Anthony Gonzalez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Anthony Gonzalez
No. 11     
Wide receiver
Informações pessoais
Data de nascimento: 18 de setembro de 1984 (34 anos)
Local de nascimento: Cleveland, Ohio
Altura: 6 ft 0 in (1 83 m) Peso: 193 lb (88 kg)
Informação da carreira
Faculdade: Ohio State
Draft da NFL: 2007 / Rodada: 1 / Escolha: 32
Estreou em 2007 pelo Indianapolis Colts
Jogou pela última vez em 2011 pelo Indianapolis Colts
História da carreira
 Como jogador:

*Offseason e/ou apenas membro do practice squad

Situação atual: Ativo
Pontos altos na carreira e prêmios
  • First-team All-Big Ten (2006)
Estatísticas de carreira na NFL até a 2011
Recepções     99
Jardas     1 307
Touchdowns     7
Estatísticas no NFL.com

Anthony E. Gonzalez (Cleveland, Ohio, 18 de setembro de 1984) é um político estadunidense e ex-jogador de futebol americano profissional da National Football League que atuava na posição de wide receiver.

Atualmente está concorrendo para uma vaga no Congresso dos Estados Unidos pelo 16º distrito de Ohio.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Gonzalez é filho de um imigrante cubano-americano que havia fugido de Cuba para os Estados Unidos quando Fidel Castro tomou o poder na ilha.[2]

High School[editar | editar código-fonte]

Gonzales estudou na Saint Ignatius High School em Cleveland, Ohio. Na escola fez atletismo e futebol americano, onde jogou tanto na defesa e quanto no ataque. No total, Gonzalez fez 71 recepções para 1.873 e 21 TDs além de estabelecer um recorde da escola dom uma média de 27,3 jardas por recepção.

College Football[editar | editar código-fonte]

Gonzalez estudou três anos na Ohio State University. Lá jogou com outros atletas que se destacariam na NFL como os wide receivers Santonio Holmes, Ted Ginn Jr e Roy Hall, e também com o ganhador do Heisman Trophy e jogador do Baltimore Ravens quarterback Troy Smith. Atuando pela Ohio State, Gonzales demonstrou talento, velocidade e acima de tudo muita inteligencia sendo um dos WRs universitários mais elogiados por treinadores e especialistas. Gonzales se formou em Filosofia pela Universidade de Ohio com excelente notas.[3]

NFL[editar | editar código-fonte]

Indianapolis Colts[editar | editar código-fonte]

Anthony Gonzalez foi selecionado no primeiro rodada (32ª escolha) do draft de 2007 pelo Indianapolis Colts e rapidamente assinou um acordo de 5 anos com o time. Ele foi um dos três WR de Ohio State que foram escolhidos em 2007. Devido a presença no ataque dos Colts de dois grande wide receiver, Reggie Wayne e Marvin Harrison, Gonzales teve de atuar como slot receiver, porém devido a contusão de M. Harrison, Gonzales teve a oportunidade de ser titular no respeitado ataque do time de Indiana e ele não decepcionou: ele fez em seu primeiro ano 37 recepções para 576 jardas e 3 touchdowns. Em seu segundo ano Gonzales registrou alguma melhora fazendo 57 recepções para 664 jardas e 4 TDs. No dia 2 de novembro de 2008, Gonzalez fez 2 recepções para touchdown e ajudou Indianapolis a derrotar o New England Patriots por 18-15 no Sunday Night Football.

Em 2009, Gonzalez foi nomeado wide receiver titular do time ao lado de Reggie Wayne depois que Marvin Harrison deixou o time na offseason. Porém ele acabou se machucando na Semana 1 contra o Jacksonville Jaguars e era esperado que ele fique de fora 8 semanas, mas ele acabou sendo colocado no injured reserve.[4] Em 2012, ele foi oficialmente dispensado dos Colts.

New England Patriots[editar | editar código-fonte]

Em 17 de março de 2012, Gonzalez assinou com o New England Patriots.[5] Mas ele acabou sendo dispensado do time no dia 29 de maio do mesmo ano.[6]

De volta a faculdade[editar | editar código-fonte]

Após se aposentar do futebol americano, Gonzales conseguiu um MBA na Stanford's Graduate School of Business.[carece de fontes?]

Política[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2017, Gonzalez se inscreveu para concorrer no 16º distrito de Ohio da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos nas eleições de 2018. Ele é filiado ao Partido Republicano.[1] Gonzalez conseguiu angariar mais de US$ 525 000 dólares em doações em menos de um mês, com parte do dinheiro vindo de ex colegas da NFL, como Peyton Manning e o dono do Cleveland Browns, Jimmy Haslam, além de outros antigos colegas de profissão.[7] Os representantes do seu partido no Condado de Cuyahoga o endossaram para o cargo.[8]

Números da carreira[editar | editar código-fonte]

Ano Time Jogos Titular Recepções Jardas Média por Recepção TDs
2007 IND 13 9 37 576 15,6 3
2008 IND 16 2 57 664 11,6 4
2009 IND 1 1 0 0 0 0
2010 IND 2 0 5 67 13,4 0
2011 IND 8 0 0 0 0 0
Total N/A 40 12 99 1 307 13,2 7

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]