Noctívago

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pela obra de Edward Hopper, por vezes traduzida no Brasil como "Noctívagos", veja Nighthawks.
Corujas são uma espécie notavelmente noctívaga.

Na biologia, um notívago (português brasileiro) ou noctívago (português europeu), ou ainda animal noturno, descreve o comportamento observado em alguns animais que dormem pelo dia e tornam-se ativos durante a noite[1].

A maioria dos seres vivos tem na noite o período de descanso, muitas vezes com profundas alterações no metabolismo, tais como: redução dos batimentos cardíacos, diminuição da temperatura corporal (animais homeotérmicos) ou substituição da fotossíntese pela respiração (vegetais superiores).

São denominados notívagos os seres que têm no período noturno o de maior atividade, tais como morcegos, anfíbios e felinos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «BBC Nature - Nocturnal videos, news and facts». Consultado em 26 de junho de 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.