Yang Xiong

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Yang Xiong
Nascimento 53 a.C.
Morte 18 (70 anos)
Cidadania China
Ocupação linguista, poeta, escritor, político, filósofo
Religião Confucionismo

Yang Xiong (chinês: 揚雄, 53 a.C.-18 d.C.) foi um poeta, filósofo e político chinês da dinastia Han, conhecido por seus escritos filosóficos e suas composições poéticas.[1] Ele pode ter sido o primeiro a notar a posição contraditória nas posições de Mêncio e Zhuangzi e fazer um esforço para reconciliar o oposto.[2] Ele descreveu a invenção do adicionamento de uma correia usada para uma máquina de quilling que enrolava fibras de seda em bobinas para lançadeiras de tecelão.[3][4]

Referências

  1. Shen, Jing (4 de agosto de 2010). Playwrights and Literary Games in Seventeenth-Century China: Plays by Tang Xianzu, Mei Dingzuo, Wu Bing, Li Yu, and Kong Shangren (em inglês). [S.l.]: Lexington Books. ISBN 9780739138595 
  2. Gu, Ming Dong (1 de fevereiro de 2012). Chinese Theories of Reading and Writing: A Route to Hermeneutics and Open Poetics (em inglês). [S.l.]: SUNY Press. ISBN 9780791483473 
  3. Hayhoe, Ruth; Lu, Yongling (1996). Ma Xiangbo and the Mind of Modern China 1840-1939 (em inglês). [S.l.]: M.E. Sharpe. ISBN 9781563248313 
  4. «Vibro conveyor belt». erniestennisshop.be. Consultado em 19 de agosto de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.