Canoa Havaiana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Canoa Havaiana tradicional.

Canoa Havaiana é uma das muitas definições utilizadas para as canoas tradicionalmente utilizadas na região do triângulo polinésio. Também chamadas de Wa'a, Va'a, Outrigger ou Canoa Polinésia, essas embarcações foram muito importantes para o processo de colonização daquela região. A Polinésia é um conjunto de ilhas no Oceano Pacífico, entre a Austrália e os Estados Unidos, do qual fazem parte o arquipélago do Havaí e o Taiti (que por sua vez faz parte da Polinésia Francesa).

Devido às características propícias, os caiçaras de toda aquela região utilizavam as canoas como meio de transporte entre as ilhas. Cada região (ilha ou arquipélago) acabou desenvolvendo suas embarcações de acordo com as características locais. No Havaí, por exemplo, onde o mar é mais agitado, as canoas têm uma curva de fundo envergada, enquanto que no Taiti as embarcações possuem formato mais alongado, com um cockpit fechado para cada um ou dois remadores, dependendo do modelo. Todas têm em comum as três partes fundamentais neste tipo de embarcação: o casco (ou hull), o flutuador (ou ama) e os braços que ligam um ao outro (yakos).

Dois nativos em uma canoa havaiana tradicional à beira-mar em Honolulu

Canoa Havaiana como esporte[editar | editar código-fonte]

Apesar da origem ligada ao transporte entre ilhas, as canoas têm sido utilizadas ao longo dos séculos para competições. Uma conhecida máxima poderia ser traduzida como "competições de canoa existiram desde sempre, bastando que houvesse pelo menos duas canoas" (“Canoe racing has been around as long as there have been 2 canoes.”).

No Brasil as canoas havaianas têm sido utilizadas para a prática de esportes e ecoturismo, normalmente em clubes que promovem e incentivam a prática, tendo em seus quadros remadores de diferentes perfis, de modo a preservar o caráter agregador próprio da cultura e das tradições polinésias. A atividade tem dividido espaço com o Stand Up Paddle, pois embora diferentes, ambos têm em comum o uso do remo, a cultura do surf, as tradições e elementos culturais do havaí e do triângulo polinésio de modo geral. Na canoagem havaiana o trabalho em equipe e o espírito de grupo, o pertencimento são mais marcantes, mas existem canoas de pequeno porte para a remada individual (OC1) ou em dupla (OC2).


Clubes de Canoa Havaiana no Brasil[editar | editar código-fonte]

Clube na Praia Vermelha, Rio de Janeiro

Por ser uma atividade que envolve muito trabalho em equipe, apesar de existirem canoas individuais, a Canoagem Polinésia se desenvolveu organizadas em clubes que promovem a iniciação, treinos regulares e competições em diversas partes do mundo.

No Brasil, essa prática seguiu o modelo polinésio, e atualmente existem clubes para a prática do esporte em várias cidades brasileiras, dentre eles:

Bahia[editar | editar código-fonte]

  • BAHIA VA'A (Salvador - BA);
  • Clube de Canoa Salvador Va'a (Salvador - BA);
  • Clube de Canoagem Canoa Bahia (Salvador - BA);
  • Kaleopapa Canoe Club (Salvador - BA);
  • Va'a SUP house (Barra Grande - BA);
  • Vickings Paddlers Training Group (Salvador - BA).

Brasília[editar | editar código-fonte]

  • Ava's Canoeiros do Paranoá (Brasília - DF);
  • Biguás MBTC (Brasília - DF);
  • Canoa Brasilia (Brasília - DF);
  • Canuí Canoagem (Brasília - DF).

Ceará[editar | editar código-fonte]

  • Kayakeria (Fortaleza - CE).

Espírito Santo[editar | editar código-fonte]

  • Canoa da Ilha (Vitória - ES);
  • CPP Extreme (Vitória - ES);
  • Ítalo Va'a (Vitória - ES)[1;]
  • Piratas Va'a (Vitória - ES) [1]  ;
  • Rosa dos Ventos (Boa Vista do Sul, Marataízes - ES);
  • Vitória Va'a (Vitória - ES).

Paraíba[editar | editar código-fonte]

  • Clube de Canoagem Canoa Bahia (João Pessoa - PB).

Rio de Janeiro[editar | editar código-fonte]

  • Angra Va'a Sup Club (Angra dos Reis - RJ);
  • Arraial Va'a (Arraial do Cabo - RJ);
  • BRA Va'a (Rio de Janeiro - RJ);
  • Brasil Va'a (Niterói - RJ);
  • Cabo Frio Outrigger Club (Cabo Frio - RJ);
  • Carioca Va'a Clube (Rio de Janeiro - RJ);
  • Clube Náutico de Cabo Frio (Cabo Frio - RJ);
  • Guarderya (Niterói - RJ);
  • Hoa Aloha Hoe Wa'a (Niterói - RJ);
  • Hui Wa'a (Cabo Frio - RJ);
  • Icaray (Niterói - RJ);
  • Itaipú Surf Hoe (Niterói - RJ);
  • Macaloha Va'a (Macaé - RJ);
  • Mauna Loa Va'a (Niterói - RJ);
  • Moai Va'a (Rio de Janeiro - RJ);
  • Netuno (Rio de Janeiro - RJ);
  • Niteroi Hoe (Niterói - RJ);
  • Praia Vermelha Va'a (Rio de Janeiro - RJ);
  • Rio Ocean Club (Rio de Janeiro - RJ);
  • Rio Va'a (Rio de Janeiro - RJ);
  • Urca Canoe Club (Rio de Janeiro - RJ).

Rio Grande do Sul[editar | editar código-fonte]

  • Walea Canoe Paulo Prass (Porto Alegre - RS).

Santa Catarina[editar | editar código-fonte]

  • Floripa Va'a (Florianópolis - SC);
  • Kanaloa (Florianópolis - SC).

São Paulo[editar | editar código-fonte]

  • Cananéia Wa'a (Cananéia - SP);
  • Canoa Brasil (Santos  - SP);
  • Canoa Caiçara (Santos - SP);
  • Eco Adventure Outrigger Clube (Peruíbe - SP);
  • GO paddle Brasil Canoe Clube (São Sebastião  - SP);
  • Hoe Mana Canoe Clube (Santos - SP);
  • Makani SUP (São Bernardo do Campo  - SP);
  • Ohana canoagem havaiana (Santos  - SP);
  • Paddle Club Ilhabela (Ilhabela - SP);
  • Paddle Sports São Vicente (São Vicente - SP)[2;]
  • Poseidon (Santos - SP);
  • SAMU Team Brasil (São Paulo - SP);
  • São José Paddle Club (SJCampos - SP);
  • SP Va'a (São Paulo - SP);
  • Tribo Q Pira (Santos - SP);
  • Ubatuba Hoe (Ubatuba - SP).

Provas e competições[editar | editar código-fonte]

  • Aloha Spirit;
  • Aloha Hoe;
  • Volta à Ilha de Santo Amaro;
  • Rio Va'a.

Modelos de Canoas mais comuns[editar | editar código-fonte]

Racing outriggers

O modelo de canoa mais utilizado tradicionalmente é a OC6, no Tahiti denominada V6. "OC" se refere à sigla para a denominação havaiana da canoa (outrigger canoe) e "V" à denominação polinésia (va'a). A OC1 e a OC2 possuem um leme que o remador controla com os pés. Há canoas para diferentes configurações de remadores. Abaixo estão listadas as mais comuns:

  • OC1 e V1 - canoa individual
  • OC1 Surf - individual com casco adaptado para a prática de outrigger surf
  • OC2 - canoa dupla
  • V3 - canoa para 3 remadores
  • OC4 - canoa para 4 remadores
  • OC6 e V6 - canoa para 6 remadores
  • V12 - catamarã (duas V6 montadas paralelamente) para 12 remadores