Complexo Cultural do Porto de Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Complexo Cultural do Porto de Santos
Tipo centro cultural
Operador(a) Companhia Docas do Estado de São Paulo
Geografia
Coordenadas 23° 57' 23.24" S 46° 18' 38.899" O
Localização Santos
País Brasil

O Complexo Cultural do Porto de Santos é composto por uma série de unidades culturais na cidade brasileira de Santos que se constitui por um museu, uma biblioteca, a pinacoteca Gaffrée & Guinle, uma hemeroteca e uma videoteca, tudo gerenciado pela Companhia Docas do Estado de São Paulo, a CODESP.[1]

CODESP[editar | editar código-fonte]

A CODESP é empresa estatal brasileira, constituída na forma de sociedade de economia mista, criada em 7 de novembro de 1980 para substituir a Companhia Docas de Santos – CDS, que era privada.[1] Era operadora portuária até o ano de 1997, quando começou a transferir as operações portuárias para a iniciativa privada, tendo concluído o processo de transferência para a iniciativa privada em julho de 1999. Desde então, apenas administra o porto de Santos, conta com cerca de 1520 funcionários, que estão em grande parte lotados na cidade, e uma pequena parte dos funcionários estão lotados em hidrovias e portos conveniados.

Museu do Porto[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Museu do Porto de Santos

O Museu do Porto de Santos, ou simplesmente Museu do Porto, foi inaugurado em novembro do ano de 1989 com um acervo que conta a história do Porto de Santos por meio de um acervo de objetos históricos de total relevância para a história do Porto e do Brasil.[1]

Referências

  1. a b c «Sobre o Museu do Porto». www.portodesantos.com.br. Consultado em 12 de junho de 2018