YEIS

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox warning pn.svg
Este artigo foi proposto para eliminação semirrápida por um ou mais editores. A(s) justificativas apresentada(s) para eliminação foram:
  • Artigo marcado como "sem fontes" desde julho de 2009. Foi criado um tópico na Esplanada para apontar este problema e buscar uma solução, mas ninguém demonstrou interesse nesse artigo específico, e o problema persiste. Consequentemente, trago para eliminação. Mister Sanderson (discussão) 22h04min de 22 de maio de 2019 (UTC)
  • Último editor: MisterSanderson

Por favor, melhore o artigo se possível e procure enquadrá-lo dentro das regras do projeto.
Caso não haja oposição à eliminação desta página, ela será suprimida a partir de 27 de maio. Para mais informações, veja Política de eliminação e Eliminação semirrápida.


Encontre referências para o artigo: Google (notícias, livros e acadêmico)


Usuário: Se esta página possui arquivos de mídia que não são utilizáveis em outras páginas, adicione uma nota em WP:PER, para que um administrador lusófono do Wikimedia Commons verifique se ela se encontra no escopo do projeto.

Aviso ao criador: Os principais editores da página podem ser avisados (recomendável) e seu criador (se registrado) deve ser notificado com
{{subst:Aviso-ESR|1=YEIS}} ~~~~
Aviso ao criador com nota de boas-vindas:
{{subst:Av-bv-ESR|1=YEIS|2=~~~~}}

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes está sujeito a remoção.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Yamaha Energy Induction System[editar | editar código-fonte]

Sistema desenvolvido pela Yamaha para motores 2 tempos. Consiste em um pequeno reservatório que armazena temporariamente a mistura ar/combustível visando manter o fluxo da mesma constante, absorvendo a diferença de pressão que se forma em razão da abertura e fechamento da janela de admissão durante a subida e descida do pistão. A primeira motocicleta que utilizou o Y.E.I.S. no Brasil foi a DT 180 em 1982. O resevatório do Y.E.I.S. fica alojada abaixo do tanque de combustível, e é conectado no tubo de admissão, entre o carburador e o cilindro. O Y.E.I.S. proporciona:

  • Melhor torque do motor em baixas e médias rotações;
  • Sensível diminuição do consumo de combustível;
  • Melhor ajuste do carburador.


Funcionamento[editar | editar código-fonte]

O Y.E.I.S. atua em duas fases:

Compressão no cárter[editar | editar código-fonte]

Quando o pistão chega ao ponto morto superior e começa a descida, ocorre aumento de pressão no cárter do motor 2 tempos (que não armazena óleo, como no motor 4 tempos, mas sim a mistura ar/combustível), provocando a subida da mistura ar/combustível para a câmara de combustão e o fechamento das palhetas do Torque Induction. Como o aumento de pressão na câmara de combustão é inferior a do tubo de admissão, parte da mistura ar/combustível é desviada para o tubo de admissão. Como as palhetas Torque Induction estão fechadas neste momento, parte da mistura ar/combustível é armazenada no reservatório do Y.E.I.S., uma espécie de garrafa alojada embaixo do tanque de combustível.

Admissão no cilindro[editar | editar código-fonte]

Assim que o pistão chega ao ponto morto inferior, e começa a subida, ele comprime a mistura ar/combustível que está na câmara de combustão e expele a mistura já queimada. No mesmo momento que o pistão sobe a comprime a mistura ele cria um vácuo no cárter, as palhetas do Torque Induction se abrem e a mistura ar/combustível é sugada para a parte inferior do cilindro juntamente com o restante que estava armazenada no resevatório do Y.E.I.S.. Este incremento de ar e combustível proporciona a melhorias, especialmente em baixa e média rotação, ponto crítico do motor 2 tempos.

Ver também[editar | editar código-fonte]