Carência

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Carência, em Previdência Social no Brasil, se refere a um mínimo de contribuições que o segurado deve ter para ter cobertura no momento da ocorrência do risco.[1]

Não há cumprimento de carência para as prestações previstas para os dependentes. A carência só existe quando o segurado é o beneficiário direto. Os artigos 24 a 27 da Lei 8213/91 tratam a respeito da carência. Dessa forma, o parágrafo único do artigo 24 diz que quando a pessoa perde a qualidade de segurado e se vincula novamente ao sistema, deve contribuir com no mínimo 1/3 do número de contribuições exigidas para o cumprimento da carência definida para o benefício.

Referências

  1. Carência previdenciáriaCMP Prev - acessado em 10 de abril de 2020
Ícone de esboço Este artigo sobre direito é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.