD single liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  32. a b c «When I Grow Up – EP by The Pussycat Dolls». iTunes Store (France). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  33. Cohen, Jonathan. «Lil Wayne Fends Off Coldplay, Perry On Hot 100». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  34. «Lil Wayne Continues Hot 100 Dominance». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  35. «Katy Perry Scores 1,000th No. 1 Hit Of Rock Era». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  36. «Billboard Hot Dance Club Songs Week of August 2, 2008». Billboard 
  37. «Week Ending Jan. 24, 2010: Hope For Haiti Makes History». Yahoo! Music. Yahoo!. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  38. «Canadian Hot 100». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  39. «Canadian Hot 100». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  40. «Australia Singles Top 50(22/06/2008)». ARIA Charts. Australian Recording Industry Association. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  41. «Australia Singles Top 50(10/08/2008)». ARIA Charts. Australian Recording Industry Association. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  42. «ARIA certificates Singles 2008». Australian Recording Industry Association 
  43. «New Zealand Singles Top 40(23/06/2008)». New Zealand Singles Chart. Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  44. «New Zealand Singles Top 40(21/07/2008)». New Zealand Singles Chart. Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  45. «New Zealand Singles Top 40(21/07/2008)». New Zealand Singles Chart. Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  46. «Chart #1642: When I Grow Up Gold certification». Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  47. Jones, Alan. «Katy Perry gets physical at top of chart». Music Week. United Business Media. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  48. Sexton, Paul. «Coldplay, Perry No. 1 In Europe». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  49. Lamb, Bill. «Review of the Pussycat Dolls 2nd Album Doll Domination». About.com. The New York Times Company. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  50. Brown, August. «Smug Pussycat Dolls forget the fun». Los Angeles Times. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  51. «Pussycat Dolls: Doll Domination». Slant Magazine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  52. Cairns, Dan. «Pussycat Dolls: Doll Domination CD reviews». The Times. UK. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  53. «Pussycat Dolls – Doll Domination | album reviews». MusicOMH. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  54. Burt-Godwin, Mary. «when i grow up i wanna be a pussycat mom». The Momma Mary Show. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  55. Cantielo, Jim. «Britney Houston Recruits 'Britney Cat Dolls' For Pussycat Dolls Parody». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  56. Hilton, Perez. «Our SECOND Favorite Audition From Last Night's X Factor!». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  57. «Punk Goes Pop, Vol. 2 by Various Artists». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  58. «PerezTV Archives - Perez Hilton». Perez Hilton 
  59. «The House Bunny (2008) - Soundtracks». IMDb. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  60. «Just Dance 2 Tracks». Just Dance. UbiSoft. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  61. «"Big Time Rush" Big Time Audition (TV Episode 2009) - Soundtracks». IMDb. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  62. Mendoza, Nadia. «Sexy Pussycats all Doll-ed up». The Sun. London. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  63. Kaufman, Gil. «Britney Spears Looks 'Hot And Blonde' In Pussycat Dolls' 'When I Grow Up' Video: Report». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  64. «X17 News – Britney Spears to Make Appearance in Pussycat Dolls Music Video». X17online.com. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  65. Kaufman, Gil. «Britney Spears Cameo Axed From Pussycat Dolls Video». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  66. «First Look: Pussycat Dolls – 'When I Grow Up'». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  67. Levine, Nick. «Music – Interview – Pussycat Dolls». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  68. «Pussycat Dolls : News : PCD's "When I Grow Up" Video Premiere 6/13!». Interscope Records. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  69. «Video: Pussycat Dolls – 'When I Grow Up'». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  70. Levine, Nick. «Watch the new Pussycat Dolls video». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  71. «Pussycat Dolls pop up charts». The Sydney Morning Herald. Fairfax Media. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  72. Anitay, Tamar. «VMA Throwdown Thursday: Pussycat Dolls Win Unofficial VMA For Most-Nominated Act Of 2008». MTV Buzzworthy. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  73. «MTV Video Music Awards – 2008 Winners». MTV. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  74. Montgomery, James. «We've Had Our Say, Here Are Your Top Songs Of 2008: Britney Spears, Lil Wayne And More!». MTV News, MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  75. Castillo, Valerie Anne del. «'Pussycat Dolls Present' Their New Hit on Jimmy Kimmel, Gear Up for the Release of New CD». BuddyTV. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  76. Adler, Shawn. «Coldplay, Pussycat Dolls Set to Perform at MTV Movie Awards». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  77. a b Montgomery, James. «Robert Downey Jr. Is King, Tom Cruise Cheers On Pussycat Dolls: Backstage At The MTV Movie Awards». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  78. Montgomery, James. «Behind The Scenes With Coldplay, PCD At Movie Awards Rehearsal – Show Story». MTV News. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  79. a b Boucher, Geoff. «MTV Movie Awards impervious to studio fire». The Los Angeles Times. Tribune Company. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  80. Pop Cultured. «Watch (Or Rewatch) Coldplay and Pussycat Dolls Perform at the MTV Movie Awards». MTV Buzzworthy. MTV Networks. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  81. Martens, Tod. «MTV Movie Awards: Coldplay and the Pussycat Dolls were ready to sell». The Los Angeles Times. Tribune Company. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  82. «Video: Pussycat Dolls Perform on So You Think You Can Dance». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  83. «Pussycat Dolls at MTV Asia Awards 2008». Rap-Up. Devine Lazerine. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  84. «Walmart Soundcheck 2008 – Watch Pussycat Dolls Interviews, Live Performances, Music Videos». Wal-Mart. Consultado em 7 de setembro de 2012. Arquivado do original em 17 de novembro de 2010 
  85. «Rihanna, Christina Aguilera, Beyonce, more rack up the sex appeal at AMAs». New York Daily News. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  86. Maureen, Ellis. «Review: Purr-fect Dolls conquer Glasgow». Evening Times (Herald & Times Group). Consultado em 7 de setembro de 2012 
  87. a b «When I Grow Up – Single by The Pussycat Dolls». iTunes Store (United Kingdom). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  88. a b «When I Grow Up – Single by The Pussycat Dolls». iTunes Store (United Kingdom). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  89. When I Grow Up (European CD single liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  90. When I Grow Up (German CD single liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  91. When I Grow Up (Italian 12" single liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  92. When I Grow Up (Remixes) (UK Remixes CD single liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  93. When I Grow Up (US 12" vinyl liner notes). Interscope Records. 2008. LC06406 
  94. «The Pussycat Dolls - When I Grow Up» (em alemão). Charts.de. Media Control.
  95. «Australian-charts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). ARIA Top 50 Singles. Hung Medien.
  96. «ARIA Chartifacts: Week Commencing ~ 17th November 2008 ~ Issue #977» (em inglês). ARIA Top 40 Urban Singles. National Library of Australia.
  97. «The Pussycat Dolls – When I Grow Up Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien.
  98. «Ultratop.be – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em neerlandês). Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch.
  99. «Ultratop.be – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em francês). Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch.
  100. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Canadian Hot 100 para The Pussycat Dolls.
  101. «Danishcharts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up. (em dinamarquês). Tracklisten. Hung Medien.
  102. «SNS IFPI» (em eslovaco). Hitparáda – Radio Top100 Oficiálna. IFPI República Checa. Nota: inserir 200833 na pesquisa.
  103. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot 100 para The Pussycat Dolls.
  104. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Pop Songs para The Pussycat Dolls.
  105. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot Dance/Club Play para The Pussycat Dolls.
  106. a b «The Pussycat Dolls Awards». AllMusic. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  107. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). European Hot 100 para The Pussycat Dolls.
  108. «The Pussycat Dolls: When I Grow Up» (em finlandês). Musiikkituottajat
  109. «Lescharts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em francês). Les classement single. Hung Medien.
  110. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Rádiós Top 40 játszási lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége.
  111. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Dance Top 40 lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége.
  112. «Chart Track» (em inglês). Irish Singles Chart. GfK.
  113. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Japan Hot 100 para The Pussycat Dolls.
  114. «Dutchcharts.nl – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em neerlandês). Mega Single Top 100. Hung Medien / hitparade.ch.
  115. «Portuguesecharts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up». AFP Top 100 Singles.
  116. «Chart Stats – Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). UK Singles Chart.
  117. «Top 40 R&B Singles Archive» (em inglês). UK R&B Chart.
  118. «ČNS IFPI» (em tcheco). Hitparáda – Radio Top 100 Oficiální. IFPI República Checa. Nota: inserir 200835 na pesquisa.
  119. «Charts.org.nz – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). Top 40 Singles. Hung Medien.
  120. «Norwegiancharts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). VG-lista. Hung Medien.
  121. «Swedishcharts.com – The Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). Singles Top 60. Hung Medien.
  122. «The Pussycat Dolls – When I Grow Up swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien.
  123. «Pop Rock» (em Spanish). Record Report. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  124. «Top 100 Single-Jahrescharts» (em German). GfK Entertainment. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  125. «ARIA Charts – End Of Year Charts – Top 100 Singles 2008». Australian Recording Industry Association. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  126. «ARIA Charts – End Of Year Charts – Top 100 Singles 2008». Australian Recording Industry Association. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  127. «2008 Year End Austrian Singles Chart». Ö3 Austria Top 40. 2008. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  128. «Jaaroverzichten 2008 (Flanders)» (em Dutch). Ultratop. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  129. «Rapports Annuels 2008 (Wallonia)» (em French). Ultratop. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  130. «Canadian Hot 100: 2008 Year-End Charts». Billboard. Prometheus Global Media. 2008 
  131. «Billboard Charts – Year-end Singles – Hot 100 Songs». Billboard. 2008. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  132. «Disque en France – Classement Singles – année 2008». Disque en France. Consultado em 7 de setembro de 2012. Arquivado do original em 24 de dezembro de 2010 
  133. «Éves összesített listák – MAHASZ Rádiós TOP 100 (súlyozott)». Mahasz. Mahasz. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  134. «RIANZ Annual Top 50 Singles Chart 2008». Recording Industry Association of New Zealand. Consultado em 7 de setembro de 2012  Note: The reader must select 2008 → Singles
  135. «2008 Year End Swiss Singles Chart». Swiss Music Charts. 2008. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  136. «2009-01-18: UK's 100 best selling albums & singles'2008 (+2007 & 2006)». Music.it. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  137. «Charts Year End: European Hot 100 Singles». Billboard. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  138. «Éves összesített listák – MAHASZ Rádiós TOP 100 (súlyozott)». Mahasz. Mahasz 
  139. «ARIA Chart Sales – ARIA End of Decade Singles/Top 100» (PDF). Australian Recording Industry Association. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  140. «ARIA Charts – Best of all time chart – Top 1000 Singles». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  141. «RMNZ Charts – Best of all time chart – Top 100 Singles». Consultado em 7 de setembro de 2012 
  142. «ARIA Charts – Accreditations – 2008 Singles». Australian Recording Industry Association. Consultado em 8 de junho de 2017 
  143. «Certificações (Nova Zelândia) (single) – Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). Recorded Music NZ. Consultado em 8 de junho de 2017 
  144. «Certificações (Reino Unido) (single) – Pussycat Dolls – When I Grow Up» (em inglês). British Phonographic Industry. Consultado em 8 de junho de 2017 
  145. White, Jack. «Pussycat Dolls' biggest singles on the Official UK Chart revealed». Official Charts Company. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  146. «Going For Adds: CHR/Top 40». Radio & Records. Consultado em 27 de novembro de 2011. Arquivado do original em 15 de julho de 2011 
  147. «When I Grow Up – EP by The Pussycat Dolls». iTunes Store (Germany). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  148. «When I Grow Up – EP by The Pussycat Dolls». iTunes Store (Ireland). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 
  149. «When I Grow Up – Single by The Pussycat Dolls». iTunes Store (Ireland). Apple Inc. Consultado em 7 de setembro de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]