Army Research Laboratory

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Army Research Laboratory
ARL Logo March 2012.png
País  Estados Unidos
Estado teste estado
Corporação Exército
Subordinação Exército dos Estados Unidos
Missão Pesquisa e desenvolvimento
Unidade teste unidade
Tipo de unidade tipo unidade
Ramo ramo unidade
Sigla ARL
Criação outubro de 1992
Comando
Diretor Dr. Patrick J. Baker
Sede
Sede/QG Adelphi, Maryland
Internet www.arl.army.mil

O Army Research Laboratory (ARL) é o laboratório de pesquisa corporativo do Exército dos Estados Unidos. O ARL está sediado no Adelphi Laboratory Center (ALC) em Adelphi, Maryland.

Sua maior instalação é em Aberdeen Proving Ground, Maryland. Outros locais importantes do ARL incluem o Research Triangle Park, Carolina do Norte, White Sands Missile Range, Novo México, Orlando, Flórida, o Glenn Research Center da NASA, Ohio e o Langley Research Center, Virginia.

O ARL também tem sites regionais em Los Angeles (ARL West), Chicago (ARL Central), College Station, TX (ARL South) e Boston (ARL Northeast).

História[editar | editar código-fonte]

Antes da formação do ARL, o Exército dos Estados Unidos tinha instalações de pesquisa que datavam de 1820, quando o laboratório do Watertown Arsenal, Massachusetts, estudava pirotecnia e cartuchos de papel à prova d'água. Essa instalação evoluiria para o Materials Technology Laboratory (MTL). A maioria das pesquisas militares pré-Segunda Guerra Mundial ocorreu dentro das forças armadas por militares, mas em 1945, o Exército publicou uma política afirmando a necessidade de contribuições científicas civis no planejamento militar e produção de armas.[1] O envolvimento não militar antes dessa época era frequente; entretanto, os métodos de contribuição para a tecnologia de guerra eram limitados e incidentais.

Em 11 de junho de 1946, uma nova divisão de pesquisa e desenvolvimento do Estado-Maior do Departamento de Guerra foi criada; no entanto, devido a forças internas dentro das forças armadas que apoiavam a estrutura tradicional de serviço técnico, a divisão foi fechada. Muitas reorganizações ocorreram nas quatro décadas seguintes, o que colocou muitas organizações no comando da pesquisa e desenvolvimento do Exército.[1] Frequentemente, os comandantes dessas organizações defendiam a reorganização, enquanto alguns gerentes de nível médio se opunham à mudança.[1]

O ARL representa a realização de um memorando datado de 6 de janeiro de 1989 do Comandante do LABCOM recomendando a integração dos laboratórios corporativos em uma única entidade. Como parte do programa "Base Realignment and Closure" (BRAC) de 1989/1991, as instalações de pesquisa consolidadas estariam localizadas principalmente no Adelphi Laboratory Centre e no Aberdeen Proving Ground (APG). Isso também realocaria a maioria das operações do "MTL" para o "APG". A Federal Advisory Commission revisou e aceitou a criação do ARL em 1992.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «History of the Army Research Laboratory» (PDF). Army Research Laboratory. United States Army. Consultado em 23 de outubro de 2008. Cópia arquivada (PDF) em 12 de novembro de 2008 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.