Centro Cultural Rodrigues de Faria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edificio Rodrigues Faria.JPG

O Centro Cultural Rodrigues de Faria situa-se na freguesia de Forjães, Esposende.

História[editar | editar código-fonte]

O edifício foi construído da década 20 do século XX para albergar a Escola Primária. Foi integralmente pago pelo benemérito António Rodrigues Alves de Faria.

A inauguração foi a 23 de Dezembro de 1934.

Foi considerada a melhor escola do país. Tinha auditório, ginásio e cantina, foi visitada por António Salazar.

Em 2001 a escola primária fechou e o edifício foi reconvertido em sede da junta de freguesia e centro cultural.

O projecto de arquitectura (1992) relativo à recuperação e adaptação é da autoria do arq. António Geada

Painéis de azulejo[editar | editar código-fonte]

O interior do edifício está decorado com uma riquíssima colecção de azulejos da autoria de Jorge Colaço que invocam os grandes feitos da pátria portuguesa. Os azulejos foram elaborados em Forjães entre Março e Setembro de 1933.

Os temas são Camões e os Lusíadas, O Tritão, O piloto cristão, A descoberta do Brasil, África e o Oriente e As grandes batalhas. Além dos painéis estão representados em cartelas escritores e personalidades portuguesas.

As grandes batalhas[editar | editar código-fonte]

Afonso de Alburquerque em Ormuz.JPG
Afonso de Albuquerque em Ormuz


Infante D. Henrique - Ceuta - 1415.JPG
Infante D. Henrique na Conquista de Ceuta em 1415


D. Afonso Henriques Batalha de Ourique.JPG
D. Afonso Henriques na Batalha de Ourique


Nuno Alvares Pereira - Aljubarrota.JPG
Nuno Álvares Pereira a rezar antes da Batalha de Aljubarrota
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Centro Cultural Rodrigues de Faria