Wilza Carla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Julho de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Wilza Carla
Nascimento 29 de outubro de 1935
Niterói,  Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasil brasileira
Morte 18 de junho de 2011 (75 anos)[1]
São Paulo,  São Paulo
Ocupação vedete, atriz e humorista
Atividade Atriz

Wilza Carla (Niterói, 29 de outubro de 1935 - São Paulo, 18 de junho de 2011) foi uma vedete, atriz e humorista brasileira.

Começou sua carreira artística como vedete no teatro de revista e como intérprete de papéis sensuais em filmes da era das chanchadas. Posteriormente, aproveitando o fato de que havia engordado bastante, celebrizou-se nos filmes do gênero "pornochanchada".

O grande momento de Wilza na televisão foi interpretando as personagens Dona Redonda e Dona Bitela, na novela Saramandaia, exibida em 1976 pela Rede Globo.[2] e reviveu a personagem na mininovela Expresso Brasil em 1987. A última novela em que atuou foi A História de Ana Raio e Zé Trovão, de 1990, produzida pela extinta Rede Manchete. Foi também jurada em programas de calouros, em especial o de Silvio Santos. A Wilza Carla foi por muito tempo partícipe dos concursos de fantasias, concorria na categoria luxo feminino.

Sérios problemas de saúde, agravados pela obesidade, afastaram-na da carreira artística a partir da década de 1990. No final de sua vida, Wilza sofria de diabetes e do Mal de Alzheimer.

Wilza Carla morreu em São Paulo, cidade onde morou em seus últimos anos de vida, em decorrência dos males que sofria. Seu corpo foi trasladado para o Rio de Janeiro, onde foi sepultado no Cemitério do Caju.[3]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Cinema
Ano Título Papel
1955 Pani, Amore e Carnavale
Trabalhou Bem, Genival
1956 Genival é De Morte
Leonora dos sete mares
1957 Tem Boi na Linha Lina
1958 Minha Sogra é da Policia Neném
1967 As Aventuras de Chico Valente
Palmeiras Negras Ana Gorda
1969 Macunaíma Gorda
O Rei da Pilantragem Atriz de TV
1970 O Impossível Acontece
Os Herdeiros
Os Monstros de Babaloo Mãe
Pra Quem Fica, Tchau Dalva[4]
1971 Cômicos e Mais Cômicos Wilza
1972 Ipanema Toda Nua Vedete
Salve-se Quem Puder - Rally da Juventude
1974 Ainda Agarro Esta Vizinha Berta Duval
Mais ou Menos Virgem Flora
1975 Guerra Conjugal Gorda
Um Soutien Para Papai Mulher do Vizinho
As Loucuras de um Sedutor Celeste Aída[5]
1976 As Massagistas Profissionais Virgem
1977 Os Pastores da Noite
Será Que Ela Aguenta? Viúva
Seu Florindo e Suas Duas Mulheres Vadia
1979 O Menino Arco-Íris Mulher do Homem do Burrico [6]
1982 O Rei da Boca Dinah
Os Campeões
1984 Padre Pedro e a Revolta das Crianças
1989 Wiezien Rio Mulher de Vermelho
Televisão
Ano Título Papel Notas
1991 O Portador Dodora[7]
1990 A História de Ana Raio e Zé Trovão Maria Gasolina
1987 Expresso Brasil Dona Redonda
1986 Cambalacho Marilene Participação Especial
1976 Saramandaia Dona Redonda/Dona Bitela [8]
1972 Jerônimo, o Herói do Sertão Batatinha
1970 Assim na Terra como no Céu

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um ator ou atriz de cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.