XIX Congresso Nacional do Partido Comunista da China

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Grande Salão do Povo durante a cerimônia de abertura do XIX Congresso Nacional.

XIX Congresso Nacional do Partido Comunista da China (comumente conhecido como Shíjiǔ Dà; chinês: 十九大) foi realizado no Grande Salão do Povo, em Pequim, entre 18 e 24 de outubro de 2017. 2.280 delegados representaram os cerca de 89 milhões de membros do partido. Os preparativos para o XIX Congresso Nacional começaram em 2016 e terminaram com uma sessão plenária do Comitê Central alguns dias antes do Congresso. Em 2016, as organizações partidárias locais e provinciais começaram a eleger delegados ao congresso, bem como a receber e modificar os documentos do partido.

Durante o congresso, uma nova ideologia orientadora, intitulada "Pensamento de Xi Jinping sobre o socialismo com características chinesas para uma Nova Era", foi escrita na constituição do partido.[1] Esta foi a primeira vez desde o Pensamento de Mao Tse Tung que um líder vivo do partido adicionou à constituição uma ideologia nomeada por ele mesmo.[2] O Congresso também enfatizou o fortalecimento do socialismo com características chinesas, a construção do partido e o Estado de Direito Socialista e estabeleceu prazos concretos para atingir os objetivos de desenvolvimento, como construir uma sociedade moderadamente próspera e alcançar a "modernização socialista". Também se destacou por fazer a China desempenhar um papel mais importante a nível internacional.

O XIX Congresso Nacional aprovou a lista de membros da Comissão Central de Inspeção Disciplinar e elegeu o Comitê Central, que por sua vez aprovou os membros do Politburo e seu Comitê Permanente. Cinco membros do XVIII Comitê Permanente do Politburo deixaram o cargo devido a terem atingido a idade da aposentadoria e cinco novos membros se juntaram ao XIX Comitê Permanente: Li Zhanshu, Wang Yang, Wang Huning, Zhao Leji e Han Zheng.[3][4]

Referências

  1. «Xi presents new CPC central leadership, roadmap for next 5 years». Xinhua. 24 de outubro de 2017. Consultado em 24 de outubro de 2017 
  2. Phillips, Tom (24 de outubro de 2017). «Xi Jinping becomes most powerful leader since Mao with China's change to constitution». The Guardian (em inglês). ISSN 0261-3077. Consultado em 24 de outubro de 2017 
  3. «China's new leadership line-up revealed in full for first time with seasoned duo tipped to take key jobs». South China Morning Post. 22 de outubro de 2017 
  4. «十九届中央政治局委员、书记处书记名单及简历». Caixin. 25 de outubro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a China é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.