Bostrychia carunculata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Como ler uma infocaixa de taxonomiaBostrychia carunculata
Bostrychia carunculata.jpg
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante [1]
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Pelecaniformes
Família: Threskiornithidae
Género: Bostrychia
Espécie: B. carunculata
Nome binomial
Bostrychia carunculata
(Rüppell, 1837)

O íbis-de-barbela (Bostrychia carunculata) é uma espécie de ave da família Threskiornithidae. É endêmico das terras altas da Etiópia e é encontrado apenas na Etiópia e na Eritreia.

Descrição[editar | editar código-fonte]

O íbis-de-barbela é um íbis escuro e de tamanho médio, que se distingue pela combinação de sua plumagem escura, sua crista e sua extensa mancha branca nas asas. Tem um bico relativamente curto, uma cauda proporcionalmente longa e uma barbela fina pendurada em sua garganta. A cor básica da pelagem do adulto é marrom escuro, geralmente lustrada em verde fosco. O rosto é emplumado, com um bico vermelho escuro. O olho é vermelho e rodeado por um anel branco.[2] A barbela é pequena e vermelha,[3] com cerca de 20 mm de comprimento. O comprimento do corpo é de cerca de 65–75 cm.[4]

Distribuição e habitat[editar | editar código-fonte]

Esta espécie é residente em todo o planalto etíope do nordeste da África.[2] Pode ser encontrada nas terras altas da Etiópia em altitudes que variam entre 1.500 a 4.100 m, onde habita cursos de rios com falésias rochosas e campos abertos como charnecas alpinas, pântanos, terras cultivadas, plantações e florestas abertas (tipicamente de oliveiras, zimbro e ocasionalmente de eucaliptos).[1]

Comportamento[editar | editar código-fonte]

Esta espécie é sedentária, mas pode fazer movimentos altitudinais locais dentro de sua faixa de distribuição. Reproduz-se durante a curta estação chuvosa entre março e maio, ou nas chuvas mais substanciais de julho (ocasionalmente também reproduzindo durante a estação seca em dezembro). A espécie geralmente se reproduz colonialmente, embora também possa nidificar em pares solitários ou em grupos menores de 2-3 pares.[1]

Dieta e forrageamento[editar | editar código-fonte]

A dieta do íbis-de-barbela é desconhecida, mas provavelmente consiste principalmente de vermes e insetos, incluindo adultos e larvas de besouros coprófagos; talvez com menos frequência grandes insetos, anfíbios e pequenos mamíferos. Alimenta-se em bandos de magnitudes variadas, às vezes atingindo tamanhos de até 50 a 100 indivíduos.[1]

Normalmente forrageia em campo aberto, caminhando deliberadamente, sondando regularmente na lama ou em solo macio; pode localizar algumas de suas presas através da audição. Eles acompanharão rebanhos de animais domésticos, procurando montes de esterco em busca de besouros.[2][4]

Referências

  1. a b c d BirdLife International (2016). «Bostrychia carunculata». Lista Vermelha da IUCN de espécies ameaçadas da UICN 2021 (em inglês). ISSN 2307-8235. Consultado em 23 de novembro de 2020 
  2. a b c Hancock, James (2011). Storks, ibises and spoonbills of the world. London: Christopher Helms. p. 197. ISBN 9781408134993 
  3. Redman, Nigel (2011). Birds of the Horn of Africa : Ethiopia, Eritrea, Djibouti, Somalia, and Socotra 2nd ed. London: Christopher Helm. ISBN 9781408125809 
  4. a b Matheu, E.; J. del Hoyo, E. F. J. Garcia; Boesman, P. F. D. (2020). «Wattled Ibis (Bostrychia carunculata)». In: J. del Hoyo, A. Elliott, J. Sargatal, D. A. Christie, and E. de Juana. Birds of the World. Ithaca, NY: Cornell Lab of Ornithology. doi:10.2173/bow.watibi1.01 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Bostrychia carunculata
Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.