Cadeira Gonçalo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde janeiro de 2016)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde janeiro de 2016).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Cadeira Gonçalo

A cadeira Gonçalo é uma associação a mais caracteristicamente portuguesa das cadeiras de esplanada.

É, na origem, uma cadeira metálica pintada, de estrutura tubular em aço, composta apenas por quatro elementos:

  • tubo que define as duas pernas de trás, o apoio para os braços e o contorno superior do encosto;
  • tubo que define as duas pernas da frente e o contorno posterior do assento;
  • encosto curvo e ligeiramente reclinado;
  • assento ligeiramente reclinado com bordo dianteiro curvo.

História[editar | editar código-fonte]

As primeiras cadeiras de modelos semelhantes terão aparecido em Lisboa nos anos 30 e 40 do século XX fabricadas pela ADICO.

Nos anos 50, anos de apogeu deste tipo de cadeira, o mestre serralheiro Gonçalo Rodrigues dos Santos terá criado uma replica do modelo, que veio a ser registado já nos anos 90 pela Arcalo, um dos fabricantes destas cadeiras.

Após anos de crise face à concorrência do mobiliário de plástico, os anos 90 trouxeram um novo interesse por este tipo de cadeira.

Referências

Ligações externas

  • «ARCALO». arcalo.com. Consultado em 28 de março de 2016