Revista Eletrônica Gestão & Saúde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Revista Eletrônica Gestão & Saúde (Revista G&S)
Editor Drª Andrea Gonçalves
Frequência Quadrimestral
Editora Universidade de Brasília
Circulação Nacional
Categoria Enfermagem
Gestão
Saúde

tecnologia
País  Brasil
Idioma português, espanhol, inglês
Formato Eletrônico
Fundação 2006
Fundador(a) Elioenai Dornelles Alves
Baseada em o projeto "O fortalecimento do SUS"
Primeira edição 2010
Última edição Corrente
ISSN 1982-4785

A Revista Eletrônica Gestão & Saúde (R. G&S) é o órgão oficial de divulgação científica do Núcleo de Estudos em Educação, Promoção da Saúde e Projetos Inclusivos – NESPROM do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares – CEAM da Universidade de Brasília.[1]

Missão[editar | editar código-fonte]

A missão da R G&S é agenciar a dispersão da informação científico nas áreas de gestão, educação e políticas de saúde através da divulgação de artigos selecionados através do processo de avaliação pelos pares (em inglês, peer review) que contribuam para a expansão destas áreas e para a fundamentação das atividades dos profissionais.[2]

Histórico do periódico[editar | editar código-fonte]

O projeto da revista iniciou-se em 2006 com o projeto "O fortalecimento do SUS" apoiado pelo Ministério da Saúde, somando aos apoios recebidoso do CNPQ, UNB e MEC a revista tem se mantido no site, hoje indexada no LATINDEX, Portal de periodicos da Capes, DOAJ, DJRI,CUIDEN®,Sumarios.org, Diadoriam e filiada a Associação Brasileira de Editores Científicos.[2]

A Primeira publicação foi em 2011, sendo comandada pelo Editor Fundador o Professor Emérito Doutor Elioenai Dornelles Alves (in memorian) é um periódico de acesso livre e gratuito, publicado quadrimestral pelo Nucleo de Estudos e Promoção da Saúde da Universidade de Brasilia, apenas disponível na versão eletrônica no sítio da internet http: http://gestaoesaude.unb.br/.[2]

Tem como missão disseminar o conhecimento científico, revisto por pares, desenvolvido por pesquisadores e trabalhadores da área das Ciências da Saúde, enfermagem,Psicologia, Gestão de Serviços Públicos brasileira e estrangeira.

Sistema de publicação[editar | editar código-fonte]

A Revista publica tanto de modo próprio como edições especiais, como a edição especial em 2014 para artigos premiados no SIMPEP 2014[3].

Como destaca a revista[4], "O processo de avaliação utiliza o sistema Double blind peer review, preservando a identidade dos autores e consultores, com emprego de formulário da Revista Gestão & Saúde." O processo de avaliação pelos pares tem sido adotado pela maior parte das revista tando internacional como nacional.[5],[6],


Referências

  1. Núcleo de Estudos em Educação, Promoção da Saúde e Projetos Inclusivos - NESPROM. http://www.nesprom.unb.br/. Acessado em 23 Feb 2017.
  2. a b c Histórico do periódico. Revista Gestão & Saúde. http://periodicos.unb.br/index.php/rgs/about/history. Acessado em 23 Feb 2017.
  3. Revista Gestão & Saúde. Edições anteriores. V. 6, Supl. 2(2015). http://periodicos.unb.br/index.php/rgs/issue/view/1553. DOI: http://dx.doi.org/10.18673/gestão%20e%20saúde.v1i1
  4. Processo de Avaliação pelos Pares. Revista Gestão & Saúde. http://periodicos.unb.br/index.php/rgs/about/editorialPolicies#peerReviewProcess. Acessado em 23 Feb 2017.
  5. Pinheiro JQ. Anonimato e avaliação cega por pares. Estud. psicol. (Natal) vol.9 no.2 Natal May/Aug. 2004. http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2004000200001. Acessado em 23 Feb 2017.
  6. Nassi-Calò L. Avaliação por pares: modalidades, prós e contras. Scielo em perspectiva. http://blog.scielo.org/blog/2015/03/27/avaliacao-por-pares-modalidades-pros-e-contras/#.WK8Wfm8rLIU. Acessado em 23 feb 2017

Ver também[editar | editar código-fonte]


Ligações externas[editar | editar código-fonte]