Zé Paulo Sierra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Zé Paulo Sierra
Zé Paulo Sierra
Informações pessoais
Nome completo José Paulo Ferreira Sierra
Data de nasc. 22 de abril de 1976 (48 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro, Brasil
Grito de guerra Prepare o seu coração, que lá vem a escola da emoção! Lá vem a xxx!
Informações profissionais
Escola atual Mocidade Independente
Escolas de samba
Anos Escolas
1992-1996
1997
1998-2007
2004
2006
2007
2007-2008
2008-2009
2010-2013
2011
2011
2012
2014-2023
2024-
Caprichosos (apoio) [1]
Unidos da Ponte[1]
Caprichosos (apoio)
Lins Imperial (apoio) [1]
Arranco[1]
São Clemente (apoio) [1]
Mangueira (apoio) [1]
Caprichosos[1]
Mangueira[1]
X-9[1]
Viradouro
Mocidade
Última atualização: segunda-feira, 20 de maio de 2024

José Paulo Ferreira Sierra, conhecido apenas como Zé Paulo ou Zé Paulo Sierra (Rio de Janeiro, 22 de abril de 1976), é um compositor e intérprete de samba-enredo brasileiro. Atualmente é o intérprete oficial da Mocidade Independente.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Zé Paulo Sierra (ao centro), durante o desfile da Viradouro em 2016

Iniciou sua carreira em 1988 no extinto Bloco Chupeta da Abolição[1] mas logo foi como compositor para a escola de samba Difícil É o Nome, permanecendo lá por 2 anos na escola mirim Aprendizes do Salgueiro como cantor e compositor. Ingressou na Caprichosos em 1993 através de um concurso de cantores de samba e foi apoio de Luizito.[1] Em 1995, ainda na Caprichosos, ao lado de Carlinhos de Pilares defendeu o samba de sua autoria, "Samba Sabor Chocolate". Foi o mais novo intérprete do grupo de acesso quando assumiu o microfone principal da Unidos da Ponte em 1997.[1] No mesmo ano retornou à Caprichosos onde teve a oportunidade de cantar ao lado de Jackson Martins. Foi o intérprete oficial do Arranco no Grupo de Acesso em 2006 com o samba que venceu do Estandarte de Ouro: "Gueledés, o Retrato da Alma". foi auxiliar de Leonardo Bessa na São Clemente em 2007 e ainda fez parte do carro de som da Mangueira nos anos de 2007 e 2008.[1]

No ano de 2008 retornou à Caprichosos de Pilares, desta vez como intérprete oficial, ficando até 2009. Pela escola de Pilares, foi o ganhador dos prêmios Sambanet, Troféu Jorge Lafond e do site O Carnaval Carioca. Em 2010, passou a ser interprete oficial da Mangueira ao lado de Rixxah e Luizito.[2][3] Em 2011 e 2012, dividiu o microfone principal com Luizito e Ciganerey. Ainda em 2011, teve uma passagem pela X-9 Paulistana em São Paulo.[4] Em 2013, continuou na Mangueira, mas agora formando um quarteto com Luizito, Ciganerey e Agnaldo Amaral. Durante o pré-carnaval, teve que passar por uma cirurgia devido a uma leucoplasia na laringe. Após o carnaval, se desligou da verde e rosa.[5] Em 2014, acertou com a Viradouro, escola onde permanece desde então.[6][7] Pela vermelha e branca de Niterói conquistou a Série A nos carnavais de 2014 e 2018, o vice-campeonato no Grupo Especial em 2019 e o título do carnaval carioca em 2020, sendo este seu primeiro campeonato de Grupo Especial na carreira.

Em 2016, Zé Paulo foi autor do samba-enredo da Unidos da Tijuca ao lado de Dudu Nobre, Gusttavo Clarão, Claudio Mattos e Paulo Oliveira. No ano seguinte compôs o samba da Mocidade Independente de Padre Miguel em uma parceria liderada por Altay Veloso e Paulo César Feital, que embalou a escola ao título daquele carnaval, dividido com a Portela. Em São Paulo, foi um dos autores do samba da Unidos de Vila Maria em homenagem a Nossa Senhora Aparecida no carnaval de 2017, além de compor os sambas-enredo da Nenê de Vila Matilde entre 2016 e 2019 e dos sambas da Acadêmicos do Tatuapé e da Mocidade Alegre em 2020. saiu-se da Viradouro[8], após mais de dez anos e se transfere para Mocidade, como novo cantor da escola[9].

Fora do Carnaval[editar | editar código-fonte]

Após desligar-se da Mangueira em 2013, Zé Paulo assumiu os vocais do Dose Certa, depois de várias participações em shows do grupo como convidado. No ano seguinte, o intérprete saiu do grupo após ser contratado pela Viradouro.

Títulos e estatísticas[editar | editar código-fonte]

Primeira Divisão




Estação Primeira de Mangueira
Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
2011
2019
2020
2022
2023
Segunda Divisão



Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
Unidos do Viradouro
2014
2016
2017
2018

Premiações[editar | editar código-fonte]

  • Estrela do Carnaval
  1. 2014 - Melhor intérprete (Viradouro) [10]
  2. 2016 - Melhor intérprete (Viradouro) [11]
  3. 2017 - Melhor intérprete (Viradouro) [12]
  4. 2020 - Melhor samba-enredo (Mocidade Alegre - "Do Canto das Iabás Renasce Uma Nova Morada")[13]
  • Gato de Prata
  1. 2014 - Melhor intérprete (Viradouro) [14]
  2. 2016 - Melhor intérprete (Viradouro) [15]
  • OSK do Samba
  1. 2016 - Melhor intérprete (Viradouro) [16]
  • Plumas & Paetês Cultural
  1. 2022 - Melhor intérprete (Viradouro) [17]
  • Prêmio Gazeta do Rio
  1. 2022 - Melhor intérprete (Viradouro) [18]
  • Prêmio SASP
  1. 2020 - Melhor samba-enredo (Mocidade Alegre - "Do Canto das Iabás Renasce Uma Nova Morada")[19]
  • Prêmio SRzd
  1. 2015 - Melhor intérprete (Viradouro) [20]
  2. 2017 - Melhor intérprete (Viradouro) [21]
  3. 2018 - Melhor intérprete (Viradouro) [22]
  4. 2023 - Melhor intérprete (Viradouro) [23]
  • Prêmio Ziriguidum
  1. 2014 - Melhor intérprete (Viradouro) [24][25]
  1. 2008 - Melhor intérprete (Caprichosos) [26][27]
  2. 2009 - Melhor intérprete (Caprichosos) [28][29]
  3. 2014 - Melhor intérprete (Viradouro) [30]
  1. 2019 - Melhor intérprete (Viradouro) [31]
  • Troféu Andarilho do Samba
  1. 2008 - Melhor intérprete (Caprichosos) [32]
  • Troféu Explosão in Samba
  1. 2019 - Melhor intérprete (Viradouro) [33]
  2. 2023 - Melhor intérprete (Viradouro) [34]
  • Troféu Jorge Lafond
  1. 2008 - Melhor intérprete (Caprichosos) [35]
  2. 2014 - Melhor intérprete (Viradouro) [36][37]
  • Troféu Nota 10
  1. 2017 - Melhor intérprete (Viradouro) [38]
  2. 2018 - Melhor intérprete (Viradouro) [39]
  3. 2020 - Melhor samba-enredo (Mocidade Alegre - "Do Canto das Iabás Renasce Uma Nova Morada")[40]
  • Troféu Sambario
  1. 2020 - Melhor intérprete (Viradouro) [41]
  • Troféu Sambista
  1. 2016 - Melhor intérprete (Viradouro) [42]
  2. 2017 - Melhor intérprete (Viradouro) [43]
  • Troféu Tupi Carnaval Total
  1. 2020 - Melhor intérprete (Viradouro) [44]
  • Troféu Vai Dar Samba
  1. 2018 - Melhor intérprete (Viradouro) [45]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m Adriana Vieira. «Zé Paulo: "Lá vem a escola da emoção! Lá vem a Unidos do Viradouro! No swing, bateria!"». O Batuque. Consultado em 11 de abril de 2013. Arquivado do original em 4 de dezembro de 2013 
  2. EGO. «terá três tenores na avenida». Consultado em 1 de abril de 2013. Arquivado do Mangueira original Verifique valor |url= (ajuda) em 17 de dezembro de 2013 
  3. O Repórter-Carnaval Brasil. «Zé Paulo, um dos três tenores da Mangueira». Consultado em 1 de abril de 2013 
  4. SRZD-Carnaval/SP (26 de março de 2010). «Zé Paulo acerta com a X-9 Paulistana». Consultado em 26 de novembro de 2010 
  5. O Dia na Folia (26 de fevereiro de 2013). «Após quatro anos, Zé Paulo deixa a Mangueira». 15h53. Consultado em 2 de março de 2013 
  6. Alberto João - Carnavalesco (1 de abril de 2013). «Exclusivo: Zé Paulo Sierra é o novo intérprete da Viradouro». 17:41. Consultado em 1 de abril de 2013 
  7. O Dia na Folia (16 de dezembro de 2013). «Confiante, Zé Paulo sonha com retorno da Viradouro ao Grupo Especial». 12:57:18. Consultado em 17 de dezembro de 2013 
  8. Carnavalesco (2 de março de 2023). «Zé Paulo não é mais intérprete da Viradouro». Consultado em 9 de março de 2023 
  9. SRZD (8 de março de 2023). «Zé Paulo Sierra é o novo intérprete da Mocidade Independente». Consultado em 9 de março de 2023 
  10. «Estrela do Carnaval 2014 - Série A». Site Carnavalesco. Consultado em 11 de setembro de 2017. Arquivado do original em 16 de março de 2016 
  11. «Estrela do Carnaval 2016 - Série A». Site Carnavalesco. Consultado em 11 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 7 de agosto de 2016 
  12. «Estrela do Carnaval 2017: Império Serrano vence como desfile do ano». Site Carnavalesco. 28 de fevereiro de 2017. Consultado em 11 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 21 de julho de 2017 
  13. «Mancha Verde vence o Estrela do Carnaval em São Paulo». Carnavalesco. 25 de fevereiro de 2020. Cópia arquivada em 9 de julho de 2020 
  14. Araújo, Felipe (5 de junho de 2014). «Troféu Gato de Prata 2014». Site Marquês da Folia. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 14 de agosto de 2016 
  15. Figueiredo, Rodney (22 de maio de 2016). «Confira os vencedores da 7ª Edição do troféu Gato de Prata». Site Carnaval Carioca. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de setembro de 2017 
  16. «OSK do Samba 2016 – Série A». Site OSK do Samba. Consultado em 23 de maio de 2023. Arquivado do original em 23 de maio de 2023 
  17. «Prêmio Plumas & Paetês 2022». Plumas e Paetês Cultural. 25 de abril de 2022. Consultado em 28 de janeiro de 2023. Arquivado do original em 28 de janeiro de 2023 
  18. «Confira os vencedores do Prêmio Gazeta do Rio Carnaval 2022». Gazeta do Rio de Janeiro. 19 de maio de 2022. Consultado em 21 de maio de 2022. Cópia arquivada em 21 de maio de 2022 
  19. «Confira os vencedores do Prêmio SASP Carnaval 2020». SASP Carnaval. 25 de fevereiro de 2020. Cópia arquivada em 19 de novembro de 2020 
  20. «Prêmio SRzd 2015: São Clemente vence como melhor escola». site SRzd. 17 de fevereiro de 2015. Consultado em 15 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 17 de abril de 2015 
  21. «Prêmio SRZD-Carnaval 2017 - Série A». Site SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 2 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 2 de outubro de 2017 
  22. «Prêmio SRzd Carnaval 2018: Conheça os vencedores da Série A!». SRZD. Consultado em 1 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2021 
  23. «Prêmio SRzd Carnaval 2023: Veja os vencedores do Grupo Especial». SRzd.com. 21 de fevereiro de 2023. Consultado em 7 de abril de 2023. Cópia arquivada em 7 de abril de 2023 
  24. Figueiredo, Rodney (11 de março de 2014). «Confira a relação dos vencedores do Prêmio Ziriguidum 2014». Site Carnaval Carioca. Consultado em 27 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 27 de setembro de 2017 
  25. «Prêmio Ziriguidum 2014». Site Ziriguidum. Consultado em 27 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 6 de março de 2016 
  26. «Prêmio S@mba-Net 2008». Site Sambanet. Consultado em 21 de setembro de 2017. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  27. «Prêmio S@mba-Net 2008». Site Academia do Samba. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 3 de março de 2016 
  28. «Prêmio S@mba-Net 2009». Site Sambanet. Consultado em 21 de setembro de 2017. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  29. «Prêmio S@mba-Net 2009». Academia do Samba. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 3 de março de 2016 
  30. «Prêmio S@mba-Net 2014». Site Sambanet. Consultado em 21 de setembro de 2017. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  31. «Mangueira é campeã do Tamborim de Ouro 2019». O Dia. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 2 de abril de 2019 
  32. Silva, Fábio (6 de junho de 2008). «Radialista Arnaldo Lyrio entrega hoje o Troféu "Andarilho do Samba", aos melhores do Carnaval 2008». Galeria do Samba. Consultado em 15 de junho de 2023. Cópia arquivada em 15 de junho de 2023 
  33. «Troféu Explosão in Samba 2019». Revista Explosão in Samba. Consultado em 8 de abril de 2023. Arquivado do original em 8 de abril de 2023 
  34. «Troféu Explosão in Samba 2023». Revista Explosão in Samba. Consultado em 8 de abril de 2023. Arquivado do original em 8 de abril de 2023 
  35. «Troféu Jorge Lafond 2008». Academia do Samba. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2015 
  36. «Troféu Jorge Lafond será entregue sábado (24/5) na quadra da Cubango». O Globo. 22 de maio de 2014. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 21 de setembro de 2017 
  37. «Cubango anunciará enredo na festa do Troféu Jorge Lafond». Site Rádio Arquibancada. 22 de maio de 2014. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 21 de setembro de 2017 
  38. «Troféu Nota 10 2017». O Dia. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de setembro de 2017 
  39. «Festa para os melhores do Carnaval - Entrega do Tamborim de Ouro e Troféu Nota 10 vai reunir bambas amanhã, na Feira de São Cristóvão». O Dia. Consultado em 1 de junho de 2019. Cópia arquivada em 5 de abril de 2018 
  40. «Mocidade é a grande vencedora do Troféu Nota 10; confira a relação completa». iG. 25 de fevereiro de 2020. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2020 
  41. «Troféu Sambario 2020». Sambario. Consultado em 8 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 20 de janeiro de 2021 
  42. «Troféu Sambista 2016». Site Carnaval Carioca. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 30 de junho de 2016 
  43. «Troféu Sambista 2017». Site Carnaval Carioca. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de setembro de 2017 
  44. Vinicius, Marcus (7 de setembro de 2020). «Zé Paulo Sierra, da Viradouro, recebe Troféu de melhor intérprete». Super Rádio Tupi. Consultado em 20 de maio de 2023. Cópia arquivada em 20 de maio de 2023 
  45. «Troféu Vai Dar Samba realiza sua primeira edição dia 31 de julho». Carnavalizados. 11 de julho de 2018. Cópia arquivada em 29 de agosto de 2023 
Ícone de esboço Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.