Wikipédia:Esplanada/propostas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
▼ Ir ao fim da página ▼
Bem-vindo(a) à se(c)ção propostas da Esplanada!
Esta secção é utilizada para discutir novas ideias e propostas para saber a opinião da comunidade. Pode ser sobre a alteração ou criação de predefinições, páginas, políticas, etc. Tenha em mente que as decisões da comunidade são baseadas no método do consenso. Veja também as mudanças recentes nas esplanadas.



Extinção do WP:CDN e nova dicussão sobre notoriedade necessária para constar na Wikipedia

Baseado na argumentação abaixo do colega Lechatjaune:

Citação: Lechatjaune escreveu: «os tais critérios intituídos são puro absurdo, ficaram sendo discutidos por socks do Q e ninguém dava a mínimo porque afinal, "a gente ganha depois no voto, né, mané?". Mas a razão pela qual discordo deles é que são baseados em critérios arbitrários. Eu sempre defendi usar o critério geral de notabilidade "ter recebido cobertura significativa por fontes fiáveis" e alguns critérios auxiliares para determinar o que é cobertura significativa para um jogador de futebol, para um cientista ou para um livro. Critérios mais duros para artigos onde WP:NPOV pode ser um problema (empresas, pessoas vivas, livros, recém lançados etc) e critérios mais leves para artigos sobre tópicos onde se espera que poucas fontes reflitam um visão equilibrado sobre o assunto (pessoas mortas há um bom tempo e ainda lembradas por fontes reputadas, livros na mesma situação, espécies de seres vivos etc). Se alguém propor revogas todos os CDN para reabrir uma discussão sérias, eu coloco meus quatro tiles embaixo.»

Proponho a extinção imediata dos tais "critérios do Quintinense e sua tchurma" que nos balizam, e o início também imediato do estabelecimento de novos critérios, baseados na discussão dos usuários realmente comprometidos com a enciclopédia como produto cultural geral e não por arbitrariedades pessoais ou de "tchurmas". Proponho comerçarmos pelos tópicos mais sensíveis daqui e de grande número de verbetes, como jogadores de futebol e artistas em geral. MachoCarioca oi 22h34min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

Outras políticas foram também conspurcadas por essa tchurma. Penso que o resultado dos verificadores nos poderá orientar para a dimensão do tsunami. Vanthorn® 22h47min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)


Symbol question.svg Pergunta: WTF? Marcos Dias ? 22h38min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)
Symbol question.svg Pergunta: O que isto traria de bom? Qual seria as vantagens? Você não deixou claro qual seria o motivo, apenas colocou seu ponto de vista. Marcos Dias ? 22h38min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

E dai? Vc concorda ou não com "meu ponto de vista", simples. Eu faço a proposta que eu quiser e como quiser cara, que coisa. MachoCarioca oi 22h42min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

«Eu faço a proposta que eu quiser e como quiser cara, que coisa.» Ficou nervosinho é? Eu te faço pequenas perguntas para esclarecer tal ponto de vista e você vem achando que eu estou sendo contra a resposta só por que eu fiz simples perguntas? Marcos Dias ? 23h03min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)
Então sua ideia de pergunta é dizer "WTF?" Diga-me mais sobre a criancice aqui instalada, por favor... E só pra constar, o proponente não "abusou para propor um ponto de vista", ele só de fato expôs uma nova ideia. --Zoldyick (Discussão) 03h53min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Diga-me mais você sobre a sua OMG, olhe pro seu próprio nariz antes de falar dos outros. Marcos Dias ? 07h48min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)
Ah, obrigado por me fazer lembrar que mais um CV e lixo insignificante foi exterminado dessa enciclopédia. Mais um dia normal na Wiki ... --Zoldyick (Discussão) 22h33min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)
Respeite o trabalho dos outros, lixo é o que você costuma comentar, seu comportamento extremo-delecionista chega até a ser infantil, antes de falar que o trabalho dos outros veja seu excelente trabalho! Marcos Dias ? 22h43min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo da proposta. Não trará benefício algum. Vitor MazucoMsg 22h45min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

Se é para simplificar o processo e remover as marcas do Q aqui, eu Symbol support vote.svg Apoio. Mas como seria esse critério? Fronteira diga - veja 22h51min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

É isso que discutiriamos aqui, desde q haja mais interessados nessa mudança. MachoCarioca oi 22h56min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)

Sugiro partir das páginas informativas da en.wiki, que são critérios baseados em bom senso, e não em premissas descabidas, como as que foram aprovadas pelo quintinense e respetivos minions. Antero de Quintal (discussão) 23h01min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)
Symbol support vote.svg Apoio, precisamos voltar à origem, às verdadeiras regras do projeto. Infelizmente, a wiki.pt trilhou um caminho obtuso para chegar ao ponto que está. Infelizmente, antigamente as PEs eram guiadas por votação, muitas vezem sem qualquer discussão ou argumento. Quanto se falava em algumas coisa era baseado em critérios arbitrários ou subjetivos de relevância. Precisamos de recomendações de relevância que realmente reflitam "cobertura significativa por pares" onde sigificativo deve significar que é possível escrever um texto citando os principais pontos de vista, isto é, satisfazer WP:NPOV. Os atuais CDN são pura invencionisse e nunca produziram consenso na comunidade. Lechatjaune msg 23h11min de 17 de janeiro de 2015 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo que é este o tipo de recomendações de relevância de que precisamos. Helder 13h32min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol declined.svg Não O fato de o Quintinense ter sido responsável pela implementação não é motivo para retirada. Até porque ele foi bloqueado há muitos anos e até então os CDN sempre foram usados com o máximo de rigor, sempre muito restritos inclusive. Se agora estão presumindo que o Quintinense usou meats em um "esquema", o que isso tem a ver com os CDN, se é que tem? Se a implementação dos CDN foi forçado, não significa que não houve apoio da comunidade. Vi que houve discussão, que muitos problemas ocorriam, houve votação, e se os votos dele (com os socks) não foram anulados, foi porque as regras não permitiam. Não podemos fazer algo contra as regras só para punir um usuário ou um grupo, e sei que a comunidade jamais aceitará isso. Marcos Dias ? 03h25min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)

Na realidade podemos. A wikipédia não possui regras fixas. A implementação deste tipo de critérios nunca foi consensual e foi sempre foco de conflitos entre a comunidade. Isso é motivo mais do que suficiente para os remover, e não para "punir um grupo" (sic). Antero de Quintal (discussão) 03h24min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Pode-se mudar, desde que haja motivo. Os conflitos se dão basicamente pois eles são muito restritos, mas sem eles, como vai se saber o que é que pode e o que não pode. Pode-se criar uma nova regra? Pode, mas temos essa e não podemos retirar por retirar, pois há conflitos. A regra precisa ser consensual para existir? Se é assim, que se removam todas as regras aprovadas por votação. Se pode-se remover regras assim, pode-se remover a verificabilidade então, ou qualquer outra regra importante. Já que a discussão é antiga e agora aquela comunidade do passado não deve mais ser respeitada. Não se tem argumentos para remover os CDN, que é uma regra importante e necessária, que é um dos limiares de aprovação de artigos no projeto. Marcos Dias ? 03h39min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
O motivo é estarem mal elaborados e metade deles permitirem a inclusão de tópicos irrelevantes que não cumprem o critério de notoriedade geral (ser considerado notável por múltiplas fontes fiáveis e independentes do assunto em questão). Muitos deles baseiam-se em números arbitrários disparatados e sem nexo. Quando um sub-critério permite a inclusão de tópicos que não cumprem o critério geral, então está mal elaborado e é uma violação de uma das regras essenciais do projeto. Antero de Quintal (discussão) 03h47min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Antero, você deveria saber que não é para cumprir o CDN geral e o particular. Senão não seria necessário o particular. O particular é para casos que não cumprem o CDN geral mesmo. Se não tiver o particular, aí obrigatoriamente se deve cumprir o geral. Marcos Dias ? 04h07min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Os particulares são especificidades. O geral, é norteado pela política de verificabilidade e aplicável a qualquer tópico. Lijealso - 04h27min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Se os CDN particulares existem para burlar uma regra mais geral, então devem ser abolidos mesmo. E a abolição não deveria acontecer porque apenas foram feitos por um editor de má-fé, mas porque são mal feitos, mal escritos, não geraram consenso na comunidade, porque foram escritos numa época quando não se sonhava em eliminação por argumentação (e por isso esses critérios eram irrelevantes) e porque são tão confusos que estão a servir para burlar WP:V e WP:NPOV. Lechatjaune msg 11h35min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Não existem pra burlar e sim pra complementar. Quanto a não ter consenso, já falei sobre isso anteriormente. Marcos Dias ? 20h56min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo que a retirada de critérios não deve ser feita só por terem sido obra de fulano, mas pelo mérito da proposta propriamente dita. Helder 13h32min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)

@Lijealso: Sim, mas se cumprir o particular, não precisa cumprir o CDN geral no sentido de ter ampla cobertura por fontes reputadas, a recomendação é clara a respeito. É dito que se tem que cumprir o CDN geral através do particular, mas esse CDN geral não é o descrito no topo da recomendação, é como se fosse um segundo, já que é dito que não é preciso ter ampla cobertura por fontes reputadas se cumprir o particular. Marcos Dias ? 16h50min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)


Confesso que alguns critérios me parecem algo desajustados à realidade actual da wiki. E até vou mais longe, algumas políticas, sobretudo as aprovadas em votação, também necessitavam de um "reset". Lijealso - 03h28min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)

  • Symbol support vote.svg Concordo. O critério geral, de receber cobertura por fontes secundárias que atestem notoriedade é suficiente, por enquanto. Flávio, o Maddox (msg!) 05h10min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo Tem muita coisa sem a mínima notoriedade "ganhando" verbete apenas para tentar obter respeitabilidade.Ixocactus (discussão) 06h26min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo Apesar de que atualmente qualquer artigo sem fontes que receba vários apoios pela manutenção acabam sempre por ser mantidos. Sendo do Q ou não, as PE estão infestadas de gente que nem sequer sabe que o critério de verificabilidade existe. E se nem este o cumprem, imagine-se quantas outras políticas continuam a ser ignoradas. Lá vota-se, com ou sem razão, vota-se. Não existe argumentos para analisar, e o eliminador apenas conta esses votos. Tão ridículo quanto isto. Se o manter ou o eliminar confundem quem avalia a PE, passa-se para votação. Apesar da controvérsia, a Wikipédia já é uma plataforma de divulgação, uma espécie de jornal e blog. Revistas cor-de-rosa, fofocas da manhã acabam sempre por receber aceitação da comunidade. Passou a ser preceito de muitos dos eliminadores e também premissa da maioria dessa gente confusa. Shgür Datsügen (discussão) 15h32min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a extinção sumária dos atuais Qritérios de Notoriedade e a criação de novos Critérios de Notoriedade. Nunca foram os critérios "da comunidade", são os critérios de "Q, o Mestre das Marionetes Votantes", e eles não representam a opinião desta instituição. --Zoldyick (Discussão) 23h58min de 18 de janeiro de 2015 (UTC)

Sendo claro, concordo com a extinção dos critérios particulares de notoriedade e com a manutenção do critério geral. Novos critérios específicos devem ser novamente discutidos em conformidade com as regras e princípios já estabelecidos e não baseados em critérios quantitativos aleatórios. GoEThe (discussão) 09h54min de 20 de janeiro de 2015 (UTC)

Sempre fui contra esses critérios e obviamente que concordo com a sua extinção. Não me conformo que regras aprovadas em votação, ou seja, não consensuais, sirvam de base para ESR's, por exemplo, cuja proposta aprovada é a de serem usadas em eliminações "não controversas". Outro exemplo é WP:V, que jamais foi consensual. É o cúmulo. Por isso, fico preocupado com propostas de "novos critérios". Se forem novamente aprovados em votação, ou manipuladas em pseudo consensos, que fique bem claro que não poderão fundamentar ESR e, obviamente, ER. E quanto a PE tenho grandes reservas, pois só admito eliminações por esse fundamentos se forem por votação. Eliminadores que aceitem argumentos de eliminação baseados em regras votadas, para acharem "consenso", estão cometendo um erro crasso. Se não houve consenso pela regra, como que pode haver consenso em uma eliminação simplesmente pela mesma regra. Só não vê quem é cego ou quem tem interesses à revelia dos princípios do projeto em função dos esquemas vários que andam por aí. Evidentemente que determinados assuntos como biografias de pessoas vivas ou sujeitos a pressões promocionais, políticas ou religiosas devem ter critérios mais rigorosos para a manutenção dos textos no projeto. Por outro lado temos vários assuntos que qualquer regrinha aprovada internamente não terá a menor sustenção. Por exemplo, já vi propostas de critérios de notoriedadde que beiram a "pesquisa inédita" e ao puro ridículo. Desde quando somente wikipedistas vão decidir qual asteroide que vai ter artigo e qual não vai ter, por exemplo. Sei que a minha idéia não agrada nenhum dos esquemas vigentes, mas é o que penso.--Arthemius x (discussão) 10h36min de 20 de janeiro de 2015 (UTC)

Arthemius x, a sua ideia agrada o esquema dos enciclopedistas, daqueles que sabem que a wikipédia não é sociedade de cotas, daqueles que são voluntários de verdade e que não ganham dinheiro nem favor para fazer manter ou remover conteúdo a despeito das regras. É o esquema daqueles que se importam com a Wikipédia e com a imagem desse projeto frente ao grande público. Lechatjaune msg 11h41min de 20 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Apesar de ter critérios de notoriedade pré estabelecidos parecer algo importante para se regular o que pode ou não pode ser publicado aqui, muitos deles não tem a menor consistência, um exemplo prático disso é o WP:BIOGRAFIA: a única coisa que há lá é uma descrição incompleta de quem não deve ser notório, sem que se haja um aprofundamento significativo sobre tal. O mesmo ocorre com WP:EMPRESA e com muitos outros. Além de em alguns casos eles claramente atenderem aos interesses do Quintinense, como caso do WP:CARNAVAL. Do mais pode-se discutir posteriormente a implantação de novos critérios. Também apoio que se mantenha o critério geralLeon saudanha Seja bem vindo! 17h30min de 20 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo Acho importante rever alguns critérios, como "todo deputado é notório. Há deputados que tomam posse por alguns meses como suplente, não fazem nada, e depois voltam a ser somente suplentes, o que na minha opinião não dá notoriedade, a não ser que tenha algum fato relevante na atuação. Ou o de que "toda" concessionária pública é notória. Mas apesar de achar que deve ser feito um "pente fino" e que alguns dos critérios devem ser totalmente refeitos, limar tudo de uma vez é desrespeito às discussões e decisões posteriores, como essa, que houveram para retificar ou acrescentar itens aos mesmos. Eu pesquisei e vi que há critérios onde não houve a participação do mesmo, como nos CDN de Ginástica. Acho bom rever os critérios mais problemáticos, mas isso deve ser feito minuciosamente em cada um, e não detonando tudo. RmSilva msg 02h29min de 21 de janeiro de 2015 (UTC)

  • Receber cobertura significativa de múltiplas fontes secundárias significa exatamente o que? Por exemplo acabou de estrear este programa na maior emissora de televisão brasileira, seus participante receberão uma significativa cobertura da imprensa (infelizmente na minha opinião) antes e depois do programa passarão a ser notáveis apenas por esta razão? Não gosto de todos os critérios, mas remover para ficar um vazio interpretativo no lugar não me parece solução. Vi um debate que está em andamento em uma PE que os tópicos relativos a determinados clubes de futebol são por definição automaticamente relevantes e não podem ser eliminados; este argumento é o da "gripe", se um tópico é notável tudo relativo a ele também é. Não vejo isto como algo positivo para o projeto e vejo aberta a possibilidade de algo que está ruim, piorar e muito. Fabiano msg 22h54min de 22 de janeiro de 2015 (UTC)
Pensei melhor no que o Richard disse, e passo a Symbol declined.svg discordar da simples extinção dos critérios. Os que foram aprovados consensualmente ou por ampla margem em votação concordo que continuem, mas os que foram aprovados com o voto de socks e meats mudando o resultado final, devem ser rediscutidos, caso a caso. --Zoldyick (Discussão) 22h57min de 22 de janeiro de 2015 (UTC)
A proposta é não só para a extinção dos atuais critérios, mas também para a redação de novos guias de notoriedade que sejam baseados na definição geral de notoriedade e no bom senso. Aliás, foi precisamente com esta premissa que concordou mais em cima, pelo que não percebi esta mudança repentina de posição, que é ainda mais estranha ao "discordar" de uma coisa que não está a ser proposta (a mera extinção). Foi solicitado por alguém a rever a posição? Antero de Quintal (discussão) 23h56min de 22 de janeiro de 2015 (UTC)
Seria de fato interessante que um novo texto fosse escrito e publicado aqui para que a proposta de novos critérios tornasse, digamos, mais clara, para que a discussão fluísse de forma mais focada do que está acontecendo aqui. Acima, o Antero de Quintal falou em utilizar como base os critérios da wiki-en. Como possui domínio do inglês, poderia traduzir, se possível? Fronteira diga - veja 00h02min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

Citação: João escreveu: «Se os outros consensos forem apagados este tem de seguir o mesmo caminho»

Não, a proposta é clara lá em cima, "extinção imediata dos tais "critérios do Quintinense e sua tchurma"". O consenso dos criterios de bairros não tem nada a ver com isso. Acho. MachoCarioca oi 01h10min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

Eu tenho uma opinião muito particular, que alguns (bastantes) conhecem sobre o que deve ou não existir na wiki, mas vou-me abster, pelo menos para já, de dizer se concordo ou discordo, porque ainda não sei o que dizer. Deixo só para reflexão uns artigos, até porque o editor inicial já nem edita: Grécia nos Jogos Olímpicos de Inverno de 1994, Grécia nos Jogos Olímpicos de Inverno de 1998, etc (Nota: a info existente neles não deve ser eliminada porque há alguma diferença e a info não se deve perder). --João Carvalho deixar mensagem 00h17min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

Acredito que estes tipos de artigos são casos nos quais uma questão de lógica (nem é de regra) deveria ser aplicada. Artigos sobre um tema específico só deveriam ser desmembrados caso o artigo principal esteja longo e suficientemente desenvolvido e que haja conteúdo para os sub-artigos. Esse excesso de mínimos não contribui em nada e somente faz aumentar o número de artigos da wiki-pt, não refletindo a qualidade geral dos nossos verbetes.
Sobre o caso Richard, não consigo entender o porquê um editor que, claramente ignora os critérios existentes, votando para manter em irrelevâncias claras de desporto prefere que o status quo seja mantido.
O importante não é que apenas os critérios mudem. Para pior só fica se o caso não for exaustivamente discutido e organizado. Com uma boa discussão, é possível sim apresentar novos critérios sem rebaixar mais ainda o estado do projeto. O problema é definitivamente o fluir da discussão causar o desânimo dos participantes. Fronteira diga - veja 00h26min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)
Diferenças entre os dois artigos. Helder 01h03min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

Citação: Fronteira escreveu: «O problema é definitivamente o fluir da discussão causar o desânimo dos participantes. »

Esse é um grande problema nessas discussões, acabam sumindo, por isso vamos partir para algo concreto. Vou fazer um recolhimento das principais colocações de modo geral aqui feitas (creio haver um consenso de que ALGO deve ser feito) e abrir uma nova aba essa madrugada para discutirmos de maneir mais objetiva por onde começar concretamente isso. Quero apenas lembrar aos colegas, pegando a deixa de discussões que "mixam', que há duas abertas e muito importantes [1][2] (Cravo Albim e URC em listas) que solicito que deem as caras por lá de maneira objetiva porque precisamos resolver aqueles assuntos. MachoCarioca oi 00h54min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

A do Cravo Albin muito me interessa, agradeço por citar. Depois vejo a do URC. Fronteira diga - veja 01h16min de 23 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário: Em Wikipédias "normais", os CDN são meros indicativos de que o assunto é merecedor de um artigo, mas são subordinados aos princípios básicos de WP:V, por exemplo. Nenhum artigo deveria ser mantido apenas por satisfazer um ou mais critérios sem antes cumprir com os nossos pilares. Se cumprem com os pilares, os CDN viram então apenas critérios particulares de cada campo de estudo para justificar a permanência ou não de um artigo e creio que isto é direito de cada WikiProjeto, ainda que nossos projetos estejam majoritariamente às moscas ou mantidos por dois ou três editores. Victão Lopes Diga! 16h26min de 26 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário WP:EMPRESA deve ser revogado por usar de forma errada o conceito de empresa. Nada do que é indicado lá como "empresa" é verdadeiramente uma empresa. Empresa na verdade é uma atividade econômica organizada. Não é um sujeito de direito, não é uma pessoa jurídica, tampouco o local (ou complexo de bens) onde é exercida a atividade. Conforme explica o doutrinador Fábio Ulhoa Coelho:

Se empresário é o exercente profissional de uma atividade econômica organizada, então empresa é uma atividade; a de produção ou circulação de bens ou serviços. É importante destacar a questão. Na linguagem cotidiana, mesmo nos meios jurídicos, usa-se a expressão "empresa" com diferentes e impróprios significados. Se alguém diz "a empresa faliu" ou "a empresa importou essas mercadorias", o termo é utilizado de forma errada, não técnica. A empresa, enquanto atividade, não se confunde com o sujeito de direito que a explora, o empresário. É ele que fale ou importa mercadorias. Similarmente, se uma pessoa exclama "a empresa está pegando fogo!" ou constata "a empresa foi reformada, ficou mais bonita", está empregando o conceito equivocadamente. Não se pode confundir a empresa com o local em que a atividade é desenvolvida. O conceito correto nessas frases é o de estabelecimento empresarial; este sim pode incendiar-se ou ser embelezado, nunca a atividade. Por fim, também é equivocado o uso da expressão como sinônimo de sociedade. Não se diz "separam-se os bens da empresa e os dos sócios em patrimônios distintos", mas "separam-se os bens sociais e os dos sócios"; não se deve dizer "fulano e beltrano abriram uma empresa", mas "eles contrataram uma sociedade".
Somente se emprega de modo técnico o conceito de empresa quando for sinônimo de empreendimento. Se alguém reputa "muito arriscada a empresa", está certa a forma de se expressar: o empreendimento em questão enfrenta consideráveis riscos de insucesso, na avaliação desta pessoa. Como ela se está referindo à atividade, é adequado falar em empresa. Outro exemplo: no princípio da preservação da empresa, construído pelo moderno Direito Comercial, o valor básico prestigiado é o da conservação da atividade (e não do empresário, do estabelecimento ou de uma sociedade), em virtude da imensa gama de interesses que transcendem os dos donos do negócio e gravitam em torno da continuidade deste; assim os interesses de empregados quanto aos seus postos de trabalho, de consumidores em relação aos bens ou serviços de que necessitam, do fisco voltado à arrecadação e outros. (COELHO, Fábio Ulhoa. Manual de Direito Comercial. 22ª Ed. São Paulo: Saraiva, 2010, pp. 12 e 13.)

Além disso, a votação possui outros erros, como, por exemplo, na parte sobre o padrão de nomenclatura de "empresas" (sic), no que diz respeito à razão social (na verdade o termo utilizado hoje em dia é firma social). Por exemplo, sociedades anônimas não possuem firma social. Segundo o art. 160 do Código Civil:

Art. 1.160. A sociedade anônima opera sob denominação designativa do objeto social, integrada pelas expressões "sociedade anônima" ou "companhia", por extenso ou abreviadamente.
Parágrafo único. Pode constar da denominação o nome do fundador, acionista, ou pessoa que haja concorrido para o bom êxito da formação da empresa.

De acordo com o art 3º da Lei das Sociedades Anônimas:

Art. 3º A sociedade será designada por denominação acompanhada das expressões "companhia" ou "sociedade anônima", expressas por extenso ou abreviadamente mas vedada a utilização da primeira ao final.
§ 1º O nome do fundador, acionista, ou pessoa que por qualquer outro modo tenha concorrido para o êxito da empresa, poderá figurar na denominação.
§ 2º Se a denominação for idêntica ou semelhante a de companhia já existente, assistirá à prejudicada o direito de requerer a modificação, por via administrativa (artigo 97) ou em juízo, e demandar as perdas e danos resultantes.

Segundo Maria Helena Diniz:

A sociedade anônima apenas poderá exercer suas atividades sob denominação designativa do objeto social, embora nela possa constar não só o nome de fantasia, como também o nome civil do fundador, acionista ou pessoa que contribuiu para o bom êxito da sua formação (CC, art. 1.160 e parágrafo único; Lei n. 6.404/76, art. 3º, § 1º), como um meio de prestar-lhe homenagem. (DINIZ, Maria Helena. Lições de Direito Empresarial. 1ª Ed. São Paulo: Saraiva, 2011, p. 170)

De acordo com Fabio Ulhoa Coelho:

A sociedade anônima só pode adotar denominação de que deve constar referência ao objeto social, desde a entrada em vigor do Código Civil de 2002 (art. 1.160). (COELHO, Fábio Ulhoa. Manual de Direito Comercial. 22ª Ed. São Paulo: Saraiva, 2010, p. 78)

Supralegal (discussão) 16h21min de 1 de fevereiro de 2015 (UTC)

  • Alguma novidade acerca da proposta? Fronteira diga - veja 23h04min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
Há um consenso sobre a extinção dos criterios atuais e o inicio de discussão e apresentação de novo sistema de criterios? MachoCarioca oi 23h39min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Acho que sim, mas como exatamente isso vai funcionar? Vamos extinguir os CDNs e depois discutir os novos critérios, ou deixaremos os CDNs valendo até uma nova política ser discutida e aprovada? Lembrando que muitas marcações de ER e ESR e seus respectivos avisos automáticos são lincados aos CDNs de cada área de interesse. Teríamos que alterar todos, no caso. Victão Lopes Diga! 23h49min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
[Conflito]
Pra mim essa discussão já esta encerrada com o consenso claro para o encerramento dos atuais CDNs e a implementação de novos CDNs de verdade. Acredito que deveríamos: 1) deixar eles assim, como estão, por enquanto para que 2) sejam criadas o quanto antes o possível novas discussões aqui no Esplanada sobre os novos CDNs e 3) a comunidade posso optar como eles vão ser. O que acham? --Zoldyick (Discussão) 23h57min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Minha proposta é deixá-los por lá até termos os novos criterios decididos, de qualquer modo servem de algum parametro especialmente para novatos - e alguns daquelels parametros mais genericos deverão continuar - mas não devem mais ser arguidos para manter material aqui colocado em PE, ESR ou ER. O que acham?
Symbol support vote.svg Concordo com sua proposta. O que acha da minha [que deu conflito de edição com a sua]? --Zoldyick (Discussão) 23h59min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)

Mudança no limite de tamanho de artigos destacados

Olá. O Tetraktys propôs na discussão da WP:EAD que alterássemos o limite estabelecido de 190kb para verbetes destacados para 250kb. Eu concordei parcialmente, visto que acredito que algo em torno de 210/220kb já seria suficiente. Enfim, como ninguém se manifestou lá, trago a discussão para a Esplanada. O limite de 190kb para destacados ainda se justifica? Qual a posição da comunidade? Chronus (discussão) 19h55min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio A mudança, nunca fui a favor de restringirem o limite de tamanho de artigos e anexos(listas). Cada tipo de assunto tem a sua quantidade aquedada que varia. Cada artigo é um caso. Mas concordo que devem haver uma proporção aquedada para evitar artigos muitos extensos que podem prejudicar de alguma forma. Mas foi discutido pelo He7d3r que o tamanho deve ser contato com a quantidade de códigos wiki e não apenas os números de bytes brutos em si. Vitor MazucoMsg 20h47min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Eu concordo com o tamanho que foi decidido. Não é por uma questão técnica, mas para limitar a quantidade de texto. Poder-se-ia manter na mesma os 190 kb e introduzir a possibilidade de alguma flexibilidade até aos 200 kb se houvesse acordo na eleição para a necessidade de tal, mas mais do que isso é um exagero de texto. Antero de Quintal (discussão) 22h23min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Outra hipótese é limitar de acordo com o número de caracteres de texto simples, e não de kb. Antero de Quintal (discussão) 22h27min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Isso de tamanho limite é muito relativo. Essa página mesmo, tem 1.581kB de texto, porém se eu inclui-la em uma outra página qualquer, o tamanho dessa outra será de apenas 98 bytes, porém o texto será exatamente o mesmo dessa. E se alguém resolve fazer isso em um artigo candidato? Quebra-lo em páginas menores e incluir no artigo mãe, afim de "diminuir o tamanho"? Na minha opinião, deve-se extinguir o isso de tamanho limite, pois não é algo claro e não reflete a realidade. Ele diz respeito apenas ao texto do código-fonte da página, e não ao seu resultado final. !Silent (discussão) 22h37min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

A página Brasil mesmo, tem 192kB (acima até do permitido) de texto no código-fonte, mas vocês acham mesmo que o tamanho final dele é só esse mesmo? E se eu lhes disse que o tamanho final dele é de 873kB? Viram que não tem lógica isso? !Silent (discussão) 22h42min de 16 de novembro de 2014 (UTC)
Tem lógica no sentido em que se 190kb do código fonte são na realidade ~1mb, então se o limite do código fonte fosse o dobro, o total transferido também seria o dobro. Independentemente de se considerar o valor-limite no código fonte ou no total de dados transferido, tem que haver um limite. E entre esses dois parâmetros, o único limite que é possível quantificar e controlar é ao nível do código fonte. Antero de Quintal (discussão) 22h48min de 16 de novembro de 2014 (UTC)
Esses 190kB podem valer 873kB, assim como podem valer 300kB, 500kB, 1MB, 2MB. O tamanho final é incerto, e o que vai definir isso são as predefinições que foram incluídas nas páginas. O artigo Avril Lavigne por exemplo, tem 184kB (quase o mesmo do artigo Brasil), porém o tamanho final é de 488kB, quase metade. Continuo dizendo: essa forma de predizer o tamanho das páginas é algo arbitrário. !Silent (discussão) 23h01min de 16 de novembro de 2014 (UTC)
Qual seria a solução então? Deixar sem limites qualquer? Não existe nenhum meio legítimo o suficiente para medirmos o tamanho real de artigos? Chronus (discussão) 23h04min de 16 de novembro de 2014 (UTC)
@!Silent: E é possível controlar a quantidade de dados transferida, em vez de no código fonte? Antero de Quintal (discussão) 23h08min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

eu acho que não deveria haver limite de tamanho. artigos importantes e complexos tendem a ser grandes, e olhando outras enciclopédias, como a Britannica, vejo artigos simplesmente quilométricos. como sempre se diz que a Wiki não é de papel, por que estabelecer limites que são em tudo arbitrários? há talvez a dificuldade de navegação para alguns usuários, mas penso que a tecnologia avança a passos largos todos os dias e os equipamento mais limitados tendem a desaparecer. nesse sentido, por qual medida vamos padronizar a acessibilidade? pelos telefones celulares, que já podem acessar a internet mas têm tamanho mínimo? isso deveria nos impor o uso de imagens microscópicas e apenas dois parágrafos de texto, por exemplo? vejam que não há um parâmetro uniforme nos aparelhos e por isso não precisamos ficar excessivamente vinculados a eles. em nosso caso, acho que a informação mais rica e completa deveria estar em primeiro plano em nossos pensamentos. Tetraktys (discussão) 23h33min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Se não for para passar a contar o número de palavras no texto para comparar com um valor limite (a ser estabelecido), prefiro nem mexer nisso, pois acho que continuará dizendo muito pouco sobre a quantidade de conteúdo (que não tem tanta relação com o código wiki nem com o conteúdo compactado enviado entre o servidor e os clientes). Helder 00h29min de 17 de novembro de 2014 (UTC)
E sobre o tamanho das imagens, a tendência parece ser que o próprio software passe a determinar o tamanho a ser utilizado (design responsivo? ver bugzilla:67695, bugzilla:36198 e tópico na wikitech), em vez de os editores definirem isso explicitamente no código-fonte dos artigos. Helder 00h34min de 17 de novembro de 2014 (UTC)

Symbol question.svg Pergunta: E qual a conclusão de tudo isso? Deixaremos sem limite de tamanho? Ou passaremos a contar o número de palavras, conforme sugeriu o He7d3r? Chronus (discussão) 08h09min de 30 de novembro de 2014 (UTC)

Para avançar nesse sentido seriam importante saber se existe alguma forma de contabilizar automaticamente o número de palavras de um artigo, excluindo referências e ligações externas. Antero de Quintal (discussão) 15h31min de 30 de novembro de 2014 (UTC)
Não sei se ainda funciona, mas existe por exemplo o script en:User:Dr pda/prosesize. E acredito que também é viável fazer algo similar em lua (e para isso, talvez seja possível reutilizar parte do Módulo:Avaliação). Helder 16h29min de 30 de novembro de 2014 (UTC)

Há mesmo a necessidade de manter um limite? Digo, pensemos, por exemplo, num artigo sobre um país. Países são extremamente complexos, têm muitos assuntos para serem estudados e aprofundados. Porém, se um artigo estiver excessivamente grande, com rodeios desnecessários, então basta não votar a favor do artigo para destaque. A própria regra de EAD já afirma que os artigos devem ser completos, porém, focados sempre no assunto. A meu ver, nem precisava existir limite, pois se um artigo estiver grande demais, isso já o elimina da EAD por ser pouco objetivo. --Chinobistar (discussão) 18h09min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

Continuação[editar | editar código-fonte]

O texto seguinte foi movido de: Wikipédia:Esplanada/propostas/Mudança no limite de tamanho de artigos destacados (30jan2015)

Ano passado eu criei esta proposta que foi arbitrariamente arquivada sem que pudéssemos chegar a qualquer conclusão. Muitos se manifestaram a favor do fim do limite de tamanho de verbetes destacados, mas ficou a dúvida sobre qual a melhor maneira de impedir a criação de artigos imensos. Podemos continuar a discussão? Chronus (discussão) 07h04min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

A questão de quantidade de kb pra mim não procede. Um artigo para ser destacado precisa ser completo sobre o assunto, apenas isso. Se para ser completo ele precisa de 250 kb ou 70, o tamanho não importa. O problema por aqui é que tudo é copiado da Wiki-en e por lá eles desenvolvem assuntos até virarem livros, são catatonicos, coisa q não existe em qualquer enciclopedia. Enciclopedias são compostas de verbetes, resumos detalhados, apenas isso, em 50 kb se faz um belo verbete de enciclopedia. MachoCarioca oi 08h16min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)
Continuo sendo a favor de remover esse limite, pelos motivos que expus na outra discussão.!Silent (discussão) 11h15min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

@Chronus: A discussão foi arquivada por um bot, mas se escrever uma resposta ela passa automaticamente para as discussões recentes. É mais prático do que estar novamente a discutir a mesma coisa. Antero de Quintal (discussão) 11h26min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

O texto acima foi movido de: Wikipédia:Esplanada/propostas/Mudança no limite de tamanho de artigos destacados (30jan2015). Helder 12h46min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

  • Symbol comment vote.svg Comentário Achei pertinente isso que o MC postou. A limitação de tamanho incentiva a criação de novas páginas sobre o tema. Não sei se concordo com a mudança. Quais são os exemplos de artigos que não poderiam ser quebrados em páginas menores? Flávio, o Maddox (msg!) 12h50min de 30 de janeiro de 2015 (UTC)

Está acontecendo uma discussão exatamente sobre isso em Wikipédia:Escolha do artigo em destaque/Queen. Fronteira diga - veja 20h18min de 10 de fevereiro de 2015 (UTC)


Eu Symbol support vote.svg Apoio a mudança, pois o importante é o texto no artigo e se pensar bem, as formatações corretas das referências, com arquivamentos e tal, ocupam muitos kB, já coloquei pequenos trechos de texto que ficaram com 2, 3, 4, 5 kB, muito por causa da referenciação. Bruno Ishiai (discussão) 13h37min de 21 de fevereiro de 2015 (UTC)

Envolvimento dos administradores

Proponho acrescentar à página Wikipédia:Administradores um texto informativo (este), baseado no da en-wiki, que pretende esclarecer o problema do uso do estatuto em situações em que os usuários (sysops) estejam directamente envolvidos. Os admins devem abster-se de utilizar as ferramentas administrativas nessas circunstâncias por forma a evitar vários problemas, como o próprio texto esclarece. A última secção está destinada à política de bloqueio, e requer aprovação da comunidade. O objetivo é conscientizar a utilização das ferramentas e prevenir diferentes abusos, uma vez que qualquer administrador está sujeito a várias interpretações diante de determinada decisão. A proposta está aberta a novas sugestões. Shgür Datsügen (discussão) 08h19min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)

Não li ainda o texto, mas é sem dúvida um esclarecimento essencial. GoEThe (discussão) 09h02min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Recomendar a um adm que não use seu estatuto num problema em que esteja diretamente envolvido – de proteção de páginas a bloqueios – é como recomendar a alguém que tenha ética, o que vem da criação e dos valores que lhe são passados ou que se aprende na vida. Isso não se recomenda, ou se tem ou não se tem. É o mesmo caso de recomendar a algum editor que não vote para destaque em verbete feito por si próprio. Se um editor não tem o menor pudor moral em fazer isso, (e ainda chama escondido outros da mesma lavra pra aprovarem o destaque) vai se recomendar o que? Creio que colocar por escrito tal coisa é simplesmente atestar a falência moral de um universo. Aqui, dependendo da cara do freguês, não se bloqueia gente por fraudar voto mas se bloqueia gente por uma semana por chamar o outro de feio. Tá tudo errado e lastimável. MachoCarioca oi 09h22min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Mas para isso é que se deve apostar em novas orientações sobre o comportamento dos usuários. Antes de impedir que edições disruptivas ocorram é preciso conscientizar a comunidade sobre elas e de que forma devem evitar que abusos passem, na maioria dos casos, despercebidos. E não me refiro apenas aos administradores. Este tipo de orientações destinam-se à comunidade em geral. Você não precisa delas, mas outros sim. Shgür Datsügen (discussão) 09h41min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Ainda que eu não visse que isso vai servir pra fundamentar objetivamente a desnomeação de alguns administradores pelo comportamento abusivo que exercem, eu Symbol support vote.svg apoiaria. Flávio, o Maddox (msg!) 12h12min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Quanto à primeira parte, caberia melhor em Wikipédia:Conflito de interesse, pois a página Wikipédia:Administradores é um artigo informativo, que contém apenas informações técnicas, ao contrário da página da enwiki, que documenta um política. Concordaria com a inclusão, portanto, na nossa política de conflito de interesses (ou, se tiverem outra sugestão...). Com relação à última seção, destinada à política de bloqueio, poderia indicar de onde foi traduzida ou extraída? Gostaria de compará-la ao texto original, antes de emitir qualquer opinião a respeito. Ruy Pugliesi 13h23min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
A última secção foi traduzida da política de bloqueio da en-wiki. Shgür Datsügen (discussão) 14h37min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Não tenho nada contra a que isso fique escrito mas, parece-me que isso é uma questão de "bom senso" e de "ética". Se um administrador não utiliza o "bom senso" e não tem "ética", não sei porque motivo foi eleito nem porque motivo não é desnomeado. --João Carvalho deixar mensagem 15h04min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Nota: É evidente em que há casos em que o administrador está envolvido e tem o direito e o dever de aplicar um bloqueio. Exemplo: Se um usuário estiver a vandalizar um artigo e um administrador reverte, avisa, volta a reverter, a única coisa a fazer é aplicar mesmo um bloqueio. --João Carvalho deixar mensagem 15h04min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)--João Carvalho deixar mensagem 15h04min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
(1) Sinceramente, eu também não. Daí a proposta. (2) Também concordo. Até porque diante de vandalismo óbvio não existe outra solução, e uma GE não se resume a isso. Shgür Datsügen (discussão) 15h16min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Podiam propor chibatadas nos administradores malvados, costuma funcionar na Arábia Saudita. O problema aqui não é fazer uma regra nova, temos centenas de regras, não resolvem nada, todo editor em vez de resolver seus problemas pessoais diretamente com quem os causou vem tentar propor uma regra nova que só vai perturbar todo mundo sem resolver o problema. O caminho são menos regras, não mais, e mais trabalho sério, com a meta de construir uma enciclopédia e não de resolver problemas que seriam resolvidas fácil e rapidamente se usassem mais a páginas de discussão uns dos outros. Aqui na Wp-pt vão logo para a Esplanada escrever longos textos que não vão resolver nada. Ando pensando seriamente em desistir.Jo Loribd 16h38min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Discordo da maneira como foi alterado o segundo ponto do texto original, pois dá a entender, como foi reescrito, que o bloqueio só deve ser aplicado em caso de disrupção e incivilidade continuadas e reincidentes, a ponto de exaurir o bem-estar da coletividade, ao contrário do texto da enwiki. Violação às normas de conduta e comportamento desestabilizador são motivos para bloqueio, assim como spam, vandalismo e etc, independentemente da reincidência e insistência nas ações. A contumácia apenas determina o tempo. Concordo, apenas, se texto for traduzido exatamente como consta na política de bloqueio anglófona. Ruy Pugliesi 17h03min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Desculpe, mas não entendi o seu ponto. Na segunda questão foi anexa uma citação de WP:COMDES que pretende esclarecer exatamente o mesmo que o texto original da anglófona. Não percebi de que forma é que dá a entender que só "em caso de disrupção e incivilidade continuadas e reincidentes" é que deve ser aplicado o bloqueio? Shgür Datsügen (discussão) 17h21min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Você acrescentou mais informações e algumas ressalvas. Concordo desde que seja apenas o texto original da enwiki neste tópico. Abs, Ruy Pugliesi 13h35min de 4 de fevereiro de 2015 (UTC)
Feito. Shgür Datsügen (discussão) 14h57min de 4 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Parabéns e obrigado Shgür Datsügen!!! OkValeu! Infelizmente a nossa boa fé não é suficiente para resolver os problemas éticos levantados pelo MachoCarioca. Uma política explícita como esta evita os "abusos de autoridade" tão comuns entre seres humanos. muito bom !A tradução está excelente, precisa apenas dos ajustes que o Ruy Pugliesi mencionou. Acho que com esta política teremos menos conflitos entre editores. Aplausos Os leitores agradecem o seu trabalho! Piscada Vida longa e próspera! -Ixocactus (discussão) 20h16min de 3 de fevereiro de 2015 (UTC)
Symbol comment vote.svg Comentário Muitas regras são boas para os wikiadvogados mas, para os outros simples mortais que dão o seu melhor pelo projecto, não sei não. --João Carvalho deixar mensagem 00h01min de 4 de fevereiro de 2015 (UTC)
Correção: regras contraditórias, confusas ou mal redigidas são boas para os wikiadvogados, que se dedicam a explorar falhas para subversão do sistema. Por outro lado, regras claras beneficiam toda a gente e garantem que a justiça é igual para todos sem depender de opiniões, independentemente de essas regras serem muitas ou poucas. Antero de Quintal (discussão) 01h51min de 4 de fevereiro de 2015 (UTC)

Cabe ainda depurar uma análise mais participativa sobre a viabilidade da proposta, apesar da aparente conformidade dos que aqui comentaram. Sem uma avaliação objetiva e coletiva da comunidade, não é de admirar que sempre se revelem usuários com diferentes idéias do que é mais ou menos importante promovendo com isso a continuação de vários mitos e suposições imprecisas. Requere-se maior objetividade e precisão nesta avaliação por parte dos que estão menos favoráveis a ela, especificando os problemas e procurando possíveis soluções, ou passo a admitir que a proposta deve ser aplicada. Concordam? Shgür Datsügen (discussão) 13h05min de 14 de fevereiro de 2015 (UTC)

Feito aqui e aqui. Shgür Datsügen (discussão) 12h49min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

  • Nada Feito - Não se misturam "Wikipédia:Esplanada/propostas/Oficializar artigos informativos (30mai2012)" com coisas discutidas em 2015. --João Carvalho deixar mensagem 13h00min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
João Carvalho Desculpe, não percebi. O aperfeiçoamento das páginas em 2015 está impedido pelo simples facto de as mesmas ter sido oficializadas anos antes? Um texto informativo deve ser inserido num artigo informativo, ou não? Shgür Datsügen (discussão) 13h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Se discorda de alguma informação do texto, prefira discuti-lo objectivamente. Agora alegar que não se misturam coisas discutidas em 2012 com as de 2015 (sic), é um autêntico disparate.Shgür Datsügen (discussão) 13h22min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Não é disparate nenhum. Não se coloca num texto que diz ter sido decidido por consenso em (30mai2012) o que foi discutido em 2015. No mínimo dos mínimos a introdução tem de ser alterada dizendo que o assunto foi discutido em 2012 e 2015 e com os respectivos links. Além disso não sei se isto foi consenso, pois até deu origem à saída da wikipédia de um administrador. --João Carvalho deixar mensagem 13h53min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

A oficialização dos artigos informativos se deu em 2012. Essa página foi traduzida posteriormente. O aviso trata de outro assunto, até onde consigo perceber. Flávio, o Maddox (msg!) 14h02min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Se deu ou não origem à saída de um administrador, lamento muito mas isso é completamente irrelevante para o caso. O que ele aqui expõe nada tem a ver com esta proposta. Citação: João escreveu: «Não se coloca num texto que diz ter sido decidido por consenso em (30mai2012) o que foi discutido em 2015.» O que foi aprovado em 2012 foi assinalar apenas quais seriam os artigos informativos, o que não deve impedir de modo algum que novas alterações possam ser feitas (ver: abuso do status quo). A proposta teve por base a página da en-wiki que documenta uma política oficial e apenas pretende esclarecer o problema do uso do estatuto em situações em que os usuários (sysops) estejam directamente envolvidos, questão que está directamente relacionada com os administradores e por isso mesmo deve ser acrescentada à páginas respectiva. Agradecia que procurasse participar sincera e objectivamente da discussão para que não continuemos neste impasse. Shgür Datsügen (discussão) 14h43min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Acho que nunca sequer houve consenso para editar os cabeçalhos de informativos/políticas/recomendações e colocar aquele "foi aprovado em data X". Isso não faz nexo nenhum, visto que os textos das políticas são continuamente alterados e aprovados em partes ao longo dos anos. Isso foi contestado e a minha ideia é que tinha sido removido. Não foi? É que na época andou mão de sock nessas discussões... Antero de Quintal (discussão) 14h54min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

João Carvalho, está esclarecido? Posso então repor a edição? Shgür Datsügen (discussão) 15h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Shgür Datsügen - Gostava de perceber onde é que houve abuso do status quo. Isso já parece mania de perseguição. Claro que pode colocar, mas se me faz o favor, coloca lá um link para esta discussão. As coisas têm de ficar organizadas e não andarmos sempre à procura em que local é que se falou nisso. --João Carvalho deixar mensagem 15h25min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC) Antero de Quintal, não andei a ver se isso tinha sido retirado ou não e não faço a mínima se houve sock por aí ou não. A questão que levantei só tem a ver com esta discussão ter sido feita em 2015 e ser introduzida num local onde diz que o texto é proveniente de um consenso de 2012 (Verificabiliade é a norma principal da wiki !). --João Carvalho deixar mensagem 15h25min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Então deveria ter sido retirada ou modificada essa parte de 2012 (que, aliás, nem deveria existir no cabeçalho). Ou por causa dessa indicação as regras passaram a estar blindadas? Antero de Quintal (discussão) 15h54min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Não concordo com a inclusão do texto em Wikipédia:Administradores, pois a página é um artigo informativo e, como tal, deve conter apenas informações técnicas. O texto deve ser incluído em outra lugar ou em página específica sobre o tema. Ruy Pugliesi 15h53min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Qual é a página mais adequada? Antero de Quintal (discussão) 16h00min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Wikipédia:Pedidos de administração/doc ou Wikipédia:Conflito de interesses ou uma página específica sobre o tema, que, não sei por qual motivo, ainda não existe aqui: Wikipédia:Política de administradores (incluindo o conteúdo de Wikipédia:Pedidos de administração/doc). Mas em Wikipédia:Administradores não concordo que fique. E, pela discussão, não há consenso para a inclusão ali. Portanto, a edição deve ser revertida. Ruy Pugliesi 16h07min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
A proposta era para inclusão nessa página. Só agora é que foi levantada a questão de "não ser a página mais adequada". Antero de Quintal (discussão) 16h09min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Não. Eu já havia comentado que não concordava com a inclusão ali por não ser o local adequado. Ruy Pugliesi 16h13min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Ruy, foi preciso editar aquela página para que participassem mais desta discussão conforme eu tinha solicitado antes. Concordo com a criação de Wikipéria:Política de administradores, onde poderá ser acrescentado este texto lá. Mas para isso é necessária uma análise mais participativa da comunidade sobre quais questões a página deve referir, pois não me parece se justifique a sua criação somente com o texto que aqui propus. Por isso defendo que se mantenha o texto em Wikipédia:administradores, uma vez que continua a ser um texto informativo acrescentado a um artigo informativo. Qualquer outra wiki possui estrutura semelhante sobre o tema, e não vejo porque a nossa deve ser diferente. Um artigo informativo pode conter informações técnicas e ao mesmo tempo conter uma produção textual, digamos que, mais próxima da prosa cujo único propósito é esclarecer e elucidar sobre a questão. Shgür Datsügen (discussão) 16h27min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Shgür Datsügen talvez fosse necessária uma maior participação para a criação de uma página intitulada Wikipéria:Política de administradores. Ou talvez não. Fato é que a comunidade se interessa cada vez menos pelas propostas de reformulação das políticas. Eu havia feito uma proposta com o objetivo de acabar com a wikiadvocacia nos pedidos de aprovação dos eliminadores e facilitar o seu acesso, mas quase ninguém se interessou por ela. Realmente, só com o texto que você trouxe fica difícil justificar a criação de Wikipéria:Política de administradores. Mas a página também poderia incluir o que consta em Wikipédia:Pedidos de administração/doc. Ambos são textos já discutidos e aprovados. Uma terceira alternativa seria criar uma recomendação Wikipédia:Envolvimento de administradores (por que não?), e inserir um link para a página principal em Wikipédia:Administradores, acompanhado de um breve resumo sobre o tema. Acredito que todas essas alternativas seriam melhores do que deixar simplesmente como está. Na enwiki este texto consta na página a respeito dos administradores porque lá a página é uma política, e não apenas um artigo informativo. Por aqui, temos páginas específicas para as políticas: WP:POLE, WP:POLB, exceto para os administradores, estranhamente. Ruy Pugliesi 17h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Ruy Pugliesi parece-me bem. Mas suponho que seria melhor apresentar primeiro uma proposta de como ficaria a página da Wikipédia:Política de administradores. Shgür Datsügen (discussão) 20h12min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Shgür Datsügen, vou tentar juntar os conteúdos com calma. Mas veja que isto aqui está puro "mofo". Há termos como "nomeações", "renomeações" (renomeação, para mim, é mudar de nome) e outros que nem existem na língua portuguesa, como "desnomeações". Acho que o texto poderia ser revisado, para conformar uma expressão de linguagem mais técnica e menos política, sem alterar o seu conteúdo (afinal, por ora, não é esse o nosso objetivo). O que acha? Ruy Pugliesi 01h57min de 18 de fevereiro de 2015 (UTC)
Ruy Pugliesi O texto pode e deve ser revisado, e sou a favor de que sofra os ajustes que forem necessários para que seja adaptado à nossa realidade, que é tudo menos prestígio e influência. Quando estiver pronto coloque aqui para podermos esmiuçar a ideia ao pormenor. Shgür Datsügen (discussão) 11h33min de 18 de fevereiro de 2015 (UTC)
Shgür Datsügen, embora eu não concorde com o atual sistema de aprovação de administradores, penso que devemos fazer uma coisa de cada vez. O primeiro passo seria juntar o texto que você fez com o daquela página, revisando a linguagem daquele texto, para remover toda a "politicagem". O que vc acha? Se concordar, posso fazer isso e postar o esboço numa subpágina para a análise de todos. Ruy Pugliesi 00h14min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Sim, faça isso. Shgür Datsügen (discussão) 00h21min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Ok. Hoje foi um dia corrido. Vou fazer isso amanhã ou até sábado. Abs, Ruy Pugliesi 01h37min de 20 de fevereiro de 2015 (UTC)

(2º conflito de edições) Aquilo continua a estar errado! "O que se segue é um artigo informativo sobre a Wikipédia, que foi entendido como consensual em Wikipédia:Esplanada/propostas/Envolvimento dos administradores (3fev2015)". Mesmo quem concorda com a inclusão desse texto, o título teria de ser no mínimo assim: "O que se segue é um artigo informativo sobre a Wikipédia conforme Wikipédia:Esplanada/propostas/Oficializar artigos informativos (30mai2012) e Wikipédia:Esplanada/propostas/Envolvimento dos administradores (3fev2015). Parece-me que há um problema de comunicação aqui, ou então não entendo. --João Carvalho deixar mensagem 16h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Uma mera tradução de uma regra da en.wiki onde existem 322 adminsitradores ativos. Adaptá-la sem ajuste a uma wiki onde há apenas 23 ativos? Como corrigir o problema da falta de administradores disponíveis que serão os únicos a lidar com os mesmos usuários disruptivos? Não fazer nada e deixar que eles continuem os abusos (e há coisas muito piores do que vandalismo, única exceção apontada)?. Aguardo um ajuste na regra para que seja adaptada à nossa realidade sem pensar que vivemos num mundo ideal para só então concordar com colocação em página apropriada, que não é um artigo informativo.—Teles«fale comigo» 17h05min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Teles, este é outro ponto que não pode ser negligenciado. A ptwiki tem uma estrutura administrativa muito deficitária. A situação só não está pior porque foi concedida a permissão de bloqueio aos mais de 140 reversores (apenas para vandalismo e até 24h, sim, mas já é um grande auxílio) e existem cerca de 15 eliminadores. A ptwiki tem muito menos administradores do que outras comunidades com a mesma dimensão (veja aqui), e um número equivalente ao de outras wikis cerca de quatro vezes menores. São necessários muitos ajustes para a nossa realidade, mas a proposta não deixa de ser pertinente. Ruy Pugliesi 17h22min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
(ce) E eu gostaria de não ver apenas regras criadas para administradores. Temos poucos administradores, pois somos os mais permissivos. Se é pra copiar da en.wiki que copiem também a en:Wikipedia:Banning policy, a fim de evitar que os mesmos usuários de sempre deem trabalho aos mesmos administradores de sempre. Não vale podar os administradores quando estes estão desarmados e apenas os trolls se fortalecem com isso. Que ética é essa que não vale pra todos e só administradores devem respeitá-la? Aos administradores, a lei... aos trolls, falácias sobre "liberdade", gritos de "censura!", coitadismo e violinos ao fundo.—Teles«fale comigo» 17h24min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Realmente. Dias atrás presenciei, no irc, o comentário de um usuário (de outra wiki) sobre as wikis lufósonas, no sentido de que estão entre as comunidades com a maior permissividade aos comportamentos desestabilizadores. Ruy Pugliesi 17h34min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Eu proponho-me a traduzir a en:Wikipedia:Banning policy, caso haja aqui apoio e interesse real em aprová-la e concordo que há uma permissividade dilacerante em relação a comportamento abusivo recorrente. No entanto, não é verdade que uma coisa dependa da outra ou que só se criem regras para administradores. Muito pelo contrário, devemos ser a única wiki com alguma dimensão que não tem sequer qualquer política para administradores. Esta proposta é das poucas que alguma vez vi dentro do tema. Basta seguir os interwikis do nosso artigo informativo: quase tudo são políticas; a nossa página é a única que é "informativa" e se limita a descrever algumas questões técnicas. Antero de Quintal (discussão) 18h26min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
@Teles, abusos de usuários disruptivos continuarão a ser vetados pela política de bloqueio. A falta de administradores é uma questão que merece toda a atenção, mas esse é um problema que não se resolve de um dia para o outro; e apesar de um dos objetivos desta proposta ser precisamente esse, por mais estranho que pareça ainda há quem se sinta ofendido com isto. A esplanada serve para discutir novas propostas, e em vez de esperar por aquelas que são do seu agrado, tente você mesmo orientá-las. Lamento muito, mas é sempre dificil um troll fazer sozinho o que a maioria dos administradores não faz. Shgür Datsügen (discussão) 18h31min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Shgür Datsügen "Citação: Shgür Datsügen escreveu: «abusos de usuários disruptivos continuarão a ser vetados pela política de bloqueio»" Quem me dera que isso fosse verdade ! --João Carvalho deixar mensagem 23h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
´Pelo menos é o que a política estabelece, mas não sou eu quem possui as ferramentas. E esta proposta visa precisamente tornar a comunidade ciente dessa responsabilidade. Shgür Datsügen (discussão) 23h29min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)


Usuários disruptivos também denominado de colaboradores incompetentes e recalmões sempre ganharão o forte apoio da comunidade, como sempre aconteceu pois os argumentos por eles apresentados são inquestionavelmente corretos baseados nas regras e a falta de administradores é devido as regras que faz com que um colaborador mais capaz seja considerado um empregadinho da pivetada que faz o tal do TCC. A esplanada não serve para discutir mais nada. Esta época já passou. --OS2Warp msg 19h11min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)

Eu não estou notando esta tão anunciada falta de administradores/eliminadores na nossa Wikipédia, os paginas enviadas para ER estão sendo eliminadas rapidamente, as PE estão sendo fechadas poucas horas após o seu prazo, os pedidos aos administradores (os justos) estão sendo respondidos rapidamente, as ESR estão um pouco atrasadas devido a discussão sobre o que deve ou não ser eliminado, por isso citem outros argumentos validos mas não citem a falta de sysop como uma razão para modificarem algo ou para elegerem novos administradores/eliminadores. DARIO SEVERI (discussão) 07h07min de 20 de fevereiro de 2015 (UTC)
@DARIO SEVERI: Você não sente a falta de administradores porque faz 20% do trabalho. Uma hora você também ficará cansado. Nós precisamos de novos administradores sim, especialmente para cuidar das normas de conduta. Érico Wouters (msg) 01h05min de 27 de fevereiro de 2015 (UTC)
Concordo com o Érico de que nos precisamos de novos administradores e eliminadores, principalmente pelo fato que os novos, não estou me referindo a idade, se dedicam mais a tarefas administrativas, porem isto não deve ser usado como um pretexto para todo tipo de modificações. DARIO SEVERI (discussão) 05h37min de 27 de fevereiro de 2015 (UTC)
Desculpe, mas onde é que isso está a ser usado como um pretexto para todo tipo de modificações? E que tipo modificações? Shgür Datsügen (discussão) 05h59min de 27 de fevereiro de 2015 (UTC)
Não sei o que você acompanha, mas eu li diversas vezes ser citado isso, eu não vou perder meu tempo procurando em toda a parte. Eu citei algo, se você discorda é um direito teu. DARIO SEVERI (discussão) 06h12min de 27 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Citação: Érico Júnior Wouters escreveu: «Nós precisamos de novos administradores sim, especialmente para cuidar das normas de conduta», estou completamente de acordo.--João Carvalho deixar mensagem 09h48min de 27 de fevereiro de 2015 (UTC)

Alteração dos Critérios de notoriedade para Biografias: Celebridades instantâneas

Caros colegas wikipedistas. Em Wikipédia:Critérios de notoriedade/Biografias lê-se a seguinte frase:

Não é consenso total, mas parte da comunidade entende que celebridades instantâneas e fenômenos de internet poderão ser redirecionados para listas próprias, podendo ser brevemente descritas nelas.

Essa frase faz citação às várias ([3][4][5]) discussões inconclusivas sobre a eliminação de Lista de celebridades instantâneas. No entanto, a última discussão culminou na eliminação da página (vide Wikipédia:Páginas para eliminar/Lista de celebridades instantâneas).

Creio que isso seja um precedente para a remoção da frase. O que acham? Proponho que ela seja removida. --Diego Queiroz (discussão) 21h17min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)

  • Symbol comment vote.svg Comentário Eu não vigiava a página, mas entendia que ela servia também pra aglutinar vários "esboços eternos". Era melhor ter breves descrições sobre essas pessoas nessa lista do que dezenas de artigos que não teriam mais do que uma linha. Sem a lista fica difícil argumentar contra os artigos, se demonstrada alguma notoriedade confundida com fama, porque não há onde fundir o conteúdo. Ainda temos a Lista de participantes do Big Brother Brasil, que se enquadra nesse padrão, pelo que inicialmente não sou favorável à remoção da frase. Flávio, o Maddox (msg!) 21h31min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)
    • @Maddox: Não acho que seja o mesmo caso. De um lado estamos falando de uma lista genérica, que engloba qualquer coisa. Do outro lado (o caso do BBB) estamos falando de uma lista que fala de um assunto específico. Isso faz com que as listas sejam completamente distintas no meu entendimento. --Diego Queiroz (discussão) 21h45min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)
      • Mas não é isso que você entende por "listas próprias"? Não cabe uma "lista de celebridades instantâneas", por ser, como você definiu, "genérica", mas temos uma "Panicats"... Então por que não uma Lista de celebridades do carnaval do Rio Janeiro ou uma Lista de participantes do Miss Bumbum? Flávio, o Maddox (msg!) 21h57min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)
        • @Maddox: Na verdade, o texto que acima faz uma referência explícita para a página "Lista de celebridades instantâneas" então, por isso, ao interpretar não generalizei a definição da forma que fez. Particularmente dizendo, acho que SÓ a lista citada é problemática. As listas que sugeriu não me pareceram tão ruins. Se o "Miss Bumbum" ou o "Carnaval do Rio de Janeiro" são eventos notórios, nada contra ter a listagem das participantes em um artigo próprio (já não é assim com os jogadores de todas as copas do mundo e campeonatos que existem?). E esse julgamento independe da frase acima, pois essas pessoas não seriam enquadradas como "celebridades instantâneas", mas sim como membros ilustres de um evento notório. --Diego Queiroz (discussão) 00h07min de 7 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Acho que a tal frase está completamente fora de ordem ali, nem sei como entrou, ela é "acha" e "parte de". Ali não é lugar disso mas de redação de politicas e recomendações afirmativas e claras. Remova-se. MachoCarioca oi 21h54min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo, esse texto está desatualizado. --Mister Sanderson (discussão) 22h17min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo JMGM (discussão) 02h11min de 7 de fevereiro de 2015 (UTC)

Feito Como não houve contestações, estou considerando a alteração consensual. Vide alteração. --Diego Queiroz (discussão) 12h37min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)

Nomenclatura para escolas de samba

Desejo retomar a proposta que fiz em sobre a nomenclatura para escolas de samba: Com base no indicado em Wikipédia:Convenção de nomenclatura para empresas (o que pode ser o mais próximo com escolas de samba): O padrão dos artigos deverá ser o nome mais conhecido da empresa, desde que não precise de desambiguação; em caso de precisar de desambiguação, será usada a razão social completa. Proponho que seja aplicado para as escolas de samba como título o nome mais conhecido. Exemplos:

Já em casos específicos como os abaixo, não sei qual seria a melhor solução, manter o título atual, mover, corrigir os afluentes ou mover para Nome da entidade (escola de samba).

O padrão atual de título foi adotado com base nas escolas do Rio de Janeiro que em sua maioria tem o nome de Grêmio Recreativo Escola de Samba ou GRES, o que não é o padrão dos demais artigos sobre o tema em outros locais que variam muito de entidade para entidade. Fabiano msg 00h00min de 9 de fevereiro de 2015 (UTC)

Segundo item.

Gostaria de junto discutir também a remoção do item horário da predefinição {{Info/Carnaval}}, com base em a Wikipédia não ser guia de programação; não existe qualquer sentido em se ter um espaço para esta informação que em regra é adicionada sem fontes e com base no "conhecimento" dos usuários envolvidos na edição de artigos sobre este tema. Fabiano msg 00h00min de 9 de fevereiro de 2015 (UTC)

Comentários

Eu acredito que é melhor, pois simplifica para quem procura esse tipo de informação que irá vai digitar Vai-Vai e não GRCSES Vai-Vai. Eu sei que existe redirecionamento, mas tentem se colocar no lugar de um usuário iniciante. Bruno Ishiai (discussão) 13h47min de 21 de fevereiro de 2015 (UTC)

Caixa de sucessão e referência (Livro de estilo)

Colegas, tenho encontrado em muitos artigos as secções "referências", "Ligações externas" e "Ver Também" antes das "Caixas de sucessão".

Não me parece que essa ordem seja a correcta, porque a "Caixa de sucessão" faz parte do artigo e tem informação importante para quem consulta a wikipédia. As outras secções, apesar de importantes, não me parecem ser tão importantes como a caixa de de sucessão para quem só quer saber alguma coisa sobre o assunto tratado num artigo.

Exemplo: Albert Einstein

Por estes motivos, proponho que a norma (acho que nem existe) seja a de usar a "Caixa de sucessão" antes das outras secções.

--João Carvalho deixar mensagem 23h38min de 11 de fevereiro de 2015 (UTC)

  • Symbol support vote.svg Concordo. A caixa de sucessão faz parte do artigo e deve ficar antes das seções mencionadas. --Chinobistar (discussão) 12h02min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Symbol comment vote.svg Comentário Eu nunca entendi essas caixas de sucessão. Não há um limite para a quantidade que possa ser inserida num artigo e parecem ignorar os critérios para destaque e a política de verificabilidade, pois não possuem fonte alguma. Flávio, o Maddox (msg!) 12h32min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
Maddox não vou procurar agora, mas sei que já coloquei referências em "Caixas de sucessão". Mas a questão que coloquei não é essa !--João Carvalho deixar mensagem 13h45min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
A questão "não é essa", mas tem relação. Se as caixas precisam de fontes, precisam também estar antes da seção "Referências". Pelo livro de estilo, a seção "Referências" vem antes da seção "Ligações externas" e depois da seção "Ver também". Flávio, o Maddox (msg!) 14h29min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Entendi o seu ponto de vista e concordo com ele. Portanto, estamos de acordo. Obrigado --João Carvalho deixar mensagem 18h05min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)

Eu discordo. Nos artigos que faço, muitos deles usam essas caixas de sucessão e acho a mudança pioraria o layout. Tudo que está em um artigo tem informação importante. Por questão de estética, prefiro que fique do atual modo, igual a como é na Wikipédia em Inglês. Érico Wouters (msg) 22h33min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)

Érico Wouters, temos noções estéticas diferentes mas, é assim mesmo "Vive la diference". Como é que resolves o problema das referências na caixa de sucessão ? --João Carvalho deixar mensagem 22h39min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
@João Carvalho: essas referências não poderiam ficar nas infos? Érico Wouters (msg) 23h32min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
Érico Wouters, penso que muitas vezes é bastante difícil da fazer isso. Repara no artigo que citei. Tem 7 caixas de sucessão. Vais colocar no interior do artigo a info "Precedido por" e "Sucedido por" (14 no total) mais os casos em que o prémio é "ex-aequo" ? O artigo vai ficar completamente poluído. --João Carvalho deixar mensagem 23h44min de 12 de fevereiro de 2015 (UTC)
@João Carvalho: eu entendo. Como eu disse antes, acho que o layout ficaria pior. Érico Wouters (msg) 00h31min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)

Eu na verdade sou contra as caixas de sucessão. Acho elas completamente desnecessárias e redundantes. Muitas vezes, pode-se encontrar sucessor e antecessor na própria infobox no início do artigo, e/ou, no caso da própria página Albert Einstein, nas VÁRIAS predefinições que estão no final da página. Todas as caixas de sucessão na página do Einstein possuem uma equivalente nas predefinições do final do artigo, e acho elas muito mais eficientes por mostrarem todos os indivíduos que se encaixam como vencedores, presidentes e etc. Sinceramente, caixas de sucessão são redundâncias completamente desnecessárias ao meu ver, que apenas poluem o artigo e acrescentam muito pouco. Mas, se for para mantê-las, prefiro que elas fiquem no final, final do artigo (depois de tudo), como são normalmente usadas hoje, sem a menor necessidade de referências. Cléééston (discussão) 04h20min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)

Caro Cléééston , não entendi muito bem quando diz "Citação: Cléééston escreveu: «...nas VÁRIAS predefinições que estão no final da página»". A que se refere ? Por exemplo na Medalha Franklin, Einstein foi premiado ao mesmo tempo que John Ambrose Fleming. Não existe no artigo nenhuma referência a Fleming a não ser na caixa de sucessão. --João Carvalho deixar mensagem 11h57min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)
Me refiro a estas: Cléééston (discussão) 12h34min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)
Essas predefinições só estão um pouco escondidas porque alguém fez um bloco de navegação juntando todas, más se tirarmos o blobo elas ficam mais visíveis e fáceis. Ai podemos ver que Einstein ganhou a Medalha Franklin junto com Fleming. Na verdade, podemos ver todas as pessoas que ganharam a medalha, que é muito mais útil do que só ver quem ganhou antes e depois dele (ou junto também, no caso). Além do mais, porque precisaríamos de referências em caixas de sucessão para, digamos, George W. Bush? É necessário mesmo uma referência que comprove que ele foi precedido na presidência dos Estados Unidos por Bill Clinton e sucedido por Barack Obama? Novamente, é necessário mesmo uma caixa de sucessão para isso? Essas informações no caso de Bush estão na infobox e no corpo do artigo. Outro exemplo: Guilherme IV do Reino Unido. Se você visitar a página, verá que como Rei do Reino Unido ele foi precedido por Jorge IV e sucedido por Vitória, enquanto como Rei de Hanôver foi sucedido por Ernesto Augusto I. Já na introdução do artigo temos uma repetição (necessária, claro) dessas sucessões, com mais informações: Jorge e Ernesto Augusto eram seus irmãos e Vitória sua sobrinha. No decorrer do artigo novamente temos essas informações de sucessão e parentesco e no final uma caixa repetindo isso, mas logo embaixo há cinco predefinições, duas delas lidam justamente com os monarcas britânicos e hanoverianos, mostrando todos que já ocuparam seus respectivos tronos. Além disso, Guilherme foi também Duque de Clarence, más não há uma caixa de sucessão para esse título, porém há uma predefinição (a última da página) mostrando todos aqueles que já tiveram esse título. Cléééston (discussão) 12h34min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)
Sim, mas essas predefinições poderiam ser feitas. Acho muito mais útil colocar predefinições ao invés de caixas. E se por acaso não tivermos predefinições, podemos criá-las. Como falei, elas são muito mais úteis e eficientes, na minha opinião. Mas se for pra continuar a ter caixas de sucessão independentemente disso, mantenho que não é necessário referências, como citei no exemplo de Bush e Guilherme IV. Não vejo como referências na caixa trariam mais credibilidade para essas coisas. Cléééston (discussão) 14h33min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)

Discordo da remoção da predefinição. Ela é extremamente importante em artigos de políticos. Érico Wouters (msg) 21h22min de 13 de fevereiro de 2015 (UTC)

Os artigos de políticos são justamente os mais fáceis de tirar a caixa por terem as informações de sucessão na infobox e muitas vezes nas predefinições no final da página. Exemplo: Martin van Buren. Cléééston (discussão) 00h51min de 14 de fevereiro de 2015 (UTC)
Symbol declined.svg Discordo Vejo as caixas de sucessão como uma forma de predefinição de navegação. São ligações para artigos de outras pessoas: os sucessores e predecessores de algum cargo, título ou prêmio, que já deve estar descrito no corpo do artigo. Qual a diferença entre a predefinição de navegação {{Nobel de Física}} e a caixa de sucessão "Nobel de Física"? Acho ainda que das seções mencionadas, a de referências é a mais importante. Ela fazem mais parte do artigo do que o "ver também". Por isso, acho que a ordem mais lógica seria Seções do artigo -> Notas explicativas -> Notas de referências -> Bibliografia -> Ver também -> Ligações externas -> Caixas de sucessão -> Outras predefinições de navegação -> Portais -> Controle de autoridade -> Categorias. CasteloBrancomsg 18h25min de 17 de fevereiro de 2015 (UTC)
Veja que a proposta não gira em torno da remoção, mas da regularização da predefinição, que precisaria ser referenciada - logo, não seria mais lógico estar antes da seção de referências? Flávio, o Maddox (msg!) 04h38min de 18 de fevereiro de 2015 (UTC)
@Maddox:, não vejo necessidade de se referenciar uma caixa de sucessão. É como referenciar uma predefinição de navegação (como {{Nobel de Física}}). É desnecessário. Essa informação que está na caixa de sucessão deve estar descrita no artigo, e aí sim, deve estar referenciada. Mas uma ligação para outros verbetes (o do sucessor e antecessor de alguma coisa) é muito pouco controverso, se já comentando anteriormente, para requerer referências adicionais. Em minha opinião, deve estar após as ligações externas e antes das predefinições de navegação e dos portais. CasteloBrancomsg 15h01min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Eu entendi. A caixa de sucessão deveria ser redundante com a informação referenciada no artigo, é isso? Por que você acredita que deva estar nessa posição? A proposta original era justamente colocar essas caixas muito antes das ligações externas. Flávio, o Maddox (msg!) 15h07min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)
Isso mesmo. Acho que deve estar nessa posição porque fica junto às predefinições de navegação, e penso que as caixas de sucessão são equivalentes às predefinições de navegação, em termos de informação: indicam outros verbetes relacionados ao que se acabou de ler. Só que em vez de mostrar todos os verbetes de um determinado tema, como nas predefs, as caixas só mostram o próximo e o anterior, em alguma escala (cargo, prêmio, título, etc.). É um "zoom" para ligações a outros artigos. Não acho que "faça parte" do artigo propriamente dito, não há prejuízo se não estiverem lá, embora facilitem o acesso a informação relevante (e por ser relevante, já descrita no artigo e referenciada). Já as referências fazem parte do artigo, são fundamentais. Sem elas, a informação do artigo fica sem suporte, perde a confiabilidade (a única que o leitor pode esperar ter nesse tipo de enciclopédia). Por isso eu não colocaria as referências depois de seções de ligações para outras páginas, sejam internas ("ver também") ou externas ("ligações externas"). Pela lógica, talvez essas caixas (e as predefinições de navegação e os portais) pudessem ficar dentro da seção "Ver também", mas acho que ficaria esquisito, do ponto de vista estético. CasteloBrancomsg 20h26min de 19 de fevereiro de 2015 (UTC)

Prorrogação nas EADs

Trago uma questão que pode ser uma proposta, para haver uma prorrogação das EADs que não tiveram votos suficientes, pois percebo que há temas populares e outros menos populares. Caso a comunidade seja a favor também pode ser discutido quanto tempo pode ser essa prorrogação, um dia, uma semana, uma quinzena? Também tenho interesse de saber o motivo de não haver prorrogação. Enfim, o que vocês acham? Bruno Ishiai (discussão) 13h21min de 21 de fevereiro de 2015 (UTC)

  • EADs que não receberam votos suficientes para a promoção?! Por votos suficientes entende o quê? A participação da comunidade depende de um prazo de votação de um mês. A falta de votos deve-se não só ao desinteresse como também à certeza de que o artigo não deve ser promovido a destaque. A eventual falta de votos não é aleatória e justifica-se pela falta de qualidade que o artigo possui para sequer ser avaliado. Se ao final do prazo de candidatura não houve participação significativa, não será com mais 10 ou 15 dias que os votos aparecerão. Ou melhor, votos até podem surgir mas dever-se-ão única e simplesmente ao facto de a votação ter sido prorrogada. Existem por ai vários editores que nem sequer se dão ao trabalho de ler a introdução do artigo antes de votar a favor do destaque. E se não existe nenhum controlo nisto, permitir que mais votos surjam ao acaso é desregularizar o processo de votação. A falta de votos pode também dever-se à insistente e abusiva forma como um usuário inaugura repetidas candidaturas sempre que a anterior não recebeu aprovação, pelo que votar passa a ser pura e simplesmente perda de tempo. Shgür Datsügen (discussão) 13h56min de 21 de fevereiro de 2015 (UTC)
Artigos cujas candidaturas foram reprovadas (seja qual for o motivo) só precisam de um mês para voltarem a ser candidatáveis, então teoricamente terão chances infinitas de serem aprovados. O que não gerou interesse na comunidade em um mês não vai gerar em mais do que isso. E quem for realmente interessado, não deixará de acompanhar e não se importará em votar de novo quando ele for recandidatado. Pelo menos eu faria isso, agora que comecei a acompanhar as EADs. Victão Lopes Diga! 03h04min de 22 de fevereiro de 2015 (UTC)
  • Symbol comment vote.svg Comentário Muitas vezes eu não voto contra pra evitar conflitos com usuários mais possessivos acerca de suas nomeações. Numa recente nomeação, só votei contra após o artigo tem recebido um voto favorável ao destaque quando a página gritantemente não cumpria os critérios. Outra coisa a se considerar... Se com 30 dias já temos muitos anterior indevidamente promovidos, imagina se houvesse prorrogação... Flávio, o Maddox (msg!) 19h52min de 22 de fevereiro de 2015 (UTC)
  1. Em termos teóricos, é preferível uma prorrogação de uma semana para a candidatura obter mais um ou dois comentários do que reiniciar todo o processo. Neste ponto concordo.
  2. Em termos práticos, no entanto, há alguma necessidade de prorrogar candidaturas? Pergunto isto porque desde há vários anos que acompanho a esmagadora maioria das candidaturas (mesmo quando não voto) e são muito raras as que têm qualidade e não são promovidas. Regra geral, quando um artigo não obtém votos suficientes em 30 dias é porque o artigo em si não tem a qualidade expectável para um AB/D.
  3. A não ser que um artigo de qualidade inferior esteja em risco de ser promovido, muitos votantes optam simplesmente por não votar em vez de votar contra, contribuindo para a percepção errada de que o artigo "só não foi eleito por falta de votos". Isto pode ser devido a vários motivos. Por exemplo, 1) o receio de que o proponente encare o voto como ataque pessoal e retalie noutras candidaturas; 2) evitar ter que fazer uma lista infindável de problemas; 3) entrar em guerras argumentativas.
  4. Existem vários meios legítimos para chamar à atenção para uma candidatura que não a prorrogação ou a solicitação de votos. Antero de Quintal (discussão) 02h30min de 23 de fevereiro de 2015 (UTC)

Discussões sobre EADs aqui me parecem sempre tocar em um tema: de quem é a culpa por artigos não serem promovidos. Considerando também o que foi dito em Wikipédia:Esplanada/geral/Descalabro em solicitação para votar em EAD (6set2012), eu concordo em absoluto com o que o Antero afirmou. Há de lembrar também da reputação dos usuários. Tem editor que indica um artigo por semana na EAD, tem histórico de votações de destaque ruim (muitos artigos não aprovados), realmente a comunidade vai gastar tempo analisando um verbete de um colaborador desses? E no caso deste ter evoluído, até adquirir a confiança dos demais é algo que leva muito tempo. Não vejo o mesmo acontecer com editores que gastam meses editando um artigo. Então creio que o buraco seja mais embaixo. Fronteira diga - veja 03h02min de 23 de fevereiro de 2015 (UTC)