Wikipédia:Esplanada/propostas/Padrão de formatação dos nomes dos campeonatos esportivos (11mar2018)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Comparando o material existente na wiki, percebi que apenas os torneios de futebol (e talvez alguns outros) que fossem disputados apenas pelo gênero masculino NÃO indicavam isso na nomenclatura. Torneios de Volei, Handebol e outras modalidades apresentam no título "masculino" ou "feminino"; torneios que tenham abrangência sobre ambos os gêneros também não apresentavam a nomenclatura.

Após consultar a convenção vigente, percebi que a comunidade não definiu um padrão através da regra, o que me motivou a iniciar uma moção das páginas para chamar atenção sobre o assunto. No entanto, um usuário pediu que eu viesse aqui para debater o assunto com a comunidade.

E aqui estou eu. CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 19h19min de 11 de março de 2018 (UTC)

Proposta

Tinha esquecido de colocar uma conclusão mais clara. A proposta é simples, altera o texto atual da convenção, de:

"[...] * Deverão ter, preferencialmente, o padrão Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO – X Divisão. Quando houver divergência entre a divisão real e a hierarquia pela qual a divisão é conhecida, o padrão será Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO – X Nível. [...]"

para:

"[...] * Deverão ter, preferencialmente, o padrão Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO GENERO – X Divisão. Quando houver divergência entre a divisão real e a hierarquia pela qual a divisão é conhecida, o padrão será Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO GENERO – X Nível; exceto quando o campeonato não fizer distinção de gênero, adotando-se os padrões Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO – X Divisão e Campeonato NACIONALIDADE de DESPORTO – X Divisão, respectivamente". [...]".

CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 19h27min de 11 de março de 2018 (UTC)

Comentários[editar código-fonte]

Symbol declined.svg Discordo, com todo respeito as mulheres quem pesquisa pelo Campeonato Brasileiro de Futebol sabe que este é o campeonato masculino e não o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Assim como no caso Seleção Brasileira de Futebol e Seleção Brasileira de Futebol Feminino. Não vejo qualquer razão objetiva para se mover centenas de páginas apenas para colocar masculino ou feminino no título. Sendo quem em regra os campeonatos femininos tem tradição e relevância infinitamente menor, neste caso títulos podem e devem agregar o termo feminino, pois ajuda na identificação. Fabiano msg 20h02min de 11 de março de 2018 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário Embora tradição e relevância serem critérios extremamente subjetivos, preciso concordar com um trecho da tua fala. O esporte feminino de um modo geral - não apenas o futebol - têm tradição e relevância infinitamente menores que o esporte masculino; muito disso é justamente por causa da padronização do esporte masculino sendo o único apreciável enquanto esporte. No entanto quanto à denominação, é relevante levar em consideração a subjetividade do duplo critério utilizado: se a regra fosse definida a partir do teu comentário, teríamos que remover o "feminino" do Seleção Angolana de Handebol Feminino porque em Angola o handebol feminino tem mais tradição e relevância que o masculino. Mas não é esse o ponto; me corrija se eu estiver errada: as regras da wikipedia têm como finalidade estabelecer uma ordem lógica baseada na neutralidade a fim de coibir a subjetividade. Fazendo uma pesquisa rápida na predefinição:Seleções Brasileiras, podemos verificar que apenas os artigos de seleções de futebol não apresentam a nomenclatura "masculina". Outro exemplo, é que no artigo da seleção brasileira de basquete há o termo, mas na seleção albanesa, por exemplo, não há. Afinal, acho que a comunidade tem que concordar que não há um critério? Seria hora de criar uma regra imparcial e que não permita subjetividade, certo? CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 22h57min de 11 de março de 2018 (UTC)
Não existe como comparar a relevância do futebol masculino com qualquer outro esporte disputado por homens, isto não tem nada de subjetivo. -Fabiano msg 23h04min de 11 de março de 2018 (UTC)
Então não seria mais prático escrever na regra que, à exceção do futebol, todos os outros desportos levarão a denominação masculino/feminino de acordo com o padrão existente? Se o argumento é que não se pode comparar a relevância e que os campeonatos e seleções masculinas de futebol devem ter a preferência pelo domínio campeonato/seleção-desporto-nacionalidade, no caso do futebol, não seria melhor por isso em regra e deixar claro para a comunidade? CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 23h58min de 11 de março de 2018 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo - Não vejo nenhum argumento válido para que isso se altere. Luís Almeida "Tuga1143 20h46min de 11 de março de 2018 (UTC)

Mas você concorda com a subjetividade da prática vigente? Não existe uma regra clara sobre o caso, e todos devemos concordar que se o desejo da comunidade é manter a preferência do título dos campeonatos/seleções-desporto-nacionalidade para a categoria masculina faria mais sentido escrever em regra, certo? CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 23h58min de 11 de março de 2018 (UTC)
Não vejo subjectividade alguma... as coisas actualmente têm o título pelo qual são conhecidas e que na esmagadora maioria das vezes são as próprias equipas que assim se identificam, além de assim serem conhecidas pelo público em geral. Por isso, não vejo necessidade de alteração. Luís Almeida "Tuga1143 09h32min de 12 de março de 2018 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo em estabelecer o padrão proposto, nem que seja com a excepção para o futebol (embora as razões para estabelecer essa excepção sejam subjectivas). GoEThe (discussão) 09h55min de 12 de março de 2018 (UTC)

Para mim tanto o texto original quanto o proposto estão ruins. Parece-me muito simples: Se um campeonato ou seleção é amplamente conhecido como sendo o masculino / feminino - afirmação que deve ser sustentada por múltiplas fontes fiáveis, relevantes e independentes referindo-se ao campeonato / seleção específico inequivocamente pelo nome simples - basta usar o nome simples como redirecionamento para o artigo do mais conhecido. Caso contrário, usa-se CAMPEONATO NACIONALIDADE [NÍVEL] [GÊNERO], sendo necessário especificar, dos dois últimos, apenas aqueles cuja duplicidade seja evidente. P.e., se a seleção de vôlei masculina de um país é igualmente relevante quanto a feminina, faz-se a desambiguação. Se, por outro lado, uma das duas é evidentemente irrelevante, faz-se o redir para a relevante quando não especifica-se o gênero. O mesmo para o nível hierárquico - se CAMPEONATO NACIONALIDADE DE DESPORTO refere-se inequivocadamente ao campeonato de primeira divisão de pontos corridos (seja do gênero X ou Y), faz-se redir para ele, senão, faz-se desambiguação com os outros campeonatos nacionais daquele desporto. Se, por outro lado, nem a hierarquia nem o gênero sejam evidentes quando utiliza-se o nome simples, faz-se a desambiguiaç de todos. Páginas de desmabiguação estão aí para isso, a maioria chega direto no artigo que quer via Google de qualquer forma. Saturnalia0 (discussão) 04h25min de 13 de março de 2018 (UTC)

Soa plausível, mas de modo geral acho que seria necessário estabelecer quais os esportes/em países que não utilizarão o rotulo de gênero, já que a maior parte dos esportes, exatamente por não serem tão disseminados quanto o futebol encontram a mesma popularidade nos dois gêneros, como o volei, por exemplo. Além disso escrever na regra quais serão as excessões ajuda bastante porque não raro cada esporte tem potencial para ter centenas de artigos. Não seria algo tão difícil, já que esses casos são notavelmente conhecidos (não consigo lembrar de nenhum outro além do futebol no ocidente, o basquete, o futebol americano e o beisebol nos Estados Unidos e o rugby nas antigas colônias do UK) CHANELIA, Tania (Me xingue! ou Arranje o que fazer) 00h24min de 14 de março de 2018 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário Quanto ao gênero eu não sei, não acho que causa confusão, mas em relação há níveis é algo complexo. Muitas vezes o nome não corresponde ao nível. Igor G.Monteiro (discussão) 15h59min de 17 de março de 2018 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo Não é sempre o caso, mas muitos dos campeonatos supostamente masculinos, na verdade, são abertos para ambos os sexos. Se um campeonato feminino faz distinção de gênero, enquanto o masculino não o faz, então é o feminino o especial, a ser marcado. Att --Usien6 19h50min de 6 de abril de 2018 (UTC)