Pariconha

From Wikipédia
Jump to navigation Jump to search
Pariconha
  Município do Brasil  
Hino
Gentílico pariconhense
Localização
Localização de Pariconha em Alagoas
Localização de Pariconha em Alagoas
Mapa de Pariconha
Coordenadas 9° 15' 14" S 38° 0' 21" O
País Brasil
Unidade federativa Alagoas
Municípios limítrofes Tacaratu (ao Norte), Água Branca (à leste), Delmiro Gouveia (ao sul) e Paulo Afonso (à oeste)
Distância até a capital 354 km
História
Fundação 1992
Aniversário 7 de abril
Administração
Prefeito(a) Fabiano Ribeiro de Santana (PP, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 260,858 km²
População total (IBGE/2010[2]) 10 246 hab.
Densidade 39,3 hab./km²
Clima Semiárido seco
Altitude 360 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2003[3]) 0,651 médio
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 30 453,398 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 2 898,94
Outras informações
Padroeiro(a) Sagrado Coração de Jesus

Pariconha é um município brasileiro do estado de Alagoas. Sua população estimada em 2004 era de 10.949 habitantes.

História[edit | edit source]

Localizada no sertão alagoano, Pariconha tem sua história iniciada no início do século XIX, quando as famílias Teodósios, Vieira, Viana e Félix iniciaram sua povoação, estabelecendo-se com a agricultura e a pecuária, principalmente com a criação de animais de pequeno porte.: Fixando-se numa localidade denominada "Povoado Caraibeiras dos Teodósios", às margens do rio Moxotó, a família Teodósios até hoje tem lá seus descendentes. Já o restante das famílias colonizadoras da região se estabeleceram no local onde hoje está a sede do município.: Cerca de vinte anos após a chegada desses primeiros colonizadores, um grupo de tribo de índios Geripancós, originários do município de Tacaratu, em Pernambuco, instalou uma aldeia na serra do Ouricuri, nas proximidades da atual cidade. O Distrito Judiciário de Pariconha e ser Cartório de Registro Civil foram criados pela Lei 2.240, de 1° de maio de 1962, embora este último só tenha sido instalado dez anos depois. Pertencente ao município de Água Branca, a comunidade passou à condição de município em 5 de outubro de 1989 pela Constituição Estadual, quando foi desmembrado de Água Branca, tendo sua emancipação realizada em 7 de abril de 1992.

Nome[edit | edit source]

Segundo conta a história, no local onde cresceu a cidade havia um ouricuzeiro cujos frutos continham duas conhas como eram chamadas as polpas desse fruto, que popularmente ficou conhecido como "par de conhas" e, com o tempo, houve uma junção que derivou o nome Pariconha.

O município de Pariconha comemorou a elevação da paróquia do Sagrado Coração de Jesus à condição de matriz, após sessenta anos de espera. Com isso foi instalada uma secretaria que facilitará a marcação de casamentos, que até então era realizada pelo município de Água Branca. A festa do Padroeiro Sagrado Coração de Jesus é uma das grandes festas culturais do município, comemorada em novembro.

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externas[edit | edit source]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Alagoas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.