You and Me (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo álbum do guitarrista de blues-rock Joe Bonamassa, veja You & Me.
You and Me
Sozinho na Vida (PT)
Casamento Proibido (BR)
 Estados Unidos
1938 •  p&b •  90 min 
Direção Fritz Lang
Produção Fritz Lang
Roteiro Norman Krasna
Virginia van Upp
Elenco Sylvia Sidney
George Raft
Robert Cummings
Barton MacLane
Roscoe Karns
Harry Carey
Gênero comédia dramática
Distribuição Paramount Pictures
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

You and Me (br: Casamento Proibido; pt: Sozinho na Vida) é um filme estadunidense de 1938, do gênero comédia dramática, dirigido por Fritz Lang e estrelado por Sylvia Sidney e George Raft. Ao misturar comédia, drama, policial, sátira e musical, o filme confundiu o público e foi um grande fracasso de bilheteria, além de ter-se tornado uma das obras menos conhecidas de Lang.[1] Terceiro filme do diretor nos Estados Unidos.[2]

Na trilha sonora estão presentes três canções compostas por Kurt Weill e Sam Coslow.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Jerome Morris possui uma loja de departamentos onde gosta de empregar condenados pela Justiça em liberdade condicional, para lhes dar uma nova oportunidade na vida. Entre estes, encontram-se Helen e Joe, que se apaixonam. Como casamentos entre condenados são ilegais, Helen esconde de Joe sua condição, e eles se casam. O matrimônio é feliz, até Joe descobrir a mentira de Helen. Desiludido, ele reúne sua antiga gangue e planeja assaltar a loja de Morris. Helen procura demovê-los da ideia.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem
Sylvia Sidney Helen Dennis
George Raft Joe Dennis
Robert Cummings Jim
Barton MacLane Mickey Bain
Roscoe Karns Cuffy
Harry Carey Jerome Morris
George E. Stone Patsy
Warren Hymer Gil Carter
Jack Mulhall não-creditado

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [1]
  2. EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • EAMES, John Douglas, The Paramount Story, Londres: Octopus Books, 1985 (em inglês)
  • Gomes de Mattos, Antonio Carlos (1991). Hollywood Anos 30. Rio de Janeiro: EBAL 
  • Rodrigues da Silva, Divino (1994). «Todos os Filmes da Paramount de 1935 a 1939». edição de autor. Matinê (12) 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]