Willy Verdaguer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Willy Verdaguer
Informação geral
Nome completo Guillermo Nicolás Verdaguer
Também conhecido(a) como Willy Verdaguer
Nascimento 21 de julho de 1945 (74 anos)
Local de nascimento Buenos Aires
 Argentina
Gênero(s) jazz
Ocupação(ões) baixista
Instrumento(s) baixo elétrico, violão, guitarra elétrica, charango, zampoña, bombo leguero, voz
Período em atividade 1960 - atualmente
Outras ocupações maestro, direção musical, arranjador
Afiliação(ões) Beat Boys
Secos e Molhados
Raíces de América
Guilherme Arantes
Influência(s) Paul McCartney - Beatles
Mahavishnu John McLaughlin
Andrew Lloyd Webber - Jesus Christ Superstar
Jack Bruce - Cream

Willy Verdaguer (Buenos Aires, 21 de julho de 1945) é um baixista e maestro argentino, radicado no Brasil desde 1967, e mais conhecido por seu trabalho com os Beat Boys e nos dois clássicos albums do grupo Secos e Molhados.

Em carreira solo, possui dois discos.[1]

Com o guitarrista Luis Sérgio Carlini (ex-banda Tutti Frutti), faz parte da banda de Guilherme Arantes[2].

Discografia[editar | editar código-fonte]

Solo[editar | editar código-fonte]

  • Humahuaca (como "Verdaguer") (1994)
  • Informal (2003)

Secos & Molhados[editar | editar código-fonte]

João Ricardo[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • https://www.discogs.com/artist/2035590-Willy-Verdaguer
  • «Guilherme Arantes - Shows». www.lancelegal.net. Consultado em 29 de outubro de 2018