Yip Man (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Yip Man
No Brasil O Grande Mestre[1][2]
 Hong Kong ·  China
2008 •  cor •  108 min 
Direção Wilson Yip
Produção Raymond Wong
Roteiro Edmond Wong
Elenco Donnie Yen
Simon Yam
Lynn Hung
Gordon Lam
Louis Fan
Xing Yu
Chen Zhihui
Hiroyuki Ikeuchi
Música Kenji Kawai
Cinematografia O Sing-Pui
Edição Cheung Ka-fai
Distribuição Mandarin Films
Lançamento 18 de dezembro de 2008
Idioma cantonês (idioma)
japonês (idioma)
Orçamento US$ 11,7 milhões
Receita US$ 21,8 milhões
Cronologia
O Grande Mestre 2

Yip Man (bra: O Grande Mestre) é um filme sino-honconguês de 2008, dos gêneros ação, drama e biográfico, dirigido por Wilson Yip.[1]

O filme conta a história real do mestre de kung-fu Yip Man, mentor do astro Bruce Lee. O filho mais velho de Yip Man, Ip Chun, além de ser o principal consultor do roteiro, também atua no longa.[3]

O filme foi lançado no Brasil direto em VHS, sem passar pelo circuito dos cinemas.[2]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Yip Man (Donnie Yen) é um aristocrata chinês, exímio praticante de Kung Fu, estilo Wing Chun. Em 1937, o Japão invade a China e todos os seus bens são confiscados e sua fortuna arrasada, ficando na miséria com sua família.

Querendo provar a superioridade japonesa, o general Miura (Hiroyuki Ikeuchi) desafia chineses a participarem de duelos em artes marciais. Quem vencesse ganharia como prêmio uma saco de arroz. Mas Yip Man, que se recusara a lutar a princípio, descobre que seu amigo Lin foi morto e aceita ir até a presença do general, em uma tentativa de descobrir como Lin morreu. Lá, descobriu que Lin morreu ao ser derrotado em uma luta. Logo após, presencia a morte de mais um amigo: o mestre Liu, que foi baleado na cabeça pelo coronel Sato (Shibuya Tenma), o enfurecendo muito. Vendo a morte do amigo, desafia dez lutadores japoneses e os derrota de maneira arrasadora.

Após demonstrar suas habilidades, desperta o interesse do general japonês e começa a ser perseguido por isso. Tudo culmina quando é preso e desafiado pelo general Miura a uma luta justa na frente de todos, onde seria postos lado a lado o kung fu japonês e o chinês.

Yip Man vence a luta e é baleado pelo coronel Sato, gerando uma revolta popular na cidade de Fo Shan. Nas cenas finais é revelado o destino de Yip Man, que após o final da Segunda Guerra Mundial, se estabeleceu em Hong Kong e teve como mais famoso discípulo o astro Bruce Lee.

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. a b «O Grande Mestre». Brasil: CinePlayers. Consultado em 30 de janeiro de 2019 
  2. a b «O Grande Mestre». Brasil: AdoroCinema. Consultado em 30 de janeiro de 2019 
  3. Martolio, Edgardo (11 de julho de 2013). «A não muito conhecida história de Yip Man, o mestre de Bruce Lee». Rolling Stone. Consultado em 30 de janeiro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme de Hong Kong é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.