Yuri Linnik

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Yuri Vladimirovitch Linnik)
Ir para: navegação, pesquisa
Yuri Linnik
Conhecido(a) por Teorema de Linnik, Teorema de Hilbert-Waring
Nascimento 8 de janeiro de 1915
Rússia Bila Tserkva, Oblast de Kiev, Império Russo
Morte 30 de junho de 1972 (57 anos)
Leningrado, União Soviética
Nacionalidade Soviética
Alma mater Universidade Estatal de Leningrado
Orientador(es) Vladimir Tartakovski
Instituições Instituto Steklov, Universidade Estatal de Leningrado
Campo(s) Matemática

Yuri Vladimirovitch Linnik (em russo: Ю́рий Влади́мирович Ли́нник; (Bila Tserkva (Oblast de Kiev, Império Russo), 8 de janeiro de 1915Leningrado 30 de junho de 1972) foi um matemático nascido no território da atual Ucrânia e que atuava em teoria dos números, teoria das probabilidades e estatística.

Linnik nasceu em Bila Tserkva, atualmente território da Ucrânia. Veio para a Universidade de Leningrado onde seu supervisor foi Vladimir Tartakovski, e posteriormente trabalhou no Instituto Steklov. Foi um membro da Academia Russa de Ciências, como foi sei pai, Vladimir Pavlovitch Linnik. Foi agraciado com o Prêmio Estatal da URSS e com o Prêmio Lenin. Morreu em Leningrado em 1972.[1]

Trabalhos em teoria dos números[editar | editar código-fonte]

Trabalhos em Teoria das Probabilidades e Estatística[editar | editar código-fonte]

Distribuições infinitamente divisíveis[editar | editar código-fonte]

Linnik obteve numerosos resultados relativos à distribuições infinitamente divisíveis.[4] Em particular, ele provou que a seguinte generalização do Teorema de Cramér: Nenhum divisor de uma convolução de variáveis aleatórias de uma distribuição gaussiana e distribuição de Poisson é também uma convolução de uma distribuição gaussiana e distribuição de Poisson.

Também foi co-autor de livros Linnik & Ostrovskii (1977) na aritmética de distribuições infinitamente divisíveis.

Teorema do limite central[editar | editar código-fonte]

Estatística[editar | editar código-fonte]

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • Linnik, Yu.V. (1971), Independent and stationary sequences of random variables, Series of Monographs and Textbooks on Pure and Applied Mathematics, Groningen: Wolters-Noordhoff Publishing 
  • Linnik, Yu.V. (1961), Method of least squares and principles of the theory of observations, New York-Oxford-London-Paris: Pergamon Press, MR 0124121 
  • Linnik, Yu.V.; Ostrovskii, I.V. (1977), Decomposition of random variables and vectors, Translations of Mathematical Monographs, 48, Providence, R.I.: American Mathematical Society 
  • Linnik, Yu.V. (1968), Ergodic properties of algebraic fields, Ergebnisse der Mathematik und ihrer Grenzgebiete, 45, New York: Springer-Verlag New York Inc. 

Referências

  1. Faddeyev, D. K.; Lozinsky, S. M.; Malyshev, A. V. (1975), «Yuri V. Linnik (1915–1972): a biographical note», Acta Arith., 27: 1–2, MR 0421941. 
  2. Bredikhin, B.M., Density method, D/d033370 
  3. Michel, Ph.; Venkatesh, A. (2006), «Equidistribution, L-functions and ergodic theory: on some problems of Yu. V. Linnik», Proceedings of ICM 2006, 2, Zurich: Eur. Math. Soc., pp. 421–457 
  4. Ibragimov, I. A. (1992), «Yu. V. Linnik. Some of his work from the 1950s», St. Petersburg Math. J., 3 (3): 687–696, MR 1150561. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.