Atesamento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde janeiro de 2016).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Atesar ou entesar é em náutica o termo empregue para exprimir a ideia de se ter esticado o necessário uma adriça, como a da vela de estai, que precisa de uma tensão determinada - e não forçosamente a máximo possível - para dar o melhor rendimento.

Todas as velas têm uma tensão ideal relativa a uma dada condição de vento ou rota pelo que a equipagem está constantemente a regular as escotas mas muito raramente as adriças, pelo que se deve prestar muito atenção quando se prepara um barco. A única altura em que se toca na regulação da adriça da vela grande, quando já se está a navegar, é num caso de mudança brusca de intensidade do vento e é necessário rizar a VG para diminuir assim a superfície vélica[1].

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.