Figuras de autoridade na luta livre profissional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Gerente geral)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2016). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Esta lista reúne figuras de autoridade - pessoas que detêm poder em televisão - em promoções de luta livre profissional ou programas na América do Norte. A indústria norte-americana de luta livre profissional retrata figuras de autoridade como responsável por marcar lutas, estabelecer regras e geralmente manter a lei e a ordem dentro e fora do ringue. O papel pode variar de acordo com a disposição. Uma figura de autoridade favorita dos fãs, como por exemplo Theodore Long, tende a dar o que os fãs querem e favorece companheiros mocinhos. Figuras de autoridade vilãs tendem a executar seus shows a partir seu próprio interesse, como Eric Bischoff.

Índice

Figuras de autoridade na WWE[editar | editar código-fonte]

Desde a sua fundação em 1963 até 1997, a WWE tinha um presidente como uma figura de autoridade: o presidente tinha poder e controlava todos os lutadores. No entanto, em 1997, o Comissário substituiu o presidente, com Sgt. Slaughter servindo como o primeiro comissário da WWE. Durante a Attitude Era (1997-2002), não só o Comissário, mas também Vince McMahon (através de sua posição como presidente da WWE sob o seu personagem vilão "Mr. McMahon") tinha poder. McMahon normalmente usava-o a fim de prejudicar seu rival, Stone Cold Steve Austin. Quando Shawn Michaels serviu como comissário, ele poderia sobrepor McMahon, mas ele exerceu seu poder apenas esporadicamente, e estava trabalhando com um contrato "rígido" onde ele não poderia ser demitido. Quando Mick Foley adquiriu a posição, ele tomou pleno poder até que ele foi demitido do cargo.

Após a divisão da WWE em duas marcas separadas na extensão de marcas de 2002, os co-proprietários em televisão Vince McMahon e Ric Flair separaram os lutadores da WWE em dois planteis separados. Flair tomou posse do Raw, enquanto McMahon controlava o SmackDown. Após McMahon recuperar o controle de toda a empresa, ele removeu Flair do controle do Raw, renunciou a sua própria posição e designou gerentes gerais separados para controlar as marcas.

Em 18 de julho de 2011, Triple H informou a Vince McMahon que o Conselho de Administração (na história) tinha revogado seu "poder de operação dia-a-dia" e nomeou-o para gerenciá-lo em seu lugar.[1] Depois disso, Triple H tornou-se COO da WWE e exercia poder em ambos Raw e SmackDown até que o Conselho retirou-lhe do cargo e nomeou John Laurinaitis como gerente geral provisório do Raw.

Presidentes e comissários[editar | editar código-fonte]

  • Willie Gilzenberg, Presidente da WWF (1963 - 15 novembro de 1978)
  • Hisashi Shinma, Presidente da WWF (1978 - 1984)
  • Jack Tunney, Presidente da WWF (Setembro 1984 - 12 julho de 1995)
  • Gorilla Monsoon, Presidente da WWF (12 de julho de 1995 - 3 de agosto de 1997; Presidente interino de 12 de julho de 1995 a 31 de março de 1996)
  • Roddy Piper, Presidente interino da WWF (1996; substituiu Gorilla Monsoon enquanto ele estava lesionado)
  • Sgt. Slaughter, Presidente da WWF (4 de agosto de 1997 - 23 de novembro de 1998)
  • Shawn Michaels, Comissionário da WWF (23 de novembro de 1998 - 15 de maio de 2000)
  • Mick Foley, Comissionário da WWF1 (26 de junho de 2000 - 18 de dezembro de 2000)
    • Debra, Tenente do comissionário da WWF (30 de outubro de 2000 - 5 de março de 2001)
  • Mick Foley, Comissionário da WWF1 (11 de outubro de 2001 - 19 de novembro de 2001)
  • William Regal, Comissionário da WWF (8 de março de 2001 - 11 de outubro de 2001)

1 Enquanto Mick Foley foi Comissário em 2000, ele era a autoridade máxima na televisão, substituindo todos os outros.

Oficiais corporativos[editar | editar código-fonte]

A partir de 1996, os papéis corporativos de Vince McMahon e sua esposa Linda foram gradualmente reconhecidos em programas da WWF e foram posteriormente incluídos em histórias. A lista a seguir dá o desenvolvimento dos oficiais corporativos, como retratado em histórias e não devem ser confundidos com os seus homólogos na estrutura real na WWE, Inc. e os seus antecessores.

  • Vince McMahon, Titan Sports/WWF/WWE, Inc. Presidente do Conselho (desde 1980, reconhecido pela primeira vez em 1996)
  • Linda McMahon, WWF, Inc. Chief Executive Officer (1994 - 7 junho de 1999)1
  • Stone Cold Steve Austin, Chief Executive Officer (7 de junho de 1999 - 27 de junho de 1999)2
  • Vince McMahon, Chief Executive Officer (27 de Junho de 1999 - 16 de setembro de 2009)
  • Linda McMahon, Chief Executive Officer (2 de setembro de 1999 - 16 de setembro de 2009)3
  • Vince McMahon, Chief Executive Officer (16 de setembro de 2009 - presente)4
  • Triple H, Chief Operating Officer (18 de julho de 2011 - presente)
    • Theodore Long, Assistant do COO (5 setembro - 10 outubro de 2011)5
    • Kane, diretor de operações (28 de outubro de 2013 - 15 de abril de 2014; 11 agosto - 25 outubro de 2015)

1 Na vida real, Linda McMahon atuou no conselho de administração para a empresa-mãe da WWF desde 1980; Vince McMahon a nomeou para o cargo de CEO em 1994, durante o escândalo de esteroides da WWF.

2 CEO apresentado (na história) por Linda McMahon; posteriormente perdeu sua posição de volta para Mr. McMahon em uma luta de escadas no King of the Ring.

3Linda McMahon ganhou o controle depois que seu marido Vince McMahon foi impedido de aparecer na televisão após o Fully Loaded.

4 Triple H retirou Vince McMahon de suas funções operativas e tornou-se Diretor de Operações (COO). Vince McMahon, porém, permaneceu presidente e, ocasionalmente, apareceu como tal nos programas da WWE.

5 Theodore Long anunciou que Triple H lhe tinha dado o poder de marcar lutas no Raw quando necessário. Isto terminou quando John Laurinaitis se tornouno gerente geral provisório do Raw.[2]

Autoridades do Raw[editar | editar código-fonte]

Fundador[editar | editar código-fonte]

Proprietário[editar | editar código-fonte]

  • Ric Flair (18 de março de 2002 - 10 de junho de 2002)
  • Vince McMahon (10 de junho de 2002 - 15 de junho de 2009), (22 de junho de 2009 - presente)
  • Donald Trump (15 de junho de 2009 - 22 de junho de 2009)

Comissário[editar | editar código-fonte]

Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]

  • Eric Bischoff (15 de julho de 2002 - 10 de fevereiro de 2003)1, (10 de fevereiro de 2003 - 5 de dezembro de 2005), (6 de novembro de 2006)
    • Chief MorleyChefe de Gabinete (25 de novembro de 2002 - 10 de fevereiro de 2003), (17 de Fevereiro de 2003 - 5 de maio de 2003)
    • Steve AustinXerife (29 de dezembro de 2003 - 17 de abril de 2004)
  • Steve Austin (29 de abril de 2003 - 16 de novembro de 2003)2
  • Mick Foley (1 dezembro de 2003 - 15 de dezembro de 2003)2
  • Vince McMahonGerente Geral Interino (12 de dezembro de 2005 - 11 de junho de 2007)
    • Jonathan CoachmanAssistente Executivo (29 de maio de 2006 - 11 de junho de 20077)
  • Jonathan CoachmanGerente Geral Interino/em ação (11 de junho de 2007 - 6 de agosto de 2007), (3 de setembro de 2007 - 1 de outubro de 2007)
  • William Regal (6 de agosto de 2007 - 19 de maio de 2008)
    • Jonathan CoachmanAssistente Executivo (6 de agosto de 2007 - 4 de janeiro de 2008)
  • Mike Adamle (28 de Julho de 2008 - 3 de novembro de 2008)
  • Shane McMahon (3 de novembro de 2008 - 24 de novembro de 2008)
  • Stephanie McMahon (24 de Novembro de 2008 - 6 de abril de 2009)
  • Vickie Guerrero (6 de abril de 2009 - 8 de junho de 2009)3
  • Vickie Guerrero (10 de maio de 2010)
  • Bret Hart (24 de Maio de 2010 - 21 de junho de 2010)
  • Gerente geral anônimo (Hornswoggle) (21 de junho de 2010 - 18 de julho de 2011)4
    • Michael ColeO porta-voz do gerente geral anônimo (21 de Junho de 2010 - 18 de julho de 2011)
  • Triple H (Contratado como COO em 18 de Julho de 2011; posição Dada posição como GM juntamente com o trabalho como COO) (25 de Julho de 2011 - 10 de outubro de 2011)
  • John Laurinaitis (10 de outubro de 2011 - 17 de junho de 2012)5
    • David OtungaConsultor jurídico (10 de outubro de 2011 - 17 de junho de 2012)
    • Theodore LongAssistente do Gerente Geral (3 de Abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
    • Eve TorresAdministradora Executiva (23 de abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
  • AJ Lee (23 de julho de 2012 - 22 de outubro de 2012)[3]
  • Vickie GuerreroSupervisora de gerenciamento (22 de Outubro de 2012 - 8 de julho de 2013)6
    • Brad MaddoxAssistente da supervisora de gerenciamento (18 de fevereiro de 2013 - 8 de julho de 2013)
  • Brad Maddox (8 de julho de 2013 - 26 de maio de 2014)
  • Daniel Bryan Gerente Geral Provisório (24 de novembro de 2014)
  • Gerente geral anônimo Gerente Geral Provisório (1 de dezembro de 2014)7
  • Shane McMahon (4 de abril de 2016 - 11 de julho de 2016)
  • Stephanie McMahon (Maio de 2016 - 11 de julho de 2016)
Notas

1 Bischoff foi brevemente demitido do cargo de gerente geral em 10 de fevereiro de 2003. Ele seria recontratado por Vince McMahon mais tarde naquela noite.

2 Austin e Foley serviram como co-gerentes gerais com Bischoff durante seus respectivos mandatos em 2003.

3 Em 23 de fevereiro de 2009, o Conselho de Administração nomeou Vickie Guerrero o Gerente Geral Provisório quando Stephanie McMahon tomou uma licença de ausência. Ela se tornou GM permanente em 6 de abril de 2009.

4Em 18 de julho de 2011, quando Triple H tornou-se Vice-Presidente Executivo da WWE, o Gerente de Anônimo Geral não tinha aparecido e continuou dando ordens até o Hell in a Cell em 2 de outubro de 2011. No entanto, em 9 de julho de 2012, foi finalmente revelado que Hornswoggle era o Gerente Geral anônimo do Raw.[4]

5 Em 10 de outubro de 2011, Vince McMahon voltou ao Raw e anunciou que Triple H foi demitido de suas funções pelo Conselho de Administração e que John Laurainatis foi nomeado Gerente Geral interino. Ele tornou-se Gerente Geral permanente em 1 de abril de 2012.

6Foi dado a Vickie Guerrero o cargo de Supervisora Administrativa, quando ela recuperou o controle do Raw em 22 de outubro de 2012. Foi demitida no dia 8 de julho de 2013 por Vince McMahon, Triple H e Stephanie McMahon, sendo substituída por Brad Maddox.

7 No final do Raw de 24 de novembro de 2014, foi anunciado que haveria um novo gerente geral para a próxima semana, que preferiu manter o anonimato.

8 Em 2016, Mr. McMahon deu a Shane McMahon controle temporário do Raw até o WWE Payback, quando ele anunciou que tanto Shane e Stephanie controlariam o programa.

Autoridades do SmackDown[editar | editar código-fonte]

Fundador[editar | editar código-fonte]

Proprietário[editar | editar código-fonte]

  • Vince McMahon (18 de março de 2002 - Presente)
    • Stacy KeiblerAssistente pessoal (11 de abril de 2002 - 12 de agosto de 2002)
    • Dawn MarieAssistente jurídico (30 de maio de 2002 - 26 de setembro de 2002)

Comissário[editar | editar código-fonte]

Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]

  • Stephanie McMahon (18 de julho de 2002 - 19 de outubro de 2003)
  • Paul Heyman (23 de outubro de 2003 - 22 de março de 2004)
  • Kurt Angle (25 de março de 2004 - 22 de julho de 2004)
  • Theodore Long (29 de julho de 2004 - 21 de setembro de 2007)
    • Palmer CanonExecutivo da rede (25 de agosto de 2005 - 27 de abril de 2006)
    • Vickie GuerreroAssistente de Gerente Geral (18 de maio de 2007 - 21 de setembro de 2007)
  • Vickie Guerrero (28 de setembro de 2007 - 6 de abril de 2009)
    • Theodore LongAssistente de Gerente Geral (30 de novembro de 2007 - 16 de maio de 2008)
  • Theodore Long (7 de Abril de 2009 - 1 de abril de 2012)
    • Vickie GuerreroConsultora Oficial (20 de Novembro de 2009 - 25 de fevereiro de 2011)
    • Zack RyderAssistente do Gerente Geral (29 de julho de 2011 - 06 de janeiro de 2012)
    • Santino MarellaAssistente do Gerente Geral (6 de janeiro de 2012 - 1 de abril de 2012)
  • John Laurinaitis (1 de abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
    • David OtungaAssessor Jurídico (1 de abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
    • Theodore LongAssistente do Gerente Geral (3 de abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
    • Eve TorresAdministradora Executiva (23 de abril de 2012 - 17 de junho de 2012)
  • Booker T (31 de julho de 2012 - 19 de julho de 2013)
    • Theodore LongConselheiro Sênior para o gerente geral (31 de Julho de 2012 - 19 de julho de 2013)
    • Eve TorresAssistente do Gerente Geral (17 agosto de 2012 - 14 de janeiro de 2013)
  • Vickie Guerrero – (19 de julho de 2013 - 23 de junho de 2014)
  • Daniel Bryan – (18 de julho de 2016 - presente)

Figuras de autoridade do NXT[editar | editar código-fonte]

Fundador[editar | editar código-fonte]

Chief Operating Officer[editar | editar código-fonte]

  • Vince McMahon (23 de fevereiro de 2010 - 18 de julho de 2011)
  • Triple H (18 de Julho de 2011 - Presente)

Proprietário[editar | editar código-fonte]

Anfitrião[editar | editar código-fonte]

  • Matt Striker (23 de fevereiro de 2010 - 13 de junho de 2012)
    • Ashley Valence – Co-anfitriã (22 de junho de 2010 - 31 de agosto de 2010)
    • MaryseCo-anfitriã (8 de março de 2011 - 24 de agosto de 2011)

Coordenador de lutas[editar | editar código-fonte]

Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]

Programas extintos[editar | editar código-fonte]

Autoridades do Saturday Morning Slam[editar | editar código-fonte]

Fundador[editar | editar código-fonte]
Proprietário[editar | editar código-fonte]
Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]
  • Mick Foley (16 de março de 2013 - 11 de maio de 2013)

Autoridades da ECW[editar | editar código-fonte]

Fundador[editar | editar código-fonte]
Proprietário[editar | editar código-fonte]
Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]
  • Paul Heyman (sob o título de Representante da ECW) (7 de junho de 2006 - 4 de dezembro de 2006)
  • Armando Estrada (14 de agosto de 2007 - 3 de junho de 2008)
  • Theodore Long (3 de Junho de 2008 - 7 de abril de 2009)
    • TiffanyAssistente de Gerente Geral (10 de Junho de 2008 - 7 de abril de 2009)
  • Tiffany (30 de junho de 2009 - 16 de fevereiro de 2010) 1

1 Em 7 de abril de 2009, o Conselho de Administração nomeou Tiffany gerente geral interina, quando Theodore Long anunciou seu retorno ao SmackDown como gerente geral depois da nomeação de Vickie Guerrero como gerente geral do Raw. Ela tornou-se gerente geral permanente no dia 30 de junho de 2009.

Figuras de autoridade na TNA Wrestling[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Total Nonstop Action Wrestling

Director de Autoridade[editar | editar código-fonte]

O Diretor de Autoridade operava como a figura de autoridade na televisão para a empresa

  • Erik Watts (23 de julho de 2003 - 28 de janeiro de 2004)
  • Don Callis (28 de Janeiro de 2004 - 4 de fevereiro de 2004)
  • Jeff Jarrett (11 de fevereiro de 2004 - 18 de fevereiro de 2004)
  • Vince Russo (18 de fevereiro de 2004 - 7 de novembro de 2004)
  • Dusty Rhodes ((7 de novembro de 2004 - 17 de junho de 2005)

Comissão da NWA Championship[editar | editar código-fonte]

TNA Wrestling também manteve uma comissão para campeonato - criada em 2004 para ajudar o Diretor de Autoridade a marcar lutas e manter candidatos em ordem. Os membros do Comitê também serviam como jurados convidados para o TNA Impact! quando transmitido pela Fox Sports Net, como todos os combates tinham um limite de tempo e se o tempo passasse, um juiz tinha que fazer a chamada sobre quem tinha ganho. Em junho de 2005, a comissão foi descontinuada e apenas Larry Zbyszko fez aparições para a empresa.

A comissão consistia em:

  • Dusty Rhodes (fundador, membro original, novembro de 2004 - Junho de 2005)
  • Harley Race (membro original, Novembro de 2004 - Junho de 2005)
  • Terry Funk (membro original, Novembro de 2004 - Março de 2005)
    • Funk nunca apareceu em televisão na TNA
  • Roddy Piper (substituto para Funk, Março de 2005 - Junho de 2005)
  • Larry Zbyszko (membro original, Novembro de 2004 - Junho de 2005)

Diretor de Gestão[editar | editar código-fonte]

  • Jim Cornette (16 de julho de 2006 - 21 de maio de 2009)
    • Matt MorganGuarda costas / Executor (9 de agosto de 2007 - 10 de abril de 2008)

Presidente[editar | editar código-fonte]

  • Jerry Jarrett (2002 – 2004)
  • Jeff Jarrett (2004 – 2009)
  • Dixie Carter (19 de abril de 2009 - 14 de outubro de 2010), (25 novembro de 2010 - 3 de março de 2011), (16 de outubro de 2011 - Presente) 1
    • Hulk HoganParceiro de direção (4 de janeiro de 2010 - 14 de outubro de 2010)
    • Rockstar SpudChefe de Gabinete (22 de novembro de 2013 - 9 de março de 2014)
  • Hulk Hogan – (14 de outubro de 2010 - 25 de novembro de 2010), (3 de março de 2011 - 16 de outubro de 2011)2
    • Mick FoleyConsultor de rede (3 de maio de 2011 - 02 de junho de 2011)

1 Dixie Carter tem sido legitimamente Presidente da TNA desde 2003, após a Panda Energy International tornar-se acionista majoritário da TNA. No entanto, Jerry Jarrett continuou aparecer até 2003 como presidente e Jeff Jarrett foi reconhecido na tela a partir de 2004 até 2009, quando Dixie começou a ter o papel na tela.

2Hulk Hogan foi (na história) presidente de outubro de 2010 a outubro de 2011, depois de Carter ceder inconscientemente seu poder a ele em um contrato. Carter foi re-estabelecida como presidente na tela depois de Sting derrotar Hogan no Bound For Glory.

Vice-Presidente[editar | editar código-fonte]

Executivo em televisão[editar | editar código-fonte]

Gerente Geral (GM)[editar | editar código-fonte]

  • Sting (20 de outubro de 2011 - 22 de março de 2012)
  • Hulk Hogan (29 de março de 2012 - 3 de outubro de 2013)
  • Bully Ray (15 de julho de 2015 - 5 de agosto de 2015)
  • Jeff Jarrett (12 de agosto de 2015 - 16 de setembro de 2015)
  • Ethan Carter III (8 de julho de 2015 - 31 de maio de 2016)

Investidor da TNA[editar | editar código-fonte]

  • MVP (30 de janeiro de 2014 - 26 de junho de 2014)1

1 MVP foi também o Diretor de Operações de wrestling, mas perdeu sua posição em 26 de junho de 2014. O enredo de investidores foi abandonado depois disso.

Diretor de Operações de wrestling[editar | editar código-fonte]

  • MVP (9 de março de 2014 - 26 de junho de 2014) 1
  • Kurt Angle (26 de junho de 2014 - 7 de janeiro de 2015) 2

1 Como resultado de uma luta Lethal Lockdown no Lockdown, MVP, em parte, assumiu o controle da TNA como o (na história) Diretor de Operações de Wrestling.

2Como resultado de uma decisão tomada pelo conselho de administração da TNA, em 20 de junho de 2014 (exibido em 26 de junho de 2014), MVP foi destituído de seu título executivo, com Kurt Angle anunciado como substituto de MVP como o Diretor executivo de Operações de Wrestling.

Figuras de autoridade das knockouts[editar | editar código-fonte]

  • Traci BrooksComissária das Knockouts (28 agosto de 2008 - Janeiro de 2009)
  • Ms. TessmacherGerente Geral (20 de setembro de 2010 - 14 de outubro de 2010)
  • Karen JarrettVice-Presidente Executiva (1 de Setembro de 2011 - 15 de dezembro de 2011)
    • Traci BrooksAssistente Executiva (1 de setembro de 2011 - 15 de dezembro de 2011))
  • Brooke HoganVice-Presidente das Knockouts (31 de maio de 2012 - 16 de agosto de 2013)
  • Maria Kanellis - Líder das Knockouts (19 de abril de 2016 - Presente)
    • Allie - Aprendiz (Maio de 2016 - Presente)
      • Sienna - Guarda costas / Executor (Maio de 2016 - Presente)
Comissário do Xplosion[editar | editar código-fonte]

Produtor Executivo[editar | editar código-fonte]

  • Eric Bischoff (4 janeiro de 2010 - 16 de outubro de 2011)
    • Ms. TessmacherAssistente Executiva (28 abril de 2010 - 20 de setembro de 2010)

Representante do Conselho de Administração da TNA[editar | editar código-fonte]

  • Earl Sullivan Armstrong (26 de junho de 2014) 1

1Fez o anúncio no Impact Wrestling de 26 de junho de 2014 que MVP foi destituído de seu título como Diretor de Operações de Wrestling, então, mais tarde, anunciou Kurt Angle como substituto de MVP.

Figuras de autoridade da Ring of Honor[editar | editar código-fonte]

Ver também: Ring of Honor
  • Rob Feinstein – Fundador
  • Cary Silkin – Proprietário (23 de fevereiro de 2002 - 21 de maio de 2011)
  • Gabe SapolskyChefe de Relações de Talentos (23 de fevereiro de 2002 - 26 de outubro de 2008)
  • Jim CornetteComissário (2 de outubro de 2005 - 4 de novembro de 2006)
  • Ric FlairEmbaixador (5 de abril de 2009 - 30 maio de 2009)
  • Jim Cornette – Produtor Executivo (26 de setembro de 2009 - 13 de outubro de 2012)
  • Joe Koff – ROH Chief Operating Officer (21 de maio de 2011 - presente)
  • Nigel McGuinnessCoordenador de lutas (3 de novembro de 2012 - presente)

Figuras de autoridade da International Wrestling Association[editar | editar código-fonte]

  • Savio Vega, Gerente Geral (2001–2006)
  • Orlando Toledo, Gerente Geral (2006 – 2010)
  • Joe Bravo, Gerente Geral (2010)

Figuras de autoridade da World Championship Wrestling[editar | editar código-fonte]

Ted Turner comprou a Jim Crockett Promotions e lançou a World Championship Wrestling em 1988. A empresa passou por uma série de Vice-Presidentes e escritores, que vão desde aqueles com pouca experiência em wrestling aos envolvidos nos velhos métodos territoriais de promoção, até que Eric Bischoff assumiu o controle em 1994. Seu mandato viu a criação do WCW Monday Nitro, o início das Monday Night Wars e a formação da New World Order. Após a queda na audiência Bischoff foi deposto em 1999, e o ex-escritor da WWF Vince Russo foi contratado em uma tentativa de salvar a empresa. A WCW foi comprada pela WWF em março de 2001, no entanto, a empresa foi destaque na televisão da WWF como parte da invasão durante o restante do ano.

Proprietário[editar | editar código-fonte]

1Shane McMahon comprou a WCW como parte da história da Invasão com os direitos de propriedade, na verdade, pertencendo ao presidente da WWE Vince McMahon.

Vice-Presidente Executivo[editar | editar código-fonte]

Presidente[editar | editar código-fonte]

1 Flair tornou-se presidente na televisão depois de derrotar Eric Bischoff em uma luta no Nitro.

2 Sting se tornou presidente na tela depois de derrotar Ric Flair em uma luta no Nitro, em seguida, várias semanas mais tarde, deu a posição para a WCW nomear um novo presidente.

Comissário[editar | editar código-fonte]

  • Nick Bockwinkel (27 de janeiro de 1994 - 18 de junho de 1995)
  • J.J. Dillon (21 de abril de 1997 - 25 de outubro de 1999)
  • Roddy Piper (8 de setembro de 1997 - 2000)
  • Terry Funk (3 janeiro de 2000 - 16 de janeiro de 2000)
  • Kevin Nash (16 de Janeiro de 2000 - 10 de abril de 2000)
    • Jeff Jarrett - Comissário Interino/em exercício (31 de janeiro de 2000 - 9 de fevereiro de 2000)
  • Ernest Miller (31 de maio de 2000 - 29 de outubro de 2000), (14 de janeiro de 2001 - 12 de fevereiro de 2001), (18 de fevereiro de 2001 - 26 de fevereiro de 2001)
  • Mike Sanders (29 de outubro de 2000 - 14 de janeiro de 2001)
  • Lance Storm (12 de fevereiro de 2001 - 18 de fevereiro de 2001)
  • William Regal (15 de outubro de 2001 - 18 de novembro de 2001)1

1Regal serviu como Comissário da Alliance durante a história da Invasão.

Os detentores do poder[editar | editar código-fonte]

1 Ao chegar na WCW, Russo e Ferrara foram introduzidos como "Os detentores do poder", uma misteriosa presença na tela que controlava a empresa.

Líderes do New Blood[editar | editar código-fonte]

1 Bischoff voltou a WCW como uma figura de autoridade não especificada em 10 de abril de 2000, e ao lado de Vince Russo assumiu o controle da empresa como os líderes do grupo The New Blood.

Figuras de autoridade na Extreme Championship Wrestling[editar | editar código-fonte]

  • Tod GordonProprietário (1992 – 1996)
  • Paul HeymanProprietário (1996 – 2001)
    • Cyrus - Representante da The Network (1999 - 2001)
  • Stephanie McMahonProprietário (9 de julho de 2001 - 18 de novembro de 2001)1
  • Vince McMahonProprietário (18 de novembro de 2001 - presente)

1 Stephanie McMahon comprou a ECW como parte da história da Invasão com os direitos de propriedade, na verdade, pertencendo ao presidente da WWE Vince McMahon.

Figuras de autoridade da Chikara[editar | editar código-fonte]

Ver também: Chikara

Fundador[editar | editar código-fonte]

Proprietário[editar | editar código-fonte]

  • The Titor Conglomerate (na história) (2010 - 2013)
  • Robbie Ellis (na história) (2014 - Presente)

Comissário[editar | editar código-fonte]

Director of Fun[editar | editar código-fonte]

  • Leonard F. Chikarason (2005 - 2009)
  • Dieter VonSteigerwalt (2009 - 2010)
  • Wink Vavasseur (2010 - 2013)
  • Mike Quackenbush (2014 - Presente)
    • Bryce Remsburg - Director of Fun em exercício/Interino (2016)

Outras posições[editar | editar código-fonte]

  • Cavalier JonesMembro do Conselho de Administração da Chikara (2004)
  • Wink Vavasseur – Auditor Executivo do Conselho de Administração (2010 - 2013)
  • Jakob Hammermeier – King of Chikara (não oficial) (2016 - Presente)

Referências

  1. http://www.wwe.com/shows/raw/2011-07-18/mcmahon-relieved-of-duties "Game" changer for McMahon
  2. http://www.wrestlingnewsworld.com/wwe-news/wwe-raw-results-9-5-2011.php Theodore Long came out to announce the 8 man tag team match on that night, and also his booking power.
  3. «The Raw General Managers Timeline». Consultado em 2013-02-05. 
  4. Benigno, Anthony (December 1, 2014). «The Anonymous Raw General Manager returned». Consultado em December 2, 2014. «The familiar “da ding” of the Anonymous Raw General Manager certainly didn’t inspire confidence in a fair shake for the WWE Universe when Daniel Bryan’s tenure running Raw came to an end last week. The sinister laptop wasted no time in stirring up trouble when he (she? Hornswoggle?) took over the reins of the red brand.»