Cofre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Safe1PalPostalDF.JPG

Cofre é um compartimento próprio para armazenar dinheiro, bens ou documentos de valor. Pode ser subterrâneo ou embutido em armários e paredes. Seu revestimento pode ser de uma camada espessa de concreto, aço ou madeira.

Para garantir sua inviolabilidade, possui um segredo ou chave ou ambos, o que permite que apenas o possuidor do segredo abra-o. Tal segredo pode ser mecânico (girando um disco com marcações de 00 a 99 à direita e à esquerda), eletrônico (digitando uma senha em um teclado numérico) ou com uma chave. Os pequenos cofres (cofrinhos) em formato de porco não têm segredo, por serem utilizados por crianças: para recuperar o dinheiro ali existente, deve-se quebrar o cofre, feito neste caso de barro ou porcelana.

Origem do cofre de porquinho[editar | editar código-fonte]

No século XVIII era comum o emprego de um tipo de argila chamada pygg em cerâmica[1] . As pessoas usavam os potes feitos de pygg para guardar moedas. Ao atender uma encomenda, um ceramista inglês, que não estava familiarizado com o termo, confundiu pygg com pig (“porco”, em inglês), pois as duas palavras têm o mesmo som quando pronunciadas[2] . Por isso, preparou potes em forma de porco. O engano acabou fazendo o maior sucesso.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cofre

Referências

  1. Por que o porco virou cofre? Superinteressante (Outubro de 2012 (ed. 310)). Visitado em 28 de julho de 2015.
  2. The Accidental Invention: The Origin Of Piggy Banks The Financial Brand (4 de junho de 2012). Visitado em 28 de julho de 2015.