Atsuko Wakai

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Atsuko Wakai
Campeã Mundial
Atsuko Wakai no 3º Campeonato da Ásia de Karatedo AKF (1997)
Karaté
Nome completo Atsuko Wakai
Modalidade Karaté
Nascimento 12 de setembro de 1971 (46 anos)
Gifu, Japão
Nacionalidade japonesa
Nível 6º Dan
Clube (1997-2005) Seigokan (JKF)
Período em atividade (1997 - 2005)
Medalhas
Competidor do  Japão
Jogos Olímpicos
Campeonatos Mundiais
Ouro Rio de Janeiro (Brasil) 1998 Kata
Ouro Munique (Alemanha) 2000 Kata
Ouro Madrid (Espanha) 2002 Kata
Ouro Monterrey (México) 2004 Kata
Jogos Mundiais
Ouro Lahti (Finlândia) 1997 Kata
Ouro Akita (Japão) 2001 Kata
Ouro Duisburgo (Alemanha) 2005 Kata
Jogos Asiáticos
Ouro Bangkok (Tailândia) 1998 Kata
Ouro Busan (Koreia) 2002 Kata

Atsuko Wakai (若井敦子?) é uma karateka japonesa que ganhou muitos troféus internacionais em kata individual feminina, em particular nos Campeonatos do Mundo de Karate da World Karate Federation (WKF) em 1998, 2000, 2002 e 2004[1], como membro da equipa da Federação Japonesa de Karate (JKF). De facto, ela é referenciada por muitos especialistas como a mulher mais titulada no mundo do desporto, depois da turca Yildiz Aras.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ainda muito nova, com cerca de quatro anos de idade, Atsuko Wakai foi vítima de um acidente de automóvel, que a obrigou a permanecer hospitalizada quatro meses, com sérias lesões na cabeça. Tais lesões afectaram-lhe o sistema nervoso e só pôde mover novamente o seu corpo, gradualmente e após uma longa convalescença e recuperação através de fisioterapia. Quando deixou o hospital, os seus pais registaram-na num clube de karate (Gifu Dojo) da All Japan Seigokan Karatedo Association, sob a direcção técnica do Shihan Yasufumi Ohno (8º Dan), para a ajudar a encontrar a sua força e coordenação[2].

A sua tenaz determinação em vencer, levou-a a integrar a Equipa de Competição da Japan Karatedo Federation (JKF) e transformou-a na Campeã Mundial de Karate mais medalhada de sempre.

Após sagrar-se campeã na modalidade de kata, no Jogos Mundiais de 2005, Wakai retira-se das competições de karaté e, no mesmo ano, é condecorada com a Medalha de Honra ao Mérito por Serviços Relevantes pelo Ministro de Educação, Cultura, Desportos, Ciências e Tecnologia do Japão. Em 2006, recebe o prémio de Excelência do Comité Olímpico Japonês. Em 2007, torna-se a diretora da equipe de karaté da Companhia de Transportes Seino. Em março do mesmo ano e outubro de 2008, visitou a Columbia Britânica para realizar um estágio.[3][4][5]. Depois, em dezembro de 2008, leciona no Havaí e, em junho de 2009, na Flórida [6][7]

Referências

  1. «Entrevista concedida à All Gojuryu» (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Entrevista concedida à American Samurai» (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Shito-Ryu Seiko-Kai: Sensei Atsuko Wakai Canada Seminar 2008» (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Consulate-General of Japan in Vancouver: 80th Anniversary Japan-Canada Relations» (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. «Kimura Shukokai Karate Western Canada: Past events» (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. «International Karate Federation: Atsuko Wakai special seminar» (PDF) (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. «Amateur Athletic Union: USA Karate National Team Camp» (PDF) (em Inglês). Consultado em 21.nov.2010.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]