Will Smith

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o ator. Para o jogador de futebol americano, veja Will Smith (esportista).
Will Smith
Smith em 2019
Nome completo Willard Carroll Smith Jr.
Outros nomes The Fresh Prince
Nascimento 25 de setembro de 1968 (54 anos)
Filadélfia, Pensilvânia, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Etnia afro-americano
Estatura 1,88 m
Cônjuge Sheree Smith (c. 1992–95)
Jada Pinkett Smith (c. 1997)
Filho(a)(s) 3 (incluindo Jaden e Willow)
Ocupação
Período de atividade 1990–presente
Principais trabalhos
Prêmios
Carreira musical
Período musical 1985–presente
Gênero(s) hip hop
Gravadora(s)
Afiliações
César César Honorário
2005Prêmio honorário
Assinatura
Will Smith signature.png
Página oficial
willsmith.com

Willard "Will" Carroll Smith Jr. (Filadélfia, 25 de setembro de 1968)[1], também conhecido por seu nome artístico The Fresh Prince, é um ator, rapper e produtor americano. Vencedor de diversos prêmios, incluindo um Oscar e quatro prêmios Grammy, tornou-se um dos poucos artistas a ter sucesso em três diferentes áreas de entretenimento dos Estados Unidoscinematelevisão e música.

Iniciou a carreira na música, com a dupla de hip-hop DJ Jazzy Jeff & the Fresh Prince, com quem lançou cinco álbuns de estúdio e diversos singles. No entanto, a imagem de Smith popularizou-se mundialmente ao protagonizar o sitcom The Fresh Prince of Bel-Air (1990–96). Após o término do seriado, Smith fez a transição de televisão para o cinema e estrelou várias longas de sucesso, incluindo as franquias Bad Boys (1995), Independence Day (1996) e Men in Black (1997).

Will Smith está classificado como o astro mais rentável em todo o mundo pela revista Forbes. Até 2014, 17 dos 21 filmes em que ele teve papéis principais acumularam em todo o mundo receitas brutas de US$ 100 milhões cada um, cinco tendo mais de 500 milhões de dólares cada um das receitas das bilheterias mundiais. Mais ainda, até 2014, seus filmes arrecadaram US$ 6,6 bilhões em bilheteria mundial. Recebeu aclamação por parte da crítica em diversas ocasiões, mas foi em 2022 que o astro obteve sua glória nas premiações ao vencer o Oscar, Critics Choice Awards, Bafta, Golden Globes e SAG Awards por sua performance no drama King Richard, onde interpreta Richard Williams, pai e treinador das tenistas Venus Williams e Serena Williams.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Will Smith nasceu na Filadélfia, é filho de Caroline Bright, uma administradora do conselho escolar da Filadélfia, e Willard Carroll Smith, Sr. um técnico de refrigeração. Ele cresceu em West Philadelphia, num bairro chamado Wynnefielde, e foi criado batista.[2] Ele tem três irmãos, uma irmã chamada Pamela, que é quatro anos mais velha, e os gêmeos Harry e Ellen, que são três anos mais jovens. Will Smith estudou em Nossa Senhora de Lourdes, uma escola privada católica na Filadélfia. Seus pais se separaram quando ele tinha 13 anos, mas não chegou a divórcio até por volta de 2000.[3]

Will Smith estudou na Overbrook High School, da Filadélfia. Embora amplamente divulgado, não é verdade que Smith recusou uma bolsa para estudar em Massachusetts Institute of Technology (MIT); ele nunca foi para a faculdade porque queria ser rapper.[4] Smith diz que ele foi inscrito em um "programa de verão de pré-engenharia" no MIT para estudantes do ensino médio, mas não compareceu.[5] Smith chegou a afirmar: "Minha mãe, que trabalhava para o Conselho Escolar da Filadélfia, tinha um amigo que era o oficial de admissões no MIT. Eu tinha notas muito altas e eles precisavam de crianças negras, então eu provavelmente poderia ter ido. Mas eu não tinha intenção de ir para a faculdade."[6]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Will Smith no Emmy Awards, em 1993

Will Smith é mundialmente conhecido principalmente por atuar na sitcom The Fresh Prince of Bel-Air (Um Maluco No Pedaço), de 1990 até 1996, além dos filmes Men in Black (MIB - Homens de Preto), The Pursuit of Happyness (À Procura da Felicidade), Hancock, e pelo papel de Floyd Lawton / Pistoleiro, personagem da DC Comics no filme Esquadrão Suicida, do Universo Estendido DC. Perseguindo o mundo da música, Will conheceu o DJ Jazzy Jeff numa festa, formando assim uma dupla que logo entrou em ação, se apresentando como DJ Jazzy Jeff & the Fresh Prince. Quando a popularidade da dupla começou a subir, Smith ganhou e gastou muito dinheiro comprando uma casa, carros e joias. No entanto, ele estava à procura de algo diferente e novo quando, em 1989, conheceu Benny Medina, que teve a ideia de produzir uma sitcom baseada na sua vida em Beverly Hills. Smith adorou a ideia assim como a NBC, emissora televisiva americana que, em 1990, colocou no ar a ideia de Medina com o nome de The Fresh Prince of Bel-Air. O roteiro era simples - Will apenas fazia o papel dele próprio: um rapaz esperto e rebelde da Filadélfia que se muda para casa dos tios em Bel-Air. A série durou seis anos, tempo durante o qual se aventurou em filmes e se fez notar pela crítica, como em Six Degrees of Separation, em 1992.

Após o sucesso que veio do filme de ação Bad Boys, de 1995, a carreira de Will Smith estava assegurada. Um ano depois, participou do grande êxito Independence Day, onde desempenhou o papel de Steven Hiller, um oficial dos fuzileiros (marines) que luta contra a invasão extraterrestre.

Ele é uma das poucas pessoas que desfrutam sucesso nas três maiores mídias de entretenimento nos Estados Unidos: cinema, televisão e a indústria fonográfica.

Will Smith é vencedor de quatro prêmios Grammy e já lançou onze álbuns, sendo os seis primeiros ainda como The Fresh Prince, com o DJ Jazzy Jeff, e os cinco últimos, solo. Participou de 21 filmes, seja como dublador (Shark Tale), narrador (A Closer Walk) ou produtor.

No total, Will Smith recebeu cerca de 135 milhões de dólares por suas atuações em filmes. O ator foi indicado em 2001 ao Oscar de melhor ator pelo filme Ali, em 2006 pelo filme The Pursuit of Happyness, e em 2022, pelo filme King Richard: Criando Campeãs, que lhe rendeu o Oscar de melhor ator, o primeiro de sua carreira.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Will Smith com a esposa Jada e os filhos Jaden e Willow, No Concerto do Prêmio Nobel da Paz em 11 de dezembro de 2009, em Oslo, Noruega

Will Smith se casou com Sheree Zampino em 1992. Eles tiveram um filho, Willard "Trey" Smith III, nascido em 11 de novembro de 1992,[7] e se divorciaram em 1995. Will Smith casou com a atriz Jada Koren Pinkett em 1997. Juntos, eles têm dois filhos: Jaden Christopher Syre Smith (nascido em 1998), a co-estrela em filmes como The Pursuit of Happyness e After Earth, e Willow Camille Reign Smith (nascida em 2000), que apareceu como sua filha no filme I Am Legend. Will e sua família residem em Los Angeles, Califórnia.[8]

O ator já foi citado na lista dos "40 mais ricos" da revista Fortune, dos 40 americanos mais ricos com menos de 40 anos.[9]

Crenças religiosas[editar | editar código-fonte]

Will Smith foi criado em uma igreja batista agregado por sua família e foi para uma escola católica, mas ele já não se identifica como religioso.[10] Embora ele não seja um cientologista e tenha negado rumores que afirmam que ele seja um membro da Igreja da Cientologia,[11] ele tem falado favoravelmente sobre isso, dizendo: "Eu só acho que um monte de ideias na Cientologia são brilhantes e revolucionárias, e não religiosas".[12]

Smith doou $1.3 milhões para instituições de caridade em 2007, dos quais $450,000 foram para dois ministérios cristãos, e $122,500 foram para três organizações de cientologista. Will e sua esposa também fundaram a Leadership Academy New Village, uma escola primária privada em Calabasas, na Califórnia. No ano de 2010, uma declaração de impostos federais mostrou que Will Smith havia doado $ 1,2 milhão para a escola.[13]

Opiniões políticas[editar | editar código-fonte]

Em 11 de dezembro de 2009, Smith e sua esposa hospedado no Concerto do Prêmio Nobel da Paz em Oslo, Noruega para comemorar a conquista do prêmio de Barack Obama.[14] Em 2012, Will Smith declarou que apoia a legalização do casamento do mesmo sexo.[15]

Briga com Janet Hubert[editar | editar código-fonte]

Durante as gravações de The Fresh Prince of Bel-Air, Will Smith e a atriz Janet Hubert, que interpretava a Tia Vivian na série, tinham brigas constantes nos bastidores. Isso fez com Janet deixasse a série após a terceira temporada, sendo substituída por Daphne Maxwell Reid. Em 2020, após 27 anos sem se falar, Will Smith e Janet Hubert se reencontraram e fizeram as pazes.[16]

Acusação de abuso sexual[editar | editar código-fonte]

Em 16 de abril de 2020, o ator Orlando Brown, da série That's So Raven, acusou Will Smith de abusar sexualmente dele quando ainda era uma criança.[17]

Agressão física contra Chris Rock[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Tapa de Will Smith em Chris Rock

No dia 27 de março de 2022, durante a cerimônia do Óscar 2022, o ator deu um forte tapa no rosto de Chris Rock, por conta de uma piada em que o comediante fez durante a apresentação da cerimônia, acerca da cabeça raspada de sua esposa, Jada Pinkett Smith.[18][19][20]

Jada foi diagnosticada com alopecia areata,[18][21] uma condição autoimune associada à queda de cabelos ou pelos do corpo que atinge tanto homens como mulheres e que pode ser causada por diversos fatores. A atriz e esposa do ator decidiu adotar os cabelos raspados por conta do distúrbio.[21]

Em seu discurso de aceitação do Óscar, Will Smith pediu desculpas à Academia, bem como aos outros indicados, mas não citou o agredido Chris Rock durante seu pedido.[22][23][24]

Apesar do ocorrido, Chris Rock decidiu não prestar queixa contra Will na polícia.[25]

Após o tapa de Will Smith em Chris Rock, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos disse não tolerar violência.[22][26] Cogitou-se ainda que Will tivesse que devolver o Prêmio de Melhor Ator devido a quebra do código de conduta do Óscar.[27] Após algumas horas, Will Smith se pronunciou na sua conta do Instagram, qualificando a sua atitude de "inaceitável", pediu desculpas a Chris Rock publicamente e se mostrou arrependido do tal ato.[28]

Dois dias depois do ocorrido, a Academia informou que, após o tapa, Will foi convidado a se retirar da cerimônia do Óscar, mas ele se recusou. No entanto, a própria Academia admitiu que poderia ter lidado com a situação de maneira diferente. A Academia informou também que um processo disciplinar sobre o ocorrido foi aberto.[29]

Fontes ouvidas pelo site de notícias Variety, contudo, negaram que Smith foi convidado a se retirar do Óscar, como a Academia informou. Segundo eles, alguns membros da Academia queriam que Smith fosse retirado após o tapa, mas não chegaram a fazer um pedido formal ou explícito a ele para se retirar.[30]

Will Packer, um dos produtores do Óscar, declarou que, logo após o tapa de Smith, a polícia procurou Chris Rock e se ofereceu para levar Will Smith preso, mas não fez isso porque Rock não quis registrar queixa.[31]

Em 1º de abril de 2022, quatro dias após a agressão, Will Smith anunciou que decidiu deixar a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. Em comunicado, ele disse que suas ações foram "chocantes, dolorosas e imperdoáveis", que traiu a confiança da Academia com o tapa e que estava "de coração partido". A Academia aceitou a saída de Will. Com isso, Will Smith não pode mais participar do processo de votação no Oscar, mas ainda pode ser indicado ao prêmio. Entretanto, mesmo com a saída de Will, o processo disciplinar aberto pela Academia contra ele continuou.[32]

Dois filmes que Will faria, Fast and Loose e Bad Boys 4, tiveram suas produções paralisadas temporariamente para não se associarem com a imagem negativa de Smith após a agressão.[33][34] Depois disso, em 4 de abril de 2022, Will Smith decidiu se internar em uma clínica de reabilitação[34] para poder lidar com a carga emocional e a forte rejeição que vem sofrendo após o tapa no Óscar.[34][35][36] Simultaneamente, a Netflix e a Apple desistiram de fazer um filme sobre a vida dele.[37]

Em 8 de abril de 2022, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas concluiu o processo disciplinar e decidiu suspender Will Smith do Oscar pelo prazo de 10 anos. Na prática, isso significa que o ator não terá que devolver sua estatueta e ainda poderá concorrer à premiações futuras, no entanto ficará impedido nesse período de participar de todos os eventos da Academia.[38]

No dia 29 de julho de 2022, Smith publica um vídeo nas redes sociais para fazendo um pedido de desculpas para Chris Rock, mãe do comediante que foi agredido e toda a familía do ator que levou o tapa.[39] Will também se desculpou com a Academia, os produtores do programa e todas as pessoas que assistiram à premiação no Dolby Theatre, em Los Angeles, e ao público de casa.[39]. Will Smith ainda revelou estar profundamente arrependido e confessou que a reação do público o afetou mental e emocionalmente.[40]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Filmografia de Will Smith

Como ator[editar | editar código-fonte]

Cinema[41][editar | editar código-fonte]

Ano Filme Título em português Personagem
1992 Where the Day Takes You br/pt: A Lei de Cada Dia
Manny
1993 Made in America br/pt: Feita por Encomenda Tea Cake Walters
Six Degrees of Separation br/pt: Seis Graus de Separação Paul
1995 Bad Boys br/pt: Os Bad Boys Detetive Mike Lowrey
1996 Independence Day br: Independence Day/pt: O Dia da Independência Capitão Steven "Steve" Hiller
1997 Men in Black br: MIB - Homens de Preto/pt: MIB - Homens de Negro James Edwards / Agente J (James)
1998 Enemy of the State br: Inimigo do Estado/pt: Perigo Público Robert Clayton Dean
1999 Wild Wild West br: As Loucas Aventuras de James West Capitão James West
2000 The Legend of Bagger Vance br: Lendas da Vida/pt: A Lenda de Bagger Vance Bagger Vance
2001 Ali Cassius Clay / Cassius X / Muhammad Ali
2002 Men in Black II br: MIB - Homens de Preto II/pt: Homens de Negro II James Edwards / Agente J (James)
2003 Bad Boys II br: Os Bad Boys II/pt: Bad Boys II Detetive Mike Lowrey
2004 I, Robot br: Eu, Robô/pt: Eu, Robot Detetive Del Spooner
Shark Tale br: O Espanta Tubarões/pt: O Gang dos Tubarões Oscar (voz)
Jersey Girl br: Menina dos Olhos/pt: Era Uma Vez Um Pai Ele mesmo (participação especial)
2005 Hitch br: Hitch - Conselheiro Amoroso/pt: Hitch - A Cura para o Homem Comum Alex "Hitch" Hitchens
2006 The Pursuit of Happyness br: À Procura da Felicidade/pt: Em Busca da Felicidade Chris Gardner
2007 I Am Legend br/pt: Eu Sou a Lenda Tenente Coronel Robert Neville
2008 Hancock John Hancock
Seven Pounds br/pt: Sete Vidas Tim Thomas
2012 Men in Black III br: MIB - Homens de Preto 3/pt: Homens de Negro III James Edwards / Agente J (James)
2013 After Earth br: Depois da Terra Cypher Raige
2015 Focus br/pt: Golpe Duplo Nicky
Concussion br: Um Homem Entre Gigantes
pt: Sozinho Contra Todos ou A Coragem de um Campeão
Dr. Bennet Omalu
2016 Suicide Squad br/pt: Esquadrão Suicida Floyd Lawton/Pistoleiro
2017 Collateral Beauty br: Beleza Oculta/pt: Beleza Colateral
2017 Bright Daryl Ward
2019 Aladdin Gênio
Gemini Man br/pt: Projeto Gemini Henry Brogan, "Junior"
Spies in Disguise br: Um Espião Animal/pt: Armados em Espiões Lance Sterling (voz)
2020 Bad Boys for Life br/pt: Bad Boys para Sempre Detetive Mike Lowrey
2021 King Richard br: King Richard: Criando Campeãs Richard Williams[42][43]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Notas
1990 ABC Afterschool Special - "The Perfect Date" Hawker Participação especial
19901996 The Fresh Prince of Bel-Air Will Smith Protagonista (Todos episódios)
1991 Blossom Fresh Prince Participação especial
1995 Happily Ever After 2 Pinóquio Voz
20032004 All of Us Johnny Participação especial
2012 Kids' Choice Awards 2012 Ele mesmo Apresentador
2021 The Fresh Prince of Bel-Air Reunion[44]

Como produtor[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Filme
2002 Showtime
2003 Ride or Die
2004 I, Robot
The Seat Filler
Saving Face
2005 Hitch
2006 ATL
The Pursuit of Happyness
2008 Hancock
The Secret Life of Bees
The Human Contract
Lakeview Terrace
Seven Pounds
2010 The Karate Kid
2013 After Earth
2015 Focus
Concussion
2016 Suicide Squad
Collateral Beauty
2018–presente Cobra Kai
2020 Life in a Year

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título
19901996 The Fresh Prince of Bel-Air
20032004 All of Us
2021 The Fresh Prince of Bel-Air Reunion

Discografia[editar | editar código-fonte]

DJ Jazzy Jeff & The Fresh Prince[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: DJ Jazzy Jeff & the Fresh Prince
Ano Álbum
1987 Rock the House
1988 He's the DJ, I'm the Rapper
1989 And in this Corner…
1991 Homebase
1993 Code Red
1998 Greatest Hits
2000 Before the Willenium
2003 Platinum & Gold Collection
2006 The Very Best Of Jazzy Jeff & The Fresh Prince

Solo[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum
1997 Big Willie Style
1999 Willennium
2002 Born to Reign
2005 Lost and Found
2016 TBA

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Óscar[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
2002 Melhor Ator Ali Indicado
2007 The Pursuit of Happyness Indicado
2022 King Richard Venceu
Melhor Filme Indicado

Globo de Ouro[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
1993 Melhor Ator em Série de Comédia ou Musical The Fresh Prince of Bel-Air Indicado
1994 Indicado
2002 Melhor Ator em Cinema - Drama Ali Indicado
2007 The Pursuit of Happyness Indicado
2016 Concussion Indicado
2022 King Richard Venceu

SAG Awards[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
2007 Melhor Ator Principal The Pursuit of Happyness Indicado
2022 King Richard Venceu
Melhor Elenco em Cinema Indicado

BAFTA[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
2022 Melhor Ator King Richard Venceu

Critics' Choice Movie Awards[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
2002 Melhor Ator Ali Indicado
2007 The Pursuit of Happyness Indicado
2021 Melhor Ator em Filme de Ação Bad Boys for Life Indicado
2022 Melhor Ator King Richard Venceu

Emmy[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
2021 Melhor Série de Comédia Cobra Kai Indicado

Grammy Awards[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Filme Resultado
1989 Melhor Performance de Rap "Parents Just Don't Understand" (with DJ Jazzy Jeff) Venceu
1990 Melhor Performance de Rap por uma Dupla ou Grupo "I Think I Can Beat Mike Tyson" (with DJ Jazzy Jeff) Indicado
1991 "And in this Corner..." Indicado
1993 "Summertime" Venceu
1998 Melhor Performance Solo de Rap "Men in Black" Venceu
1999 "Gettin' Jiggy Wit It" Venceu
2000 "Wild, Wild, West" Indicado
2001 Melhor Vídeo Musical em Curta Metragem "Will 2K" Indicado

Referências

  1. Ankeny, Jason. «Will Smith > Overview». Allmusic. Consultado em 30 de junho de 2010 
  2. «Will Smith on power, dogs and Cruise». Houston Chronicle. Consultado em 16 de abril de 2016 
  3. Keegan, Rebecca Winters (29 de novembro de 2007). «The Legend of Will Smith». Time. ISSN 0040-781X 
  4. «I, Robocop». WIRED (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2016 
  5. «Minority Introduction to Engineering and Science | MIT School of Engineering». engineering.mit.edu. Consultado em 16 de abril de 2016. Arquivado do original em 12 de agosto de 2015 
  6. «Will Smith Interview | Reader's Digest». Reader's Digest (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2016 
  7. «Will Smith - Happy 21st bday Trey. My first child into... | Facebook». www.facebook.com. Consultado em 16 de abril de 2016 
  8. «Will Smith». Forbes. Consultado em 16 de abril de 2016 
  9. «Will Smith: A biografia». AdoroCinema. Consultado em 28 de março de 2022 
  10. «Will and Jaden Smith Psych Up for After Earth -- Vulture». 27 de maio de 2013. Consultado em 16 de abril de 2016 
  11. «Will and Jada not Scientologists - Entertainment News | Breaking News | Celebrity Gossip - MSN Entertainment UK». 8 de abril de 2008. Consultado em 16 de abril de 2016 
  12. «Will Smith Turns Down Tom Cruise's Scientology Bid». Hollywood.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2016 
  13. «Will Smith Invested $1.2 Mil Into School with Scientology Ties in 2010 - Forbes». 27 de abril de 2012. Consultado em 16 de abril de 2016 
  14. «Nobel Peace Prize Concert». 26 de junho de 2011. Consultado em 16 de abril de 2016 
  15. «Showbiz». Consultado em 16 de abril de 2016 
  16. «'Um Maluco no Pedaço': Will Smith e Janet Hubert fazem as pazes em reunião». UOL. 19 de novembro de 2020 
  17. «Ator de 'As Visões da Raven' acusa Will Smith de abuso sexual». Folha de S.Paulo. 16 de abril de 2020. Consultado em 28 de março de 2022 
  18. a b «Will Smith dá tapa no rosto de Chris Rock após piada na premiação do Oscar 2022». CNN Brasil. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  19. «Comentário de Chris Rock sobre Jada Pinkett Smith não estava no roteiro durante ensaio do Oscar». Portal R7. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  20. «Will Smith dá tapa na cara de Chris Rock durante o Oscar 2022». Portal G1. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  21. a b Giovanna Teixeira (28 de março de 2022). «Entenda sobre alopecia, que afeta a atriz Jada Smith, esposa de Will Smith». Tribuna de Jundiaí. Consultado em 28 de março de 2022 
  22. a b «Will Smith pede desculpa, mas não a Chris Rock». SIC Notícias. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  23. «Will Smith Tearfully Apologizes to Academy After Chris Rock Oscars Slap» (em inglês). The Hollywood Reporter. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  24. «Ao receber o Oscar, Will Smith pede desculpas por tapa em Chris Rock». Estado de Minas. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  25. «Chris Rock não prestará queixa contra Will Smith por tapa durante o Oscar». UOL. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  26. «Academia diz não tolerar violência após tapa de Will Smith em Chris Rock». Terra. 28 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  27. Kátia Flávia (28 de março de 2022). «Will Smith pode ter que devolver o prêmio de melhor ator no Oscar». Jornal de Brasilia. Consultado em 28 de março de 2022 
  28. Luiza Lemos (28 de março de 2022). «Will Smith pede desculpa a Chris Rock após tapa: "inaceitável"». Portal iG 
  29. «Will Smith se recusou a deixar o Oscar e pode ser expulso, diz Academia». UOL. 28 de março de 2022. Consultado em 30 de março de 2022 
  30. «Will Smith não foi convidado a deixar o Oscar após tapa, diz site». UOL. 31 de março de 2022. Consultado em 31 de março de 2022 
  31. «Polícia se ofereceu para prender Will Smith após tapa em Chris Rock, diz produtor do Oscar». G1. 1 de abril de 2022. Consultado em 1 de abril de 2022 
  32. «Will Smith renuncia à Academia do Oscar e diz que 'traiu a confiança' da instituição». G1. 1 de abril de 2022. Consultado em 1 de abril de 2022 
  33. «Will Smith tem filmes interrompidos por Netflix e Sony após tapa em Chris Rock». Jornal O Tempo. 4 de abril de 2022. Consultado em 4 de abril de 2022 
  34. a b c keila Jimenez (4 de abril de 2022). «Internado, Will Smith perde contratos e vê a vida desmoronar após tapa!». Portal R7. Consultado em 4 de abril de 2022 
  35. «Will Smith vai se internar em clínica de reabilitação após tapa em Chris Rock na cerimônia do Oscar 2022». Gshow. 4 de abril de 2022. Consultado em 4 de abril de 2022 
  36. «Oi? Will Smith pausa carreira e é INTERNADO em clínica de reabilitação após confusão no Oscar». CinePop. 4 de abril de 2022. Consultado em 4 de abril de 2022 
  37. «Apple e Netflix desistiram de produzir biografia de Will Smith». Notícias ao Minuto. 5 de abril de 2022. Consultado em 5 de abril de 2022 
  38. «Will Smith é banido do Oscar por 10 anos após tapa, decide Academia». www.uol.com.br. Consultado em 8 de abril de 2022 
  39. a b «Will Smith fala após tapa em Chris Rock e pede desculpa: 'Estou envergonhado'». R7 Enterterimento. 29/07/2022. Consultado em 29 de julho de 2022 
  40. «Will Smith fala pela 1ª vez sobre tapa em Chris Rock no Oscar: "Errei"'». Portal Metrópoles. 29/07/2022. Consultado em 29 de julho de 2022 
  41. «Will Smith: Filmografia». AdoroCinema. Consultado em 28 de março de 2022 
  42. «Will Smith vence como Melhor Ator no BAFTA 2022! Veja a lista de vencedores!». ESTRELANDO (em inglês). Consultado em 28 de março de 2022 
  43. «Os vencedores do Critics Choice Awards 2022 nas categorias de TV e cinema | Arroba Nerd». 13 de março de 2022. Consultado em 28 de março de 2022 
  44. João Pedro Malar (13 de novembro de 2020). «Will Smith lança trailer da reunião do elenco de 'Um Maluco no Pedaço'». Estadão. Consultado em 28 de março de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Categoria no Commons
Wikinotícias Notícias no Wikinotícias