Sulamani Bagan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Templo de Sulamani
Templo de Sulamani visto da estrada principal

O Templo de Sulamani é um templo budista localizado na aldeia de Minnanthu (sudoeste de Bagan) na Birmânia. O templo é um dos mais visitados em Bagan. Foi construído no fim do século XII pelo rei Narapatisithu (1174-1211)[1] e é semelhante ao Templo Thatbyinnyu como visual.

O Templo Sulamani também mostra influência do templo Dhammayangyi, e foi o modelo para o templo Htilominlo.[2] Todos estes templos estão situados na mesma região. O templo tem dois pisos, com largos terraços criando um efeito de pirâmide e o seu estilo estrutural em tijolos é considerado um dos melhores em Bagan.[1]

Uma grande imagem de Buda encontra-se nas quatro entradas do andar térreo. A imagem na entrada principal, a leste, está em um vão que forma um nicho na parede. As passagens no interior são pintada com afrescos, muitos deles originais e 40% das pinturas do teto são também da mesma época (1183)[2].

Escadas levam aos terraços do andar superior, de onde a vista da paisagem é excelente[1] podendo-se visualizar muitos dos outros templos, pois existem mais de 2000 templos e estupas espalhados pela região.

Após o sismo de 1975, o templo foi restaurado e nos reparos foram utilizados novos tijolos e pedras, sendo reparados também os afrescos no interior do templo. Do original revestimento externo 40% sobrevive até hoje, encontrando-se este em bom estado[2].

Ver também[editar | editar código-fonte]

Outros templos ou pagôdas em Bagan:

Referências

  1. a b c Clark, Michael; Myanmar; pp 320-321; Lonely Planet Ltd; (Jan 2000); 7th ed.; Australia; ISBN 0 86442 703 4
  2. a b c Stadtner, Donald; Ancient Bagan; pp 252-259; River Books; (2005); Bangkok; ISBN 974 9863 02 X
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Sulamani Bagan