Yei

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Panorama da cidade de Yei

Yei é uma cidade de médio porte, ao sudoeste do Sudão do Sul. A cidade de Yei está localizada no Condado de Yei, no estado de Equatória Central.[1] Fica próxima às fronteiras de dois dos parceiros comerciais do país, Uganda e República Democrática do Congo. É um centro de negócios, que atrai comerciantes e clientes de todos os três países. A cidade fica a cerca de 170 km (110 milhas), por estrada, a sudoeste de Juba, a capital e maior cidade do Sudão do Sul. Em 2011, tinha uma população de aproximadamente 185.000 pessoas.[2] Yei possui um aeroporto, o Aeroporto Yei. Também abriga uma comunidade que acolhe crianças para lhes dar educação e moradia.[3]

História[editar | editar código-fonte]

O nome Yei foi dado ao local onde a atual cidade fica após a escolha de três chefes tradicionais, cada um dos grupos étnicos Pojulu, Gimunu e Azande; os chefes também nomearam o rio que atravessa a área, chamando-o de rio Yei.

Mesmo após o fim da Segunda Guerra Civil Sudanesa, a cidade ainda sofre com a violência, e a intervenção do exército para combater aos ataques criminosos que ocorrem pela cidade e pelo condado.

Economia[editar | editar código-fonte]

A agricultura é a principal atividade econômica, sendo café e mandioca os principais cultivos. Existe também a pecuária, com a criação de gado doméstico .


Paisagem nos arredores de Yei

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre o Sudão do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.