Xbox One

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o console de oitava geração da Microsoft. Para o primeiro console da empresa, veja Xbox (console).
Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde julho de 2019). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Xbox One
Xbox One logotipo
Microsoft-Xbox-One-Console-Set-wKinect.jpgMicrosoft-Xbox-One-S-Console-wController-L.jpg
Acima: Console Xbox One Original com o controle e o sensor de movimento Kinect.

Abaixo: O redesign do Xbox One S.

Desenvolvedor Microsoft
Fabricante Flextronics, Foxconn[1]
Família do
produto
Xbox
Tipo Consola de videojogos
Geração Oitava geração
Lançamento
  • AN 22 de Novembro de 2013[2]
  • EU 22 de Novembro de 2013 (alguns países)[3][4]
    • BR 22 de Novembro de 2013
    • JP 4 de Setembro de 2014[5]
    • [[China|CN]] 29 de Setembro de 2014[6]
    Preço
    inicial
    US$499[7]/€499[7]/£429[7]/JP¥49,980[8]/[[Renminbi|CN¥]]3,699[9]
    Unidades
    vendidas
    66.7 milhões (a 12 de Julho de 2019)[10]
    Mídia Blu-ray,[11] DVD, CD
    Sistema
    operacional
    Windows 10(Versão OS: 10.0.10586.1194)
    CPU Custom 1.75 GHz AMD 8-core APU (2 quad-core módulos Jaguar)[11][12]
    Capacidade de
    armazenamento
    Memória 8 GB DDR3 (5 GB disponível para os jogos)
    Exibição 4K 3840x2560

    HD 1280x720 Full HD 1920x1080

    Gráficos 853 MHz AMD Radeon arquitectura GCN (dentro do APU)
    Som 5.1,7.1 e Surround, Dolby Atmos
    Entrada HDMI
    Controladores Comando Xbox One, Kinect para Xbox One, SmartGlass, Xbox One Media Remote
    Câmera Kinect - 1080p
    Conectividade Wi-Fi IEEE 802.11n, Ethernet, 3× USB 3.0, HDMI 1.4 in/out, S/PDIF out, IR-out, porta Kinect
    Serviços
    on-line
    Xbox Live
    Jogo mais
    vendido
    Halo 5: Guardians 15.3 Milhões de Unidades[15]
    Retrocompa-
    tibilidade
    Com jogos selecionados de Xbox e Xbox 360
    Antecessor Xbox 360
    Página oficial www.xbox.com

    Xbox One é um console de videogame produzido pela Microsoft, o terceiro da empresa desde o lançamento do Xbox, e é introduzido no mercado oito anos após o lançamento do Xbox 360. O Xbox One apresenta jogos com gráficos de alta definição superiores aos vistos no seu antecessor.

    O Xbox One foi anunciado no dia 21 de maio de 2013, apresentado ao público pelo presidente de negócios de entretenimento interativo da Microsoft, Don Mattrick, em um evento chamado Xbox Reveal, como o sucessor do Xbox 360. Ele compete com o PlayStation 4 e Nintendo Switch.[16] Seu lançamento oficial foi feito em novembro de 2013 custando US$ 499,00 (€ 499,00 ou R$ 2.299,00).[17]

    História[editar | editar código-fonte]

    Xbox One sendo apresentado na E3 de 2013

    O codinome de desenvolvimento do Xbox One foi denominado de Durango e foi anunciado oficialmente no dia 21 de maio de 2013.[18]

    Após o lançamento do console, a Microsoft revelou que seria necessário que o console tivesse uma conexão com a internet constante para funcionar, afirmando que traria uma série de benefícios, incluindo desenvolvedores que serão capazes de confiar em uma conexão com servidores da Microsoft para computação em nuvem e permitindo a partilha de títulos de jogos. Jogadores teriam que autenticar o seu jogo a cada 24 horas através de uma conexão constante com a internet, incluindo single-player e jogos offline. Além disso, as restrições de gerenciamento de direitos digitais significaria que os jogadores seriam obrigados a trocar seus jogos apenas nas lojas participantes, enquanto que os discos só podem ser compartilhados uma vez, e apenas com um amigo que tinha estado na lista amiga do jogador por mais de 30 dias.[19] A recepção da indústria e dos consumidores foram em grande parte negativa. Em resposta, em 19 de junho a Microsoft revelou uma inversão da política, detalhando que as restrições de jogos usados seriam descartados, e que tanto os jogos físicos e os jogos com conteúdo digital funcionariam como acontece no Xbox 360, sem a conexão constante com a internet (porém, será necessário a conexão com a internet na primeira vez que o console for ligado), e que jogos podem ser compartilhados com os amigos, sem autenticação, enquanto que os títulos digitais serão vinculados à conta. Será necessária a conexão de uma só vez, a fim de atualizar o console com um patch.[20]

    Anúncio[editar | editar código-fonte]

    O Xbox One foi anunciado em 21 de maio de 2013 às 18:00 (Horário de Portugal) e 14:00 h (Horário de Brasília), em um evento chamado Xbox Reveal, aonde o modelo do console, controle e alguns jogos foram mostrados. Seu preço é de US$ 499,00. A Microsoft anunciou que não haverá travas regionais nos games do Xbox One. Desse modo, jogos comprados na Europa podem funcionar em um console norte-americano e vice-versa.

    Lançamento[editar | editar código-fonte]

    O console de nova geração, foi lançado dia 22 de novembro de 2013 pelo preço de R$ 2.200. O console foi lançado simultaneamente no Brasil, Austrália, Áustria, Canadá, França, Alemanha, Irlanda, Itália, México, Nova Zelândia, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos.[21]

    Hardware[editar | editar código-fonte]

    O hardware do Xbox One Fat é semelhante ao do PS4.[22] As especificações do Xbox One são:

    • Processador x86-64 AMD APU "Jaguar" Octa-Core 1.75 até 2.86 GHz;
    • 8GB de memória RAM DDR3; e 32MB da ESRAM
    • GPU AMD Radeon GCN 768 cores 853 MHz 1,31 TFLOPS;
    • Joystick padrão do Xbox One;
    • HD de 500GB;
    • Mídia física em Blu-Ray (jogos e filmes) e DVD (jogos do Xbox 360 e filmes)
    • 7.1 surround sound;[23], Dolby Atmos[24]
    • Suporte a atualização variável a 120 Hz

    O Xbox One S tem a resolução de 4K (3840 × 2160), conseguida por upscaling, de saída de vídeo e som surround 7.1. Yusuf Mehdi, vice-presidente de marketing da Microsoft, afirmou que não há nenhuma restrição de hardware que impediria a execução de jogos em resolução 4K. O Xbox One terá HDMI 1.4.

    Características[editar | editar código-fonte]

    Kinect 2.0[editar | editar código-fonte]

    Ver artigo principal: Kinect
    Kinect do Xbox One.

    O Kinect 2.0 é um aparelho semelhante ao Kinect do Xbox 360, porém é maior, com suas dimensões sendo 24.9 cm x 6.6 cm x 6.7 cm (L x C x A)

    Por meio do Kinect, que acompanha o videogame, o jogador pode controlar por meio de comandos de voz ou de gestos todas as opções do aparelho, saindo instantaneamente de um jogo e entrando em um filme ou na TV ao vivo, por exemplo.[25]

    A tecnologia apresentada no primeiro Kinect recebeu uma grandiosa evolução em todos os sentidos. O detector de movimentos ficou muito mais preciso, identificando facilmente gestos sutis como mover os dedos, girar o pulso ou mesmo suas expressões faciais e até identificar seu batimento cardíaco. É possível até identificar a força empregada em um movimento, como um soco.

    Seu campo de visão é 60% maior e permite que ele funcione tanto em ambientes mais abertos como mais fechados, exigindo menos distância da câmera que o Kinect original. Essa nova versão pode captar e interpretar os movimentos de até seis pessoas ao mesmo tempo, mesmo com baixa iluminação.

    O Xbox One foi lançado com uma versão atualizada do sensor do Kinect, o novo Kinect usará uma qualidade de 1080p. O novo Kinect tem maior precisão sobre o seu antecessor. O microfone do Kinect permanecerá ativo em todos os momentos para que ele possa receber comandos de voz do usuário, quando necessário, mesmo se o console estiver ausente (para que possa ser acordado de volta com um comando).[26][27] Os usuários ainda podem fazer as funções do Kinect igual como fazia no seu antecessor, porém, pode-se controla-lo apenas com a voz.

    O Kinect foi descontinuado pela empresa no final de 2017.

    Conectividade de mídia[editar | editar código-fonte]

    O Xbox permite o acesso imediato e simultâneo para filmes, TV ao vivo, Skype, Groove Música, Spotify, Netflix e o Microsoft Edge, sucessor do navegador Internet Explorer.

    Controle[editar | editar código-fonte]

    Controle do Xbox One.

    O controle terá uma "tecnologia refletiva invisível" e LEDs que se comunicarão com o videogame e o Kinect, permitindo a sincronização mais rápida e simples das informações. Com a identificação dos controles e dos jogadores pelo sensor de movimentos, partidas de jogos com tela dividida poderá colocar a imagem do jogador conforme o lado do sofá que ele senta, por exemplo, segundo informações de Hyrb.[25] O novo controlador também contará com um estado de baixa energia para ajudar a poupar pilha quando não estiver em uso, para que você possa ter a certeza que o controle não gastará energia enquanto você, por exemplo, estar assistindo TV no console.[28]

    O controlador manterá o design do Xbox 360, com algumas mudanças.

    O compartimento de pilhas do aparelho terá mais capacidade e será movido a Pilha AA.[29] No entanto, é definido com novos botões e mais precisão e ergonomia.

    Controle Elite[editar | editar código-fonte]

    Em 2016 a Microsoft lança o controle Elite para o Xbox ONE, controle com varias peças intercambiáveis para melhor se ajustar as necessidades dos jogadores.[30]

    Na E3 de 2019 é anunciado a segunda versão, o Controle Elite 2.0, com melhorias e nova opção de ajustar a tensão dos analógicos.[31]

    Controle de voz[editar | editar código-fonte]

    O console tem reconhecimento de voz, isso permitirá que os usuários controlem as funções do Xbox via comando de voz. Quase todo o console é movido a voz, e com essa capacidade Skype também será uma função da nova no Xbox.[32]

    Xbox Live[editar | editar código-fonte]

    O Xbox será oferecido para salvar músicas, filmes, jogos e muito mais. Agora, é capaz de adicionar quantos amigos você quiser no Xbox Live, sendo que no seu antecessor, o máximo era 100 amigos. É possível também comprar jogos na Live em outros países, mudando a região do seu console. O serviço online do Xbox One permanece como o melhor existente atualmente.[33]

    Gravador de vídeo[editar | editar código-fonte]

    Está incluído no sistema um gravador de vídeo digital (DVR) que permite a gravação de gameplays de, no máximo 1 hora[34]. Estes vídeos podem ser editados com ferramentas de edição de vídeo e será possível compartilhar sua jogatina com seus amigos por meio do Xbox Live.

    Revisões de Hardware[editar | editar código-fonte]

    Xbox One S[editar | editar código-fonte]

    Xbox One S.

    Em 13 de junho de 2016, durante a E3, a Microsoft anunciou o Xbox One S, uma versão mais compacta do Xbox One. Agora o console é branco, 40% menor que o design original e pode ser colocado na vertical em sua versão de 2TB. Os botões liga/desliga e o de ejetar não são mais soft touch, mas sim físicos, o novo modelo não possui mais a fonte externa, que agora fica dentro do console, a entrada para o Kinect também foi retirada, assim será necessário adquirir separadamente um adaptador USB para poder fazer uso do periférico de captura de movimento. Existem versões de 2 TB, 1TB e 500gb.

    O controle foi melhorado alterando os botões de setas e possui aderência texturizada.

    Especificações:[35][1][editar | editar código-fonte]

    • AMD APU Jaguar de oito núcleos a 1,75 GHz
    • 12 unidades computacionais a 914 MHz
    • Performance computacional 1.4 TF
    • ESRAM com a largura de banda de 219 GB/s
    • 40% menor com a fonte interna
    • Suporte a HDR
    • Resolução em 4K nativos para filmes e upscaling para jogos
    • Pode ser utilizado na vertical
    • Suporte a atualização variável a 120 Hz

    Xbox One S all digital[editar | editar código-fonte]

    Na data 16/04/2019 a Microsoft anuncia uma nova versão do xbox One sem o leitor de Disco blu-ray, para uso somente de jogos em midia digital,[36] no mais é igual ao Xbox ONE S

    Xbox One X[editar | editar código-fonte]

    Anunciado como "Project Scorpio" na E3 de 2016, o console é uma variação do Xbox One muito mais poderosa do que o Fat (Original) e o S (Slim) e o menor entre todos, um pouco menor que o Xbox One S, ainda que mais pesado; entre suas especificações, estão:[37][38]

    Jogos[editar | editar código-fonte]

    Ver artigo principal: Lista de jogos para Xbox One

    O Xbox One atualmente possui empresas third-party de grande porte publicando e desenvolvendo jogos para o console, como EA, Ubisoft, Activision, Warner Bros., 2K Games, Square Enix, entre outras, além dos jogos da própria Microsoft Studios. Até o momento atual, cerca de 100 jogos foram anunciados ou lançados para a plataforma, Exclusivos, Multiplataformas e jogos via download. Recentemente a Microsoft confirmou o lançamento de Halo 5, que rodará a 1080p e 60fps.

    Para uma lista (incompleta) de jogos para Xbox One, veja a lista de jogos para Xbox One.

    Exclusivos para Xbox One:

    ● Ryse: Son of Rome

    ● Forza Motorsport 5, 6 e 7

    ● Forza Horizon 2, 3 e 4

    ● Halo 5: Guardians & Halo Wars 2

    ● Sunset Overdrive

    ● Gears of War 4 e 5

    ● Gears of War: Ultimate Edition

    ● Halo: The Master Chief Collection

    ● Killer Instinct

    ● Titanfall

    ● Dead Rising 3

    ● Kinect Sports Rivals

    ● ReCore

    ● Quantum Break

    ● Phantasy Star Online 2

    ● Blair Witch

    ● Ori in the Blind Forest

    ● Dance Central Spotlight

    ● State of Decay 2

    ● Sea of Thieves

    ● Crackdown 3

    ● Ashen

    ● BeloW

    ● Scalebound

    ● Outer Wilds

    ● Bleeding Edge

    ● Halo Infinite

    ● Rare Replay

    ● Cobalt

    ● LEGO: Speed Racer Champions 2

    ● Project Spark

    ● Conker's Project Spark

    ● Age of Empires I e II (Definitive Edition)

    ● Microsoft Flight Simulator 2020

    ● Ori in the Will of the Wisps

    ● Bless Unleashed

    ● IØN

    ● Phantom Dust Remake

    ● GIGANTIC

    ● Beyond Eyes

    ● Afterparty

    ● The Last Night

    ● Vigor

    Stela

    ● Black Desert

    ● Deep Rock Galactic

    ● Void Bastards

    ● Age of Empires IV

    ● Gears of War: Tactics

    ● MechWarrior 5: Mercenaries

    ● Mass Effect Trilogy (Retrocompatibilidade em 1080p ou 4K)

    ● Prince of Persia Collection (Retrocompatibilidade em 1080p ou 4K)

    ● Red Dead Redemption (Retrocompatibilidade Remasterizada em 1080p ou 4K)

    ● FINAL FANTASY XIII, XIII-2 e Lightning Returns (Retrocompatibilidade Remasterizada em 1080p ou 4K)

    ● Playersunknows Battlegrounds (1 Ano)

    ● Rise of the Tomb Raider (1 Ano)

    ● Cuphead (2 Anos)

    ● Dead Rising 4 (1 Ano)

    ● Inside (1 Ano)

    ● TACOMA (1 Ano)


    Xbox Game Studios[editar | editar código-fonte]

    A Microsoft tem diversos estúdios First-Party para produzir Jogos Exclusivos na Plataforma Xbox que são:

    343 Industries

    Turn 10 Studios

    Playground Games

    The Initiative

    Ninja Theory

    •Moon Studios

    The Coalition

    •InXile

    •Undead Labs

    Obsidian Entertainment

    Rare

    Mojang

    •Double Fine Productions

    •Lift London Studio

    •Electric Square Games

    •CloudGine Studio

    Compulsion Games

    •SkyBox Labs

    •Certain Affinity Studio

    •Splash Damage Games

    •AoE Studio

    •MS Global Japan


    Além dos estúdios First-Party para o Xbox, a Microsoft contém parcerias para jogos Second-Party Exclusivos, coletando parcerias com empresas como:

    •Crytek (Ryse: Son of Rome & Horror: Showdown)

    •Respawn (TITANFALL)

    •Harmonix (Dance Central)

    •Sumo Digital (Crackdown 3)

    •Dlala Studio (Battletoads)

    •Remedy Entertainment (Quantum Break & CrossfireX)

    •Capcom (Dead Rising 3 e 4)

    •Iron Galaxy (Killer Instinct)

    •Square Enix (Rise of the Tomb Raider)

    •Studio MDHR (Cuphead)

    •Playful (Super Lucky's Tale)

    •Insomniac Games (Sunset Overdrive)

    •BioWare (Mass Effect 1 e 2 | Dragon Age: Origins | Star Wars: Knights of the Old Republic)

    •Playdead (Limbo & Inside)

    •Ubisoft (Tom Clancy's: Splinter Cell Double Agent, Splinter Cell: Conviction & The Crew)

    •2K Games (BioShock, The Elder Scrolls IV: Oblivion & Borderlands 1 e 2)

    •THQ (Darksiders I, Saints Row I e II, Metro 2033 & Homefront: The Revolution)

    •Platinum Games (Scalebound)

    •Bluehole Studio (Playersunknows Battlegrounds)

    •Rockstar Games (Red Dead Redemption RETROCOMPATIBILIDADE 4K & Grand Theft Auto IV)

    •Warner Bros. (Dying Light, Batman: Arkham Asylum & Middle-Earth: Shadow of Mordor)

    •Telltale Games (The Wolf Among Us & Tales for the Borderlands)

    •Armature Studios & Concept (ReCore)

    •Annapurna Interactive (Ashen, BeloW, 12 Minutes & Grow Home)

    •Electronic Arts (Plants vs Zombies: Garden Warfare, Dead Space & Dante's Inferno)

    •Activision-Blizzard (Call of Duty, Diablo III & Blur)

    •SEGA (Panthasy Star Online 2 & Streets of Rage IV)

    •Private Division (The Outer Worlds & Disintrgration)

    Vendas[editar | editar código-fonte]

    Estados Unidos: (35 Milhões)

    Europa (Reino Unido): (13 Milhões)

    Europa: (8 Milhões)

    América do Sul: (5.3 Milhões)

    Resto do Mundo: (5.1 Milhões)

    Esses dados são relativos até o prazo de Julho de 2019.


    >> Consta que as vendas são cabíveis aos Consoles:

    Xbox One (2013) 499 U$

    Xbox One S (2016) 299 U$

    Xbox One X (2017) 499 U$

    Xbox One S All-Digital (2019) 159 U$

    Cabe constar também que ambos os preços são dos seus respectivos anos de lançamento.

    Xbox Scarlett[editar | editar código-fonte]

    Question book.svg
    Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde agosto de 2019). Ajude a inserir referências.
    O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

    Na E3 2019, a Microsoft anunciou seu Novo Console para a próxima Geração, intitulado até o momento como Project Scarlett, o novo Console lançará no Final de 2020 e tem como destaque:

    -Capacidade de Rodar jogos em 4K a 120fps ou 8K para Vídeos & Streaming;

    -Suporte ao Ray-Tracing (Tecnologia que melhora os gráficos, sombras e texturas, tornando-as mais realistas e retroativa aos olhos, como o efeito de um espelho);

    -Cartões de Memória SSD: Pretende melhorar o tempo das telas de carregamento e melhorar o processador em 12x, aumentado a performance e qualidade dos jogos, além de estressar menos o Console, tornando-o mais produtivo e com mais resistência e durabilidade;

    -Retrocompatibilidade com toda a Linha Xbox, incluindo o Xbox Original, Xbox 360 e Xbox One;

    -Jogos Exclusivos do Xbox Scarlett serão lançados no seu lançamento ao Xbox Game Pass, serviço de assinatura da Microsoft que disponibiliza mais de 100 jogos por 29,99 R$ (Mensais);

    -Processador Zen & Navi da AMD, última geração de processadores da empresa, com capacidade de até 15 Teraflops (3x mais poderoso que o Xbox One X);

    -Jogos Exclusivos de Xbox Scarlett são jogáveis via Streaming através do xCloud, permitindo os jogadores a jogarem-o em um Celular ou Tablet;

    -Jogos Exclusivos, incluindo Halo, Gears of War, Forza, Fable, State of Decay, Sea of Thieves, e outros dos estúdios recém adquiridos pela Microsoft.

    Curiosidade: Halo Infinite, o mais novo jogo Exclusivo do Xbox, será lançado junto do Xbox Scarlett, no final de 2020, um grande atrativo a possíveis compradores da próxima máquina da Microsoft.

    Ver também[editar | editar código-fonte]

    Referências

    1. Flextronics lands 90% of Xbox One orders, leaving Foxconn the rest DigiTimes, September 4, 2013. (not available)
    2. «Xbox Live's Major Nelson » Xbox One to Launch on November 22, 2013 in 13 Markets :». Majornelson.com. 4 de setembro de 2013. Consultado em 27 de setembro de 2013 
    3. «Xbox One Launch Markets Confirmed». Xbox Leadership Team, Microsoft. 14 de agosto de 2013. Consultado em 24 de agosto de 2013 
    4. Chris Pereira (14 de agosto de 2015). «Microsoft Downscale Xbox One 2013 Launch to 13 Markets». IGN. Consultado em 30 de junho de 2015 
    5. «Xbox One Coming to 26 New Markets in September». Xbox website. 18 de março de 2014. Consultado em 18 de março de 2014 
    6. «Xbox One to Launch Next Generation of Gaming in China September 23». Xbox Wire. Microsoft. 30 de julho de 2014. Consultado em 30 de julho de 2014 
    7. a b c «Xbox One launching in November for $499 in 21 countries, pre-orders start now». The Verge. 10 de junho de 2013. Consultado em 10 de junho de 2013 
    8. 2014-05-26, «Microsoft reveals prices of two Xbox One variations for Japan». www.polygon.com , Polygon
    9. «The Xbox One Launches In China On September 23, Will Cost $599». Kotaku. 30 de julho de 2014. Consultado em 30 de julho de 2014 
    10. «Microsoft's Xbox One Sales Hit 3 Million». news.xbox.com  January 6, 2014
    11. a b Stein, Scott (19 de junho de 2013). «Microsoft Xbox One — Consoles — CNET Reviews». Reviews.cnet.com. Consultado em 24 de junho de 2013 
    12. «AMD's Jaguar Architecture: The CPU Powering Xbox One, PlayStation 4, Kabini & Temash». Anandtech.com. Consultado em 24 de junho de 2013 
    13. Warren, Tom (12 de agosto de 2014). «New Xbox One bundles include two new designs and more storage». theverge.com. Consultado em 18 de maio de 2015 
    14. «Understand and manage storage on Xbox One». Xbox Support. Microsoft Corporation. Consultado em 18 de maio de 2015 
    15. «Halo 5 Guardians vende 15 Milhões». IGN  Novembro 04, 2015
    16. «Microsoft anuncia novo Xbox One, concorrente do PlayStation 4». G1. 21 de maio de 2013. Consultado em 2 de junho de 2013 
    17. «Console, Kinect e entretenimento: saiba tudo sobre o Xbox One». Terra Brasil. 22 de novembro de 2013. Consultado em 23 de março de 2015 
    18. Figueiredo, Arthur (24 de abril de 2013). «Novo Xbox será revelado pela Microsoft em evento no dia 21 de maio». TechTudo Jogos. Consultado em 21 de maio de 2013 
    19. «How Games Licensing Works on Xbox One». Microsoft. Consultado em 6 de junho de 2013 
    20. Totilo, Stephen (19 de junho de 2013). «Surprise Xbox One DRM Reversal Requires Day One Patch, Cuts Features». Kotaku. Consultado em 19 de junho de 2013 
    21. «Xbox One será lançado no dia 22 de novembro» 
    22. «Xbox One, PlayStation 4 ou Wii U: descubra qual é o melhor console». www.techtudo.com.br 
    23. «Análise às Especificações: Xbox One» 
    24. «Xbox One S | Xbox». Xbox.com. Consultado em 25 de março de 2019 
    25. a b «Joystick do Xbox One terá tecnologia que faz Kinect identificar o jogador». 6 de junho de 2013. Consultado em 6 de junho de 2013 
    26. «Microsoft's new Kinect is official: larger field of view, HD camera, wake with voice». www.engadget.com 
    27. Dave Tach (21 de maio de 2013). «Kinect is always listening on Xbox One, but privacy is a 'top priority' for Microsoft». Polygon. Consultado em 22 de maio de 2013 
    28. «New Xbox One Controller Features Detailed». Justin Rubio. 6 de junho de 2013. Consultado em 6 de junho de 2013 
    29. «Características do novo controle do Xbox One». g1.globo.com 
    30. «Controle Elite do Xbox One traz vantagens para os gamers profissionais». TechTudo. Consultado em 27 de junho de 2019 
    31. «E3 2019: Microsoft anuncia o controle Xbox Elite Series 2 por US$ 180». adrenaline.com.br. 10 de junho de 2019. Consultado em 27 de junho de 2019 
    32. «New Xbox speech recognition like siri página em inglês». www.theverge.com 
    33. http://bestgamedeal.com/?utm_source=wikipedia&utm_medium=edit&utm_campaign=inicial Site que faz a comparação de preços entre as lives disponíveis http://bestgamedeal.com/
    34. «Gravar e capturar clipes e capturas de tela de jogos Xbox One». support.xbox.com. Consultado em 25 de março de 2019 
    35. Leadbetter, Richard (2 de agosto de 2016). «Xbox One S - Revelado aumento na performance». Eurogamer.pt. Consultado em 24 de abril de 2019 
    36. Loureiro, Jorge (16 de abril de 2019). «Microsoft oficializa Xbox One S All Digital». Eurogamer.pt. Consultado em 19 de abril de 2019 
    37. Xbox One X: review completo do poderosíssimo console da Microsoft[ligação inativa], Review do console feito pelo TecMundo, consultado em 21/01/2018
    38. Kelly, Gordon. «Xbox One X Vs Xbox One S: What's The Difference?». Forbes (em inglês) 

    Ligações externas[editar | editar código-fonte]