ZIS 101

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ZiS 101
Zis1018.jpg
Um ZiS 101 parado em frente ao Kremlin, as pessoas da iamgem são, da esquerda à direita, Ivan Likhachev (o diretor da ZiS), Sergo Ordzhonikidze (Minístro da indústria pesada), Iosef Stalin (Secretário Geral do Partido Comunista da União Soviética), Vyacheslav Molotov (Minístro das Relações Exteriores), e Anastas Mikoyan (Minístro do Comércio).
Visão Geral
Produção 1936-1941
Fabricante ZiS - Zavod Imeni Stalina
Matriz Moscou, Rússia
Modelo
Carroceria Limusina
Ficha técnica
Motor 8 cilindros em linha 5.8 L 90hp, 110hp
Transmissão 3 manual
Layout Motor dianteiro tração traseira
Velocidade Máx. 115 km/h, 130 km/h
Último
Último
Próximo
Próximo


O ZiS 101 foi uma limusina produzida pela a Zavod Imeni Stalina posteriormente Zavod Imeni Likhachova. O 101 foi introduzido em 1936 e era equipado com um motor de 8 cilindros em linha 5.8 L de 90hp que atingia a máxima de 115 km/h. O carro foi inpirado nos desenhos dos Packard da mesma época. O veículo possuía três velocidades em um câmbio automático e conversor de torque.

Foi sucedido pelo modelo 101-A com motor de 110hp e velocidade máxima de 130 km/h. A produção foi encerrada em 1941. Em 1939 foi desenvolvida por Valentin Nikolaevich Rostkov uma versão de dois lugares chamada 101-Sport, o motor era o mesmo do 101-A, mas aumentado para 141hp e velocidade máxima de 162 km/h (apesar de o jornal Pravda publicar que ele atingia 170-180 km/h).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referência[editar | editar código-fonte]

Artigo traduzido da Wikipédia em inglês.

Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.