Comité de Karabakh

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Comité de Karabakh foi um grupo de intelectuais arménios reconhecido por muitos arménios como os seus líderes de facto no final da década de 1980.[1]

O Comité foi formado em 1988 com o objectivo declarado de unificar Nagorno-Karabakh com a Arménia. Presos pelas autoridades da União Soviética a 11 de Dezembro de 1988, os líderes do Comité foram libertados a 31 de Maio de 1989[2] para formar o Movimento Nacional Arménio.

Líderes[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre História da Armênia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.