White Lion

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
White Lion
White Lion (2007)
Informação geral
Origem Nova Iorque, Nova Iorque
País  Estados Unidos
Gênero(s) Glam metal
Hard rock
Heavy Metal
Período em atividade 1983–1991
1999–presente
Gravadora(s) Warner
Atlantic
Frontiers Records
Afiliação(ões) Mabel, Freak of Nature, Pride & Glory, Megadeth, Anthrax, Zakk Wylde, Black Sabbath, AntiProduct
Influência(s) Journey, Boston, Van Halen
Integrantes Mike Tramp
Jamie Law
Troy Patrick Farrell
Claus Langeskov
Henning Wanner
Ex-integrantes Vito Bratta
James LoMenzo
Greg D'Angelo
Felix Robinson
Nicki Capozzi
Dave Spitz
Dan Hemmer
Kasper Damgard
Nils Kroyer
Bjarne T. Holm
Tommy T-Bone Caradonna
Jimmy DeGrasso
Página oficial returnofthepride.com

White Lion é o nome de uma banda americana, de glam metal, formada em 1983, na cidade de Nova Iorque, pelo cantor dinamarquês Mike Tramp e pelo guitarrista americano Vito Bratta. Famosa durante o período de 1980 e início de 1990, lançaram seu primeiro album Fight To Survive em 1985. A banda alcançou o duplo disco de platina com "Wait" e "When the Children Cry" ambas do segundo album, Pride de 1987. A banda continuou fazendo sucesso com o terceiro album, Big Game, no qual alcançaram disco de ouro, e o quarto album, Mane Attraction foi lançado durante a turnê.

A banda terminou 1991, mas foi reagrupada em 1999 por Mike Tramp, o único membro do alinhamento original.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Os White Lion nasceram em 1983, formados pelo vocalista Mike Tramp, famoso desde jovem na Dinamarca e em Espanha, e Vito Bratta,

Após assinarem com a editora Elektra Records, em 1983, recrutam o baixista Felix Robinson e o baterista Dave Capozzi para gravar o seu 1º álbum, Fight to Survive. A editora, descontente com a gravação final, recusou-se a lançar o álbum e despediu-os. Nessa altura Felix e Dave abandonam o grupo.Para os substituir entram Greg D'Angelo, baterista dos (Anthrax, e o baixista Dave Spitz (irmão do guitarrista Dan Spitz). Um mês depois, Spitz trocou os White Lion pelos Black Sabbath vindo, para o seu lugar, James Lomenzo. No mesmo ano conseguem contrato com a RCA Records e editam o álbum.

Em 1987, passam para a Atlantic Records e gravam Pride, o álbum que os catapultou para a fama.

Em 1989 editam "Big Game", o qual ficou longe do êxito do anterir trabalho.

Em 1991 gravam "Mane Attraction",e começam a deixar de ter temas nas tabelas de venda dos Estado Unidos.

Em 1999, Mike Tramp refez o grupo com novos membros e lançou Remembering White Lion, um álbum com novas versões de temas antigos da banda. Entretanto teve que mudar o nome da banda para "Tramp's White Lion" devido a uma disputa legal com Vito Bratta sobre o direito ao uso do nome "White Lion", que Mike viria a ganhar o direito a usar o nome da sua banda em 2007. Em Março do ano seguinte edita "The Return of the Pride".

Membros[editar | editar código-fonte]

Formação inicial[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

Outros[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Fight to Survive (1985)
  • Pride (1987)
  • Big Game (1989)
  • Mane Attraction (1991)
  • The Best Of White Lion- (1992)
  • Remembering White Lion - (1999)
  • Anthology 83-89 - (2004)
  • Last Roar - (é o trabalho "Remembering White Lion" re-baptizado) (2004)
  • Rocking The USA - (2006)
  • The Definitive Rock Collection (2007)
  • White Lion-Extended Versions (2007)
  • Return of the Pride (2008)
  • Suicide City (2009)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of the United States.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.