Zazie dans le métro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Zazie dans le métro
Zazie no Metro (PRT)
Zazie no Metrô (BRA)
 França
1958 •  cor •  89 min 
Direção Louis Malle
Produção Nouvelles Éditions de Films
Roteiro Louis Malle, Jean-Paul Rappeneau
Elenco Catherine Demongeot, Philippe Noiret, Carla Marlier, Vittorio Caprioli
Género comédia
Música André Pontin e Fiorenzo Carpi
Direção de fotografia Henri Raichi
Edição Kenout Peltier
Idioma francês
Cronologia
Os Amantes
Vida Privada

Zazie dans le métro (em italiano: Zazie nel metrò; no Brasil, Zazie no Metrô; em Portugal, Zazie no Metro)[1][2] é um filme franco-italiano de 1960, uma comédia dirigida por Louis Malle, adaptação do romance homônimo do poeta e escritor francês Raymond Queneau.

Fugindo às polêmicas que marcaram as suas duas primeiras obras - Ascensor para o cadafalso (1957) e Os Amantes (1958) -, em Zazie, Malle dirige uma comédia leve e divertida, ao mesmo tempo satírica do modo de vida parisiense da época.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Zazie é uma garota do interior da França. Ela tem a chance de conhecer Paris pela primeira vez, passando dois dias na capital francesa. Hospedada na casa de seu pouco convencional tio Gabriel, a pequena Zazie cultiva um sonho: andar de metrô. Mas uma greve dos metroviários frustra seu plano. No táxi de Charles, um amigo de seu tio, ela inicia seu contato (e suas aventuras) pela cidade-luz.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Zazie no Metrô - Interfilmes
  2. Zazie no Metro - Cinema.SAPO.pt

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Applications-multimedia.svg A Wikipédia tem o