Grande Oriente do Brasil Ceará

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Loja Igualdade, sede do Grande Oriente do Brasil Ceará.

O Grande Oriente do Brasil Ceará foi fundada em 24 de agosto de 1937, federado ao Grande Oriente do Brasil. Mesmo sendo uma associação mais nova que a Grande Loja Maçônica do Ceará‎, as lojas que se reuniram para lhe fundar eram as mais antigas do estado, como a "Fraternidade Cearense" fundada em 1 de dezembro de 1859 e a "Loja Igualdade No. 405" fundada em 27 de junho de 1882. A entidade é filiada ao Grande Oriente do Brasil e congrega trinta lojas maçônicas.

O primeiro Grão Mestre foi José Ramos Torres de Melo[1]. Atualmente o Grão mestrado é exercido por Roberto Rocha Araújo. [2]

A maçonaria (forma reduzida e usual de franco-maçonaria) é uma sociedade secreta de carácter universal, cujos membros cultivam o aclassismo, humanidade, os princípios da liberdade, democracia, igualdade, fraternidade[3][4] e aperfeiçoamento intelectual, sendo assim uma associação iniciática e filosófica. Os maçons estruturam-se e reúnem-se em células autónomas, designadas por oficinas, ateliers ou, como são mais conhecidas e correctamente designadas, Lojas, "todas iguais em direitos e honras, e independentes entre si."

O Grande Oriente do Brasil é a mais antiga Potência Maçônica brasileira associação de Lojas Maçônicas, também chamada de Obediência Maçônica). O GOB participou ativamente em momentos cruciais da história brasileira, como a abolição da escravatura e a proclamação da república.[5]

Fontes e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Mello, Luiz (1973). Maçonaria no Ceará: Lojas e Obreiros. Fortaleza: Grande Loja Maçônica do Estado do Ceará. 271 páginas 
  2. «"Grande Oriente do Brasil – Ceará" no site do GOB». https://www.gob.org.br. Consultado em 27 de dezembro de 2017 
  3. «Dicionário Priberam da Língua Portuguesa - Significado de maçonaria». Priberam. Consultado em 5 de maio de 2010 
  4. «Maçonaria». dicionário online de português. Consultado em 5 de maio de 2010 
  5. CASTELLANI, José. História do Grande Oriente do Brasil. Brasília: Gráfica e Editora do Grande Oriente do Brasil. 1993.
  • ARAGÃO, Raimundo Batista. Maçonaria no Ceará: raízes e evolução. Fortaleza: Imprensa Oficial do Ceará, 1987.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Maçonaria é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.