Yuji Nakazawa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Yuji Nakazawa
Yuji Nakazawa
Nakazawa em 2008.
Informações pessoais
Nome completo Yuji Nakazawa
Data de nasc. 25 de fevereiro de 1978 (40 anos)
Local de nasc. Yoshikawa, Japão
Altura 1,87 m
Informações profissionais
Clube atual Yokohama F. Marinos
Número 22
Posição Zagueiro
Clubes de juventude


1996–1997
Yoshikawa Higashi Junior H.S.
Escola de Alta Tec. Misato
América-MG
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997–1998
1999–2001
2002–
América Mineiro
Verdy Kawasaki/Tokyo Verdy
Yokohama F. Marinos
27 (0)
83 (5)
500 (19)
Seleção nacional
1999–2000
1999–2010
Japão Sub-23
Japão
12 (0)
101 (17)

Yuji Nakazawa - em japonês, 中澤 佑二 Nakazawa Yūji (Yoshikawa, 25 de fevereiro de 1978) é um futebolista japonês que joga como zagueiro. Desde 2002, atua no Yokohama F. Marinos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nakazawa começou a jogar futebol em seu país de origem. Jogou para a Yoshikawa Higashi Junior High School e Escola de Alta Tecnologia Misato, mas não atraiu a atenção de olheiros. Determinado a ser um profissional, ele partiu para o Brasil para melhorar suas habilidades de futebol e treinou com o América Mineiro. Durante seu tempo lá, ele venceu o Campeonato Mineiro na categoria júnior e desempenhou um papel fundamental na escalação do técnico Ricardo Drubscky.

Depois de um ano, ele retornou ao Japão e juntou-se ao Verdy Kawasaki em 1998 como estagiário, o que significava que ele não recebeu indenização. Ele impressionou o clube o suficiente para ganhar um contrato profissional plena no ano seguinte.

Sua primeira J. League foi em 13 de março de 1999, contra o Cerezo Osaka, no Todoroki Athletics Stadium. Ele marcou seu primeiro gol em 10 de abril de 1999 contra o Nagoya Grampus, no mesmo estádio. Naquele ano, ele recebeu o prêmio de Melhor Jovem da J-League no Ano e foi selecionado para a Equipe do ano.

Ele foi transferido para o Yokohama F. Marinos em 2002 e contribuiu para o clube vencer duas vezes consecutivas a J. League, em 2003 e 2004[1], e a Copa do Imperados em 2008. Ele foi escolhido como o Jogador Mais Valioso da liga em 2004.

Seleção japonesa[editar | editar código-fonte]

Impressionado com as atuações do jovem atleta, o técnico da Seleção Japonesa, o francês Philippe Troussier, chamou-o para a equipe nacional em setembro de 1999, disputando um jogo pela Copa Kirin, contra o Irã, disputado no Estádio Internacional de Yokohama. Nakazawa jogou nas eliminatórias olímpicas, bem como a final em Sydney. O primeiro gol marcado pelo zagueiro com a camisa dos Samurais Azuis foi em 13 de fevereiro de 2000, em um jogo qualificatório da Copa da Ásia contra Singapura em Macau. Fez parte do elenco que venceria a Copa da Ásia, disputada no Líbano, tendo jogado 3 partidas na competição. Surpreendentemente, Nakazawa não foi convocado para a Copa de 2002, que teve justamente o Japão como sede, juntamente com a Coreia do Sul. O veterano Yutaka Akita, um dos remanescentes da primeira participação nipônica em Copas, foi convocado em seu lugar.

Sob o comando do brasileiro Zico, Nakazawa formou dupla de zaga com Tsuneyasu Miyamoto. Jogou em todos os jogos do Japão na Copa da Ásia de 2004 e marcou 3 gols, com destaque para o tento marcado na semifinal contra o Bahrain, conquistando o bicampeonato da competição.

Disputou ainda a Copa de 2006, na Alemanha, mas a equipe não conseguiu avançar para a fase de oitavas-de-final. Após o torneio, ele anunciou sua aposentadoria do futebol internacional, com apenas 28 anos[2]. No entanto, 6 meses depois, ele reviu a decisão e Ivica Osim o convocou para um amistoso contra o Peru, em 24 de março de 2007 [3] Participou da Copa da Ásia de 2007, mas o Japão não repetiu o desempenho das edições anteriores, ficando em quarto lugar.

Em 14 de fevereiro de 2010, Nakazawa fez seu centésimo jogo pela equipe nacional do Japão contra a Coreia do Sul, no Estádio Olímpico de Tóquio. Com isso, tornou-se o terceiro japonês (após Masami Ihara e Yoshikatsu Kawaguchi) a atingir 100 internacionalizações pelo seu país. Mais tarde nesse ano, Yasuhito Endo também alcançou 100 jogos com a camisa do Japão.

Convocado para a Copa de 2010, Nakazawa jogou as 4 partidas do Japão, que viria a ser eliminado pelo Paraguai nos pênaltis. No torneio, o jogador conseguiu um feito: durante 390 minutos, não cometeu nenhuma falta, superando o recorde do brasileiro Lúcio na Copa de 2006[4].

Títulos[editar | editar código-fonte]

Yokohama F. Marinos
Japão

Referências

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]