William Daniel Phillips

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
William Daniel Phillips Medalha Nobel
Nascimento 5 de novembro de 1948 (72 anos)
Wilkes-Barre
Nacionalidade Estadunidense
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Instituto de Tecnologia de Massachusetts
Ocupação físico, acadêmico, professor universitário
Prêmios Medalha Albert A. Michelson (1996), Nobel prize medal.svg Nobel de Física (1997), Prêmio Arthur L. Schawlow de Física do Laser (1998)
Empregador National Institute of Standards and Technology, Universidade de Maryland, Universidade Católica da América
Religião cristianismo
Instituições National Institute of Standards and Technology, Universidade de Maryland
Campo(s) Física

William Daniel Phillips (Wilkes-Barre, 5 de novembro de 1948) é um físico estadunidense.Foi laureado com o Nobel de Física de 1997, pelo desenvolvimento de método para esfriar e fixar átomos com laser de luz (arrefecimento a laser).

A tese de doutorado de Phillips dizia respeito ao momento magnético do próton em H2O. Posteriormente, ele fez alguns trabalhos com condensados ​​de Bose-Einstein. Em 1997, ele ganhou o Prêmio Nobel de Física junto com Claude Cohen-Tannoudji e Steven Chu por suas contribuições para o resfriamento a laser, uma técnica para retardar o movimento de átomos gasosos para melhor estudá-los, no Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia, e especialmente por sua invenção desacelerador Zeeman.

William Daniel Phillips em 2012

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
David Morris Lee, Douglas Dean Osheroff e Robert Coleman Richardson
Nobel de Física
1997
com Steven Chu e Claude Cohen-Tannoudji
Sucedido por
Robert Betts Laughlin, Horst Ludwig Störmer e Daniel Chee Tsui


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.