Zugdidi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2018). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Zugdidi
ზუგდიდი
No sentido horário, igreja em Zugdidi; Palácio de Dadiani; brasão do príncipe Dadianov; edifício moderno em Zugdidi; busto de Zviad Gamsakhurdia; e Jardim Botânico de Zugdidi.
No sentido horário, igreja em Zugdidi; Palácio de Dadiani; brasão do príncipe Dadianov; edifício moderno em Zugdidi; busto de Zviad Gamsakhurdia; e Jardim Botânico de Zugdidi.
Zugdidiზუგდიდი está localizado em: Geórgia
Zugdidi
ზუგდიდი
Localização de Zugdidi na Geórgia.
Coordenadas 42° 30' N 41° 51' E
País  Geórgia
Mkhare Mingrélia-Alta Suanécia
População (2007)
 - Total 75,900
Fuso horário Fuso da Geórgia (UTC+4)

Zugdidi (em georgiano: ზუგდიდი; em mingrélio: ზუგიდი, literalmente "monte grande") é uma cidade no oeste da província histórica de Mingrélia, na Geórgia. Localiza-se a 318 quilômetros a oeste da capital do país, Tbilisi, a 30 quilômetros do litoral do Mar Negro e a 30 da cadeia de montanhas de Egrisi. Situada a 100-110 metros acima do nível do mar, tinham em 2007, uma população de 75.900 habitantes. Zugdidi é a capital da região de Mingrélia-Alta Suanécia, que reúne as regiões históricas da Mingrélia e Suanécia.

O nome "Zugdidi" significa "monte grande/alto" no idioma laz-mingrélio (cólquida). Entre os marcos arquitetônicos da cidade estão o Palácio da Rainha e o Palácio de Niko (atualmente abrigando os museus do Palácio de Dadiani), ambos do século XIX, e as igrejas da Virgem de Blaquernas (1825-30) e de Mantskhvar-kari (séculos X-XIV). Também existe na cidade um antigo jardim botânico (Jardim da Rainha) e o bulevar da cidade.

Historicamente, Zugdidi foi a capital do principado da Mingrélia (Odishi) até 1867, quando o principado foi abolido pelo Império Russo. Em 1993 o primeiro presidente da Geórgia, Zviad Gamsakhurdia, estabeleceu na cidade um governo paralelo ao de Eduard Shevardnadze, então presidente do país.

Uma máscara mortuária de Napoleão encontra-se em exibição no Museu do Palácio de Dadiani, em Zugdidi; o acervo do museu também contém um sudário atribuído a Maria, mãe de Jesus.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Em 2014, sua população era de 42.998 pessoas.[1]

Referências

  1. «2014 General Population Census Main Results General Information» (PDF). National Statistics Office of Georgia. Consultado em 2 de maio de 2016. 
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Zugdidi».


Ícone de esboço Este artigo sobre a Geórgia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.