Xi2 Centauri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ξ2 Centauri
Dados observacionais (J2000)
Constelação Centaurus
Asc. reta 13h 06m 54,6s[1]
Declinação -49° 54′ 22,5″[1]
Magnitude aparente 4,27[1]
Características
Tipo espectral B1.5V[2][3][4]
B3V[1]
Cor (U-B) -0,79[1]
Cor (B-V) -0,19[1]
Astrometria
ξ2 Centauri A
Velocidade radial 14,3 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -26,15 mas/a[1]
Mov. próprio (DEC) -12,03 mas/a[1]
Paralaxe 6,98 ± 0,24 mas[1]
Distância 470 ± 20 anos-luz
143 ± 5 pc
Magnitude absoluta -1,51 (visual)
−3,33 (bolométrica)[6]
ξ2 Centauri B
Velocidade radial 16 km/s[5]
Mov. próprio (AR) -29,80 mas/a[5]
Mov. próprio (DEC) -12,70 mas/a[5]
Magnitude absoluta 3,60 (visual)
3,80 (bolométrica)[6]
Detalhes
ξ2 Centauri A
Massa 8,1 ± 0,1[4] M
Luminosidade 1 700[6] L
Temperatura 20 900[6] K
Rotação v sin i = 25 km/s[7]
Idade 11,5 ± 3,7 milhões[4] de anos
ξ2 Centauri B
Massa 1,22[8] M
Luminosidade 7,4[6] L
Temperatura 6 166[6] K
Rotação 3,8 dias[8]
Idade 11-22 milhões[6][8] de anos
Outras denominações
CD-49 7644, FK5 489, HR 4942, HD 113791, HIP 64004, SAO 223909.[1]
Xi2 Centauri
Centaurus constellation map.png

Xi2 Centauri2 Cen, ξ2 Centauri) é um sistema estelar triplo[9] na constelação de Centaurus. Possui uma magnitude aparente visual de 4,27,[1] sendo visível a olho nu em boas condições de visualização. Com base em sua paralaxe de 6,98 milissegundos de arco, está localizado a uma distância de aproximadamente 470 anos-luz (143 parsecs) da Terra.[1]

O componente primário do sistema, ξ2 Centauri A, é uma binária espectroscópica de linha única[3] com um tipo espectral de B1.5 V[2][3][4] e temperatura efetiva de 20 900 K.[6] Sua órbita possui um período de 7,65 dias e excentricidade de 0,35.[9] A uma distância angular de 25,1 segundos de arco na esfera celeste está a terceira estrela do sistema, ξ2 Centauri B, uma estrela de classe F (F7) da pré-sequência principal com uma magnitude aparente de 9,38. Tem uma massa de 1,22 massas solares e está brilhando com 7,4 vezes a luminosidade solar, a uma temperatura efetiva de 6 166 K.[8][6] É uma estrela variável do tipo BY Draconis, em que a variabilidade é causada por manchas estelares na superfície, que entram e saem da linha de visão da Terra conforme a estrela rotaciona.[10] Apresenta uma variação de magnitude de 0,08 com um período de 3,8 dias (que é também o período de rotação da estrela).[8] Ela está a cerca de 3 000 UA do par central e leva cerca de 41 500 anos para completar uma órbita.[6][11]

Xi2 Centauri é membro do subgrupo Centaurus Inferior-Crux da associação Scorpius–Centaurus, a associação OB mais próxima do Sol.[12] O sistema tem uma idade próxima de 10-20 milhões de anos; estimativas independentes calcularam idades de 11,5 ± 3,7 milhões de anos para ξ2 Cen A[4] e 11-22 milhões de anos para ξ2 Cen B.[6][8] Possui uma velocidade peculiar de 15,6 ± 1,6 km/s,[2] não sendo suficiente para ser considerada uma possível estrela fugitiva.[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m «SIMBAD query result - ksi02 Cen». SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  2. a b c Bobylev, V. V.; Bajkova, A. T (agosto de 2013). «Galactic kinematics from a sample of young massive stars». Astronomy Letters. 39 (8) [S.l.: s.n.] pp. pp.532–549. Bibcode:2013AstL...39..532B. doi:10.1134/S106377371308001X 
  3. a b c Chini, R.; Hoffmeister, V. H.; Nasseri, A.; Stahl, O.; Zinnecker, H. (agosto de 2012). «A spectroscopic survey on the multiplicity of high-mass stars». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 424 (3) [S.l.: s.n.] pp. pp. 1925–1929. Bibcode:2012MNRAS.424.1925C. doi:10.1111/j.1365-2966.2012.21317.x 
  4. a b c d e f Tetzlaff, N.; Neuhäuser, R.; Hohle, M. M (janeiro de 2011). «A catalogue of young runaway Hipparcos stars within 3 kpc from the Sun». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 410 (1) [S.l.: s.n.] pp. pp. 190–200. Bibcode:2011MNRAS.410..190T. doi:10.1111/j.1365-2966.2010.17434.x 
  5. a b c «SIMBAD query result - V* V1261 Cen». SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 8 de dezembro de 2016 
  6. a b c d e f g h i j k Gerbaldi, M.; Faraggiana, R.; Balin, N (novembro de 2001). «Binary systems with post-T Tauri secondaries». Astronomy and Astrophysics. 379 [S.l.: s.n.] pp. p.162–184. Bibcode:2001A&A...379..162G. doi:10.1051/0004-6361:20011298 
  7. Wolff, S. C.; Strom, S. E.; Dror, D.; Venn, K (março de 2007). «Rotational Velocities for B0-B3 Stars in Seven Young Clusters: Further Study of the Relationship between Rotation Speed and Density in Star-Forming Regions». The Astronomical Journal. 133 (3) [S.l.: s.n.] pp. pp. 1092–1103. Bibcode:2007AJ....133.1092W. doi:10.1086/511002 
  8. a b c d e f Huélamo, N.; Fernández, M.; Neuhäuser, R.; Wolk, S. J (dezembro de 2004). «Rotation periods of Post-T Tauri stars in Lindroos systems». Astronomy and Astrophysics. 428 [S.l.: s.n.] pp. p.953–967. Bibcode:2004A&A...428..953H. doi:10.1051/0004-6361:20034442 
  9. a b Eggleton, P. P.; Tokovinin, A. A (setembro de 2008). «A catalogue of multiplicity among bright stellar systems». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 389 (2) [S.l.: s.n.] pp. pp. 869–879. Bibcode:2008MNRAS.389..869E. doi:10.1111/j.1365-2966.2008.13596.x 
  10. Samus, N. N.; Durlevich, O. V.; et al. (janeiro de 2009). «VizieR Online Data Catalog: General Catalogue of Variable Stars (Samus+ 2007-2013)». VizieR On-line Data Catalog: B/gcvs. [S.l.: s.n.] Bibcode:2009yCat....102025S 
  11. Tokovinin, A (setembro de 2008). «Comparative statistics and origin of triple and quadruple stars». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 389 (2) [S.l.: s.n.] pp. pp. 925–938. Bibcode:2008MNRAS.389..925T. doi:10.1111/j.1365-2966.2008.13613.x 
  12. Chen, Christine H.; Pecaut, Mark; Mamajek, Eric E.; Su, Kate Y. L.; Bitner, Martin (setembro de 2012). «A Spitzer MIPS Study of 2.5-2.0 M ⊙ Stars in Scorpius-Centaurus». The Astrophysical Journal. 756 (2) [S.l.: s.n.] pp. artigo 133, 24 pp. Bibcode:2012ApJ...756..133C. doi:10.1088/0004-637X/756/2/133